target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Harry Potter e as relíquias da morte - J. K. Rowling

>>  quinta-feira, 14 de julho de 2011

ROWLING, J. K. Harry Potter e as relíquias da morte. Rio de Janeiro: Editora Rocco, 2007. 590p. Título original: Harry Potter and the deathly hallows. (Harry Potter, V.7).

“Cuidarei do garoto pessoalmente. Cometeram-se erros demais com relação a Harry Potter. Alguns foram meus. Que Potter ainda viva deve-se mais aos meus erros do que aos seus êxitos.”

Hoje na pré estreia de Harry Potter e as relíquias da morte - parte 2 termina para muitos a saga do bruxinho mais amado no mundo... esta é a minha série de livros favorita de todos os tempos, meus olhos marejaram só de ver uma foto do Harry no primeiro ano de Hogwarts e uma agora no último filme. Amanhã irei assistir ao filme na estréia, ansiosa para ver na tela o final que já li e reli tantas vezes e arrasada de este ser o episódio final.  Então hoje vamos falar de Harry Potter e as relíquias da morte de J. K. Rowling, vamos falar principalmente do mundo mágico de Harry Potter que conquistou o maior número de fãs na história da literatura moderna.

Esta é a história do bruxo Harry Potter, que em seu aniversário de 11 anos descobre suas origens e deixa para trás sua vida cheia de tristezas, embarcando em um mundo totalmente novo e fantástico. Ele é “o menino que sobreviveu” ao ataque de uma maldição fatal que matou seus pais e ainda bebê foi marcado para enfrentar o Lord das trevas, Você-sabe-quem, Aquele que não deve ser nomeado, ou para nós, corajosos Grifinorianos, Voldemort ou Tom Riddle. 

Uma profecia selou há muito tempo o seu destino e agora ele está preparado para lutar e para morrer. Harry perdeu muitos pelo caminho e agora o capítulo final se aproxima, para ele e seus dois amigos inseparáveis: Hermione Granger e Rony Weasley.

“Aquele com o poder de vencer o Lorde das Trevas se aproxima… nascido dos que o desafiaram três vezes, nascido ao terminar o sétimo mês… e o Lorde das Trevas o marcará como seu igual, mas ele terá um poder que o Lorde das Trevas desconhece… e um dos dois deverá morrer na mão do outro, pois nenhum poderá viver enquanto o outro sobreviver… aquele com o poder de vencer o Lorde das Trevas nascerá quando o sétimo mês terminar…”

Voldemort voltou com força total, ele planeja conquistar o Ministério da Magia e dominar o mundo bruxo, mais do que tudo isso, ele deseja matar seu maior inimigo. Para tanto, ele busca uma varinha capaz de fugir da magia dos núcleos gêmeos e superar Harry. Enquanto isso Harry, Rony e Hermione planejam partir em busca das horcruxes,  a última missão deixada por Dumbledore.

Para enganar a própria morte Voldemort dividiu sua alma em seis pedaços, uma magia antiga e perigosa, vinculou cada parte a um objeto especial. E agora eles precisam descobrir estes objetos e uma forma de destruí-los.  Enquanto eles partem em uma missão árdua e solitária, o mundo mágico é dominado pelas forças do Lord das Trevas, morte e terror atingem até mesmo a protegida Hogwarts. Os inimigos são muitos, são perigosos, a ajuda é escassa e qualquer resistência é feita na surdina. Muitos amigos pereceram nesta última batalha, Harry é mais uma vez a única esperança.

“- Dobby não tem senhores! – guinchou o Elfo. – Dobby é um elfo livre, e Dobby veio salvar Harry Potter e seus amigos!”

Sei que ao falar dos personagens vou esquecer de alguém importante, mas saudades enormes de Fred, Jorge, Luna, Molly, Gina, Dumbledore, Snape, Arthur Weasley, Belatriz, Remo Lupin, Ninfadora Tonks, Sirius Black, Neville, Minerva McGonagall, Monstro, Hagrid, Dobby, Olho tonto, Edwiges. Podemos nos lembrar de um senhor que tinha como missão vigiar uma mansão, de um garçom de um bar abandonado chamado Cabeça de Javali, até chegar a um elfo doméstico que fez a maioria dos leitores se debulharem em lágrimas.  Harry Potter tem todos os elogios que podemos dar a um livro e muito bem dosados... tem drama, aventura, um pouco de romance e muita fantasia; ele nos ensina a lutar pelo que queremos, a nunca desistir de nossos sonhos, a não perder as esperanças e acreditar no bem acima de tudo.

“- Seu irmão sabia como liquidar Você-sabe-quem e passou esse conhecimento a mim, e vou continuar até conseguir isso ou morrer. Não pense que não sei como isso poderá acabar. Há anos que sei.”

Eu me lembro do primeiro livro que li da série – lançado em 1997-, de como eu não consegui parar e passei a madrugada lendo. Nos anos seguintes fui fielmente a livraria, comprar meu livro no dia do lançamento e correr para ler. Eu reli, indiquei, emprestei e fui à loucura com os lançamentos dos filmes (gostei de alguns, reclamei muito de outros).

Outra coisa muito legal é que a série evoluiu junto ao leitor, tem muitos adultos que começam a ler a série hoje em dia e falam que o livro é tão bobinho, que não entendem onde tem tanta graça. O primeiro livro foi escrito para crianças de 10 anos ou menos e a série cresceu junto com eles, até chegarmos ao sétimo; um livro denso voltado aos adolescentes. Foi uma experiência única acompanhar a série ano a ano, minha maior tristeza é o epílogo no último livro (até então eu tinha esperança que a autora resolvesse continuar a série).

Tem muita coisa boa sendo lançada, muita mesmo, mas Harry Potter transformou o mercado literário e a literatura não será mais a mesma. O mercado voltado para os jovens que era quase inexistente no Brasil começou a se transformar, outras sagas vieram, mas até hoje nada superou a magia de Harry.

Espero que um dia consigam e que venham mais séries capazes de um dia venderem 450 milhões de exemplares, espero conhecer outro personagem que me passe à sensação de ser um amigo para a vida toda, de ter crescido com ele, torcido por ele, chorado suas dores e comemorado suas vitórias. 

Harry é mágico, que esta magia possa estar sempre dentro de nós leitores, que a literatura possa sempre nos transportar para um lugar mágico, sem limites e, as vezes, inesquecível. 

Série Harry Potter de J. K. Rowling:

  1. Harry Potter e a Pedra Filosofal (30/06/1997)
  2. Harry Potter e a Câmara Secreta (02/07/1998)
  3. Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (08/07/1999)
  4. Harry Potter e o Cálice de Fogo (08/07/2000)
  5. Harry Potter e a Ordem da Fênix (21/06/2003)
  6. Harry Potter e o Enigma do Príncipe (16/07/2005)
  7. Harry Potter e as Relíquias da Morte (21/07/2007).
Interligados:
Animais Fantásticos e onde habitam
Quadribol Através dos Séculos
Os contos de Beedle, o Bardo.


Avaliação ( 1 a 5): Ah ele merece mais!

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO