target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Ídolo Teen de Meg Cabot

>>  sexta-feira, 9 de abril de 2010

CABOT, Meg. Ídolo Teen. 3 ed. Rio de Janeiro: Galera Record, 2008. 270p.

Meg Cabot uma das autoras preferidas entre as adolescentes está de volta ao blog, com mais um dos seus muitos títulos: Ídolo Teen. Já resenhei aqui alguns livros da autora da série Diário da Princesa, A mediadora e o livro Sorte ou Azar (AQUI). Um dia ainda consigo ler todos, mas vamos à história.

Jenny Greenley é uma garota modelo, daquelas filhas que toda mãe sonha em ter; inteligente, estudiosa, amiga de todos, queridinha dos professores e diretores, canta no coral da escola (embora ela odeie isso), escreve para o jornal local e até atua como psicóloga secreta da turma com sua coluna “Pergunte à Annie”. 

Jenny passa tanto tempo se preocupando com os outros que nem tem tempo de pensar em seus próprios problemas, como o fato de não ter um namorado e de nenhum garoto reparar nela. É ai que chega a escola Luke Striker, um famoso ator adolescente, sonho de todas as moças do país e vira o mundo de Jenny de pernas para o ar.

Luke está na escola como oficina para seu próximo filme, disfarçado para não chamar a atenção e tentando agir como um adolescente normal. Apenas Jenny, atendendo a um pedido do diretor, sabe quem ele é e precisa guardar o segredo. O problema é que Luke faz com que ela veja a escola e suas atitudes por um novo ângulo e mexe com sua cabeça e seu coração.

Um dos fatores que me atraem nos livros da autora é que ela tenta passar aos seus leitores como mudar a vida e o ambiente onde vivem com a atitude certa e os valores corretos. As lições inseridas discretamente por trás de todo o romance e muito bom humor, têm um importante papel, a meu ver, na formação do leitor. Claro, tudo com uma linguagem muito divertida e um toque de romance.

Com Jenny não é diferente, a menina certinha, que está sempre disposta a apoiar a todos e enxugar as lágrimas dos menos afortunados, começa a tomar uma posição contra as atitudes que considera erradas, assumindo uma posição de liderança na escola. No meio disso tudo tem o lindíssimo Luke Striker e o gato do Scotty, um personagem muito fofo por quem Jenny sempre teve uma quedinha. 

A leitura foi muito gostosa e divertida, não está entre os meus preferidos da autora (sou super fã de A mediadora) e achei alguns pontos fracos – como Luke que da um sumiço da história e o final perfeitinho demais-, mas gostei da trama e Jenny é uma personagem adorável. Quer mais da Meg aqui no blog? É só deixar sua sugestão que vai para a minha lista gigante.

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO