target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Crocodilo Sonhador - Vanda Amorim

>>  segunda-feira, 5 de julho de 2010


AMORIM. Vanda. Crocodilo Sonhador. São Paulo: Editora Globo, 2009. 244p.

"Pois Eugênia amava Júlio, que amava Eduardo, que procurou, à sua maneira, amar Eugênia, que descobriu que o amor verdadeiro era Gabriel."

Quem dera o amor fosse preto no branco, fosse eu e você, para toda a eternidade. Quem dera fosse fácil encontrar o verdadeiro amor, sua alma gêmea; quem dera a felicidade fosse fácil de conquistar, e a gente soubesse qual era a escolha certa, que a sua cara metade viesse com “alma gêmea” escrito na testa... Mas, dizem as almas mais inteligentes, que é quebrando a cara que se aprende, que é dando a cara a tapa que se cresce, que a gente tem que sofrer para dar valor ao que tem, tem que lutar para conseguir o que quer.

Tem livros que mexem com a nossa cabeça, outros exaltam os sentidos, alguns te fazem sorrir e outros que te fazem chorar; este romance irá falar de perto para o seu coração, vai despertar emoções conflitantes, amor e ódio aos personagens. O livro fala de amor, de paixão, de família e principalmente de perdão. Também fala de dor, de decepção, de traição, mas principalmente o livro fala de escolhas. Conheça Crocodilo Sonhador da brasileira Vanda Amorim, um livro repleto de emoções.

Eugênia era uma belíssima mulher, inteligente, de boa família e uma advogada bem sucedida. As escolhas que fez a levou a caminhos tortuosos e cheios de tristeza. Eugênia amou Júlio ainda na adolescência, que foi quem primeiro partiu seu coração; amou Gabriel, que veio para curar, a sua salvação; também amou Eduardo que foi a causa e o efeito de muitas escolhas em sua vida. 

Tudo começou com Julio, seu primeiro amor. Cresceram e estudaram juntos, suas famílias eram amigas há vários anos e um sempre fez parte da vida do outro. Até que Júlio resolve fazer um intercâmbio na Austrália e ficam afastados por um ano. Eugênia fica desolada, movida pelo ciúme e pela saudade tenta controlar todos os passos do namorado. Aguarda ansiosamente seu retorno. Ele ao voltar, termina o relacionamento com ela.

O sofrimento de Eugênia é palpável, estarrecedor. Mergulha em uma tristeza sem fim, depressão, saudade, desamor. Ela não entendia porque Julio tinha terminado com ela. Sofreu muito e por muito tempo ficou sozinha. 

Anos depois na faculdade Eugênia conhece Gabriel. Gabriel o loiro lindo com cara de anjo e sorriso gentil. Gabriel o médico, responsável, honesto e inteligente. Gabriel o homem honrado de bom coração e ainda por cima apaixonado. Ele chega para curar seu coração e restaurar a esperança. O relacionamento dos dois é perfeito, tranqüilo. O namoro trás felicidade para as duas famílias, o casamento é marcado. 

Daí em diante, um golpe tira Eugênia dos trilhos e muda sua vida para sempre. O que acontece a seguir trás mágoa, dor e separação. Vidas interligadas. O futuro de Eugênia dependerá de suas escolhas. 

"Quem sabe Deus queira que conheças muita gente enganada antes que conheças
a pessoa adequada para que, quando no fim a conheças, saibas estar agradecido".
(Gabriel Garcia Márquez)

Vou parar por aqui e não contar mais nada da história. Quero que vocês leiam e acompanhem a vida de Eugênia, com suas alegrias e tristezas, decepções e descobertas. Engraçado como este livro mexe tanto com a cabeça da gente, tanto durante as leituras e acompanhando os personagens, quanto nas lições que ele passa ao leitor.

Primeiro que a gente sente um ódio mortal pela Eugênia, acho que há muito tempo eu não desgostava tanto de uma personagem. Depois você torce por ela, para que no fim ela seja feliz, acho que depois de tanto sofrimento ela conquista a redenção.  Gabriel é um caso a parte, personagem perfeito, lindo de morrer, daqueles que a gente se apaixona e suspira por ele, apesar de que eu acho que igual a ele só existe em livro mesmo rsrs. 

No fim, raiva de Eugênia a parte, deu para perceber que eu amei a história não é? Me surpreendeu bastante também, não sei se pelo título que não deixa pistas sobre o caminhar da história ou pelos temas polêmicos que ele aborda. Uma coisa que me incomodou foi que não consegui entender o porquê da personagem se submeter a tudo aquilo, afinal ela tinha uma carreira, uma família, tinha escolhas. Achei meio inverossímil levando em conta a liberdade de escolha da sociedade atual. Será que alguém se submeteria a tanto só para provar que não estava errada em suas escolhas?

O livro com certeza faz a gente refletir, na vida, nos sonhos, no amor e nas nossas escolhas. Faz você aprender a magnitude e a importância do perdão, por mais difícil que ele seja. O livro me emocionou muito, me fez pensar em como um único ato pode mudar toda a nossa vida. Te convido a conhecer, com a certeza que você também irá se emocionar com Crocodilo Sonhador.

“- De onde vem tanta amargura, meu caro? Pegue uma carona com o crocodilo, realize seus sonhos e não tenha medo de ser verdadeiramente feliz.”

Vanda Amorim é a autora do mês de julho no Viagem Literária. Durante o mês teremos também uma entrevista com a autora, e claro, aguardem que em breve tem uma super promoção no ar. 

Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO