target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Perseguição Digital - Loraine Pivatto

>>  segunda-feira, 3 de maio de 2010


PIVATTO, Loraine. Perseguição Digital. Porto Alegre: Edição do Autor, 2009. 202p.

“Não te quero senão porque te quero,
e de querer-te a não te querer chego,
e de esperar-te quando não te espero,
passa o meu coração do frio ao fogo.
Quero-te só porque a ti te quero,
Odeio-te sem fim e odiando te rogo,
e a medida do meu amor viajante,
é não te ver e amar-te,
como um cego.” Pablo Neruda

Joana é uma jovem mulher. Como toda mulher carrega dentro de si uma força e um desejo inabalável. Acima de tudo, Joana é uma mulher batalhadora e que sabe o que quer. Sabe quem quer e não pretende desistir. A tênue linha entre a perseverança e a insanidade serve de alicerce para o romance Perseguição Digital da autora brasileira Loraine Pivatto. 

Joana e Fernando estavam juntos há cinco anos, eram um casal feliz e tinham vários planos para o futuro, até que sem aviso e sem uma explicação racional ele termina o relacionamento e parte para outra. Ela era uma mulher segura de si e muito inteligente, nova, bonita e com uma grande carreira pela sempre. Tinha tudo para virar a página e seguir em frente, mas não pretende abrir mão de seu grande amor sem lutar.

Fernando está curtindo plenamente sua nova vida de solteiro. Muitas festas, muitas garotas, nenhum compromisso e preocupação. A Joana ele deseja “siga em frente e seja feliz”, acredita que com o tempo ela encontrará outra pessoa, que a ame e a faça feliz.

Joana não acredita que um grande amor acabe desta maneira, como se ela fosse um sapato velho que pudesse ser jogado fora e trocado por um modelo mais novo. A falta de uma explicação plausível para o rompimento transforma seu sofrimento em raiva e determinação. Ela irá descobrir o motivo de Fernando, custe o que custar.

Com uma determinação sem limites ela fará de tudo para descobrir o segredo de Fernando. Utilizando de tecnologia, conhecimento em informática e, cá entre nós, a lerdeza do ex namorado, ela invade e-mails, contas, escuta ligações telefônicas, tudo em busca da verdade. Até onde ela seria capaz de ir para encontrar a verdade? Invasão de privacidade, crime de informática, vale tudo em nome do amor?

Joana ultrapassou todos os limites do bom senso em nome da verdade, movida pelo amor ou pela dor, para entender o motivo de ter sido abandonada. A descoberta é uma grande surpresa e poderá mudar o rumo de sua vida. 

A autora questiona o cenário romântico atual, o imediatismo e a superficialidade.  Relações superficiais, sexo sem compromisso e a busca constante pelo prazer. Os valores familiares, o sacrifício e o amor incondicional são vistos com um olhar crítico pela sociedade moderna. O livro fala de uma mulher que ainda acredita no amor verdadeiro e quer estar com o amor de sua vida, com suas dores e delícias, sucessos e fracassos, construir uma vida juntos e um futuro feliz.

A história me marcou através de várias emoções conflitantes, é difícil definir se Joana é uma mulher lutadora, que não desiste dos seus sonhos ou  louca e depressiva. Eu pessoalmente, acredito que teria jogado a toalha logo no início, virado a página e seguido em frente. Vocação para Amélia? Sonho? Perdão? Orgulho? Vários sentimentos são questionados e me fez pensar em tanta coisa, que nem conseguirei colocar aqui no papel. Acho que tem que ter muito pouco amor próprio e abrir mão de todo o orgulho para se sujeitar a isso, mas para Joana era somente muito amor, fé e destino. 

Gostei muito dos outros personagens, da Carolina irmã de Joana, da Renata e da garotinha Michelle, muito fofa. Vontade de matar o Fernando a parte, mesmo ele sendo muito bonito e sarado rsrs. Outra coisa que adorei foram os nomes dos capítulos que são muito divertidos. O livro tem também algumas cenas bem quentes e um ar de mistério. 

Confesso que desconfiei logo no início do livro o que tinha causado tudo isso, mas só no final pude confirmar se eu tinha acertado; a Joana me irritou bastante em alguns momentos com o jeito certinho demais dela e aquele discurso de boa moça enquanto o ex botava para quebrar, mas vou parar por aqui e não vou contar mais nada da trama.

Concluindo, é um romance que desperta várias emoções. A leitura flui rápida e agradável e você fica muito curiosa para saber o que ela vai descobrir e como tudo vai terminar. 

A Loraine é a autora do mês de maio no Viagem Literária. Então fiquem de olho que em breve teremos promoção e entrevista com a autora no blog. Espero que vocês tenham gostado, um beijo grande e uma ótima semana a todos. 

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO