target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Entrevista - Babi Dewet

>>  quarta-feira, 22 de dezembro de 2010


Em seu blog, ela descreve a si mesma como “confusa com as coisas, indecisa e chorona”, mas na prática Babi Dewet tem demonstrado que sabe o que quer. Aos 23 anos, essa escritora carioca faz sucesso com a obra Sábado à Noite, que lançou de forma independente, e também com seu blog http://babidewet.com, espaço em que podem ser lidas resenhas, entrevistas e muito mais.

A facilidade em criar personagens e situações vem do seu amor pela literatura, que se manifestou muito cedo – aos três anos já lia Rei Artur e livros medievais.

Nesta entrevista exclusiva ao Viagem Literária, ela dá a boa notícia de que o livro terá continuação, além de falar sobre as fanfics e de contar sobre suas influências literárias.

Formada em cinema, professora, escritora e blogueira, Babi Dewet também faz questão de destacar que é fundamental correr atrás dos sonhos e de acreditar no que faz.
Boa leitura!

Você é formada em cinema, professora, escritora e blogueira, certo? Fale um pouco de você e de seu trabalho.
Babi Dewet – Certíssimo! Sou também uma quase dona de casa, namorada, entre mil e uma coisas. O maior drama é: como ter tempo pra tudo? Haha
Sou formada em Cinema, mas nunca atuei na área. Decidi logo trabalhar no curso que tenho com a minha mãe, que ajuda adolescentes com dificuldade de aprendizado, além de ser supletivo também. Escrever foi sempre uma paixão, então, no ano passado eu resolvi incluir isso na listinha "O que fazer" do ano e está dando super certo!

Sobre o seu estilo literário, qual sua formação e suas influências? Quais os autores que a inspiraram, que a ajudaram a gostar de ler?
Babi Dewet - Olha, costumo brincar que eu me formei em uma Academia de Ficção Fantástica, porque é do que eu mais gosto – sem dúvida. Mas também sou apaixonada por romances mamão com açúcar e comédia e, normalmente, é o que gosto de escrever. Quando mais novinha eu tive influências de Paulo Coelho e de J.K.Rowling e, hoje em dia, sou muito grata ao André Vianco e Meg Cabot pela grande influência! Mas meu começo de leitura não teve nada a ver com nenhum deles, eu lia todo tipo de livro infantojuvenil com apenas três anos – eu amava o Rei Artur e livros medievais. Acho que, nesse ponto sobre a infância, eu citaria o Pedro Bandeira.

Como muita gente não está familiarizada com as Fanfics, fale um pouco sobre o assunto e como você começou a escrevê-las.
Babi Dewet - Fanfics são histórias escritas por fãs. Basicamente isso. Você escreve algo, inclui seu ator/músico/personagem preferido e lê como se fosse um mundo só. Comecei a escrever fanfics com Harry Potter e eu garanto que é uma forma divertida de aprender a escrever. Você tem seus leitores, recebe críticas, pode melhorar na escrita, plot, etc. É como uma escola online mesmo!

Sobre as Fanfics do McFly, por favor nos fale um pouco sobre a banda, o Mc Fly Addiction e de como se iniciou o projeto do livro.
Babi Dewet - McFLY é uma banda inglesa de quatro garotos adoráveis que tive o prazer de conhecer no ano passado. Sou super fã e, com alguns amigos, montamos o McFLY Addiction há alguns anos. Acho que todos fazem um ótimo trabalho por lá e trouxemos muito do McFLY pro Brasil. Graças aos fãs da banda o projeto do livro Sábado à Noite se realizou – eles me deram o maior apoio!

Existe uma diferença muito grande para o leitor que não conhece Fanfic e/ou a banda e para aqueles que já estão familiarizados com o assunto, quando lêem o livro?
Babi Dewet – Hmmm... talvez. A linguagem de fanfics pode ser um pouco diferente e ajuda se você já estiver familiarizada. Infelizmente ainda não consegui me livrar de alguns vícios da escrita de fanfics – como a falta de descrição – mas tenho tentado. Cassandra Clare também iniciou a escrita com fanfics e no livro dela, Cidade dos Ossos, tem uma clara relação com o tipo de escrita. Mas, em geral, mesmo desconhecendo o estilo e a banda, não modifica o que o leitor vai entender do livro. A história é independente disso.

Você lançou o livro como uma produção independente. Você tentou contratos com editoras antes de tomar essa decisão? Como foi o processo de publicação?
Babi Dewet - Não tinha tentado até depois de o livro ser lançado. Não acho justo o que um autor iniciante ganha no Brasil pela sua obra, e eu quis, sim, ser reconhecida. Hoje tenho pedidos e propostas de editoras, e esse lançamento garantiu que meu livro não fosse só mais um para elas. A publicação não foi simples – demora tempo pra fazer tudo sozinha - mas tive ajuda dos meus amigos que fizeram a capa, revisaram, etc. 

Sábado à Noite traduz muito bem a rotina escolar e os grupinhos diferentes. Tem os marotos, superdivertidos, tem as patricinhas, os esportistas ^^ Como foi a construção dos personagens e dos cenários?
Babi Dewet - Sou apaixonada pelos filmes americanos bobocas da sessão da tarde e sempre tento incluir um pouco desse sentimento no que escrevo. Sério. Construir meus personagens foi super divertido. Apesar de serem muitos, você vai se acostumando aos poucos e eles vão se tornando grandes amigos. Os marotos foram mesmo baseados em amigos meus, o que tornou ainda mais divertido escrever sobre.

O final do livro é surpreendente e muito diferente do que eu esperava. Podemos esperar uma continuação? Tem previsão de lançamento? (Joga pedra na Amanda, hehe)
Babi Dewet - Todo mundo reclama da Amanda, com razão. Ela é uma parte que todo mundo ignora que já teve na adolescência. Mas garanto: vocês já foram todas bobas como ela em algum ponto, mesmo que não tenham extravasado isso. A falta de diálogo é muito normal entre os jovens! Mas, sim, vamos ter uma segunda e, quem sabe, uma terceira parte da história. Garanto que a Amanda amadurece! Haha Sem previsão, devo começar a mexer com isso no ano que vem!

Como está sendo o retorno dos leitores? Pelo que tenho acompanhado, o livro está sendo muito elogiado na blogosfera. O fato de você também ser uma blogueira facilitou o processo de divulgação?
Babi Dewet - Ajudou, certamente. O retorno está fantástico, recebo muitos elogios e críticas, e fico feliz com isso. Tenho muito a crescer ainda. Mas realmente não ler nenhuma crítica negativa do meu livro é um fato que me animou demais – isso  porque sou independente! Muitos autores com editoras têm problemas que eu não tive, o que mostra que sua força de vontade e seu amor pelo que faz fazem a maior diferença. 

Um breve bate-papo:

Quando escrevo:
 eu preciso estar sozinha. 
O que me inspira: cenas românticas e situações!
O que mais amo: minhas pessoas favoritas no mundo.
Livros são: pedaços de mim, um dos maiores prazeres da vida. 
No meu tempo livre: normalmente eu durmo! Haha
Não saio de casa sem: minha bolsa com algum livro. Pra todo lugar! 
Estou lendo: Cheio de Charme, da Marian Keyes. Adorando! Primeiro livro dela que leio.
Meu livro de cabeceira é: Harry Potter.
Sou fã de: André Vianco, literatura fantástica, JKRowling... 
Não gosto de: ser pressionada.
Meu maior sonho é: ter um livro de sucesso.
Não viveria sem: canetas!
Estou à procura de: mais alunos, adoro ajudar quem eu puder! Haha
Meu personagem preferido é: Bruno, de Sábado à Noite. Não era pra citar meu? Então fico com Jace Wayland, de Cidade dos Ossos! lol 
Sábado à Noite é para mim: meu bebê!
Uma frase: "You can live the life you´re living or you can live the life you like", do filme Chicago. Sério, é como dica pra vida!

Babi, quero agradecer novamente pela entrevista, carinho e simpatia e, claro, pelo prazer de ler Sábado à Noite. Quer deixar alguma mensagem aos leitores do blog?
Babi Dewet - Meu grande recado é: não deixe de correr atrás dos seus sonhos e de acreditar no que você faz. Experimente, tente, se dê uma chance e não fique pra trás. Você pode sempre ser melhor!

Babi Dewet
Babi Dewet é a autora nacional de dezembro no Viagem Literária. E para quem ainda não está participando, não perca a promoção aqui no blog e concorra a 1 exemplar de Sábado à Noite! Participe, a promoção fica no ar até dia 01.01.2011.

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO