target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Liberte meu coração - Meg Cabot

>>  quarta-feira, 6 de julho de 2011

CABOT, Meg. Liberte meu coração. Rio de Janeiro: Editora Galera Record, 2011. 404p. (Título original: Ransom my heart).

“Hugo precisou se esforçar para controlar seus instintos defensivos. Tinha sido soldado durante dez anos, e os sentidos estavam afiados para os mais puros mecanismos da luta. (...) Mas nunca tinha sentido um braço tão magro em volta do pescoço nem coxas tão leves montadas em suas costas. Nem sua cabeça fora puxada para trás contra uma almofada tão tentadoramente macia. Quando a cortina de cabelos ruivos caiu sobre ele, acariciando seu rosto e enchendo seus sentidos com uma leve fragrância de rosas, ficou satisfeito por não ter levantado os braços e arremessado a bela adversária sobre a cabeça lá para baixo no lago, onde ela indubitavelmente teria aberto o crânio nas pedras.”p.52-53

Quem acompanha o blog diariamente sabe que o que eu mais leio é juvenil, fantasia e sobrenatural e este livro foi uma surpresa inesquecível. Talvez para quem lê muitos romances históricos, este não seja tão diferente, mas mesmo assim tenho minhas dúvidas. Um romance lindo, divertido, cheio de cenas sensuais e com protagonistas apaixonantes: Liberte meu coração de Meg Cabot.

Na Inglaterra do séc. XIII a sociedade se divide entre nobres, servos e homens livres. Uma sociedade formada por berço, dinheiro, poder e influências. Onde as donzelas esperavam conseguir o marido ideal enquanto tinham idade para casar e seus dotes eram moeda de negociação para seu contrato de casamento. Na pequena aldeia de Stephensgate porém, uma jovem em especial foge deste padrão.

Finnula Crais seria mais uma destas jovens e belas donzelas, aos 17 anos era a irmã mais nova de uma família de 6 irmãs e um irmão. Seus pais já haviam falecido, quase todas as irmãs estavam casadas e seu irmão acabava de anunciar seu noivado. Mas Finnula nada queria saber sobre casamentos, dotes e filhos; não se interessava pelos vestidos, pelas jóias nem pelas tarefas femininas. Finn era uma caçadora nata, armada de seu arco e flecha e de uma calça de couro justa que é motivo de comentário por toda a aldeia.

Ela era a melhor caçadora, uma flecha disparada significa um alvo atingido. Além do comportamento e das roupas inadequadas Finnula usa seu arco para caçar ilegalmente nas terras do conde. Com isso ela ganha a ira do inescrupuloso administrador Reginaldo Laroche e fica sobre a mira do xerife John de Brissac.

Mas apesar da impetuosidade Finn é uma moça muito inteligente e sabe o que faz, pode levantar suspeitas, mas nenhum deles tem provas. Já sua irmã Mellana fabrica a melhor cerveja da região e é conhecida como a mais bonita das irmãs, mas não tem nenhum juízo na cachola; além de torrar todo seu dote com vestido e enfeites, a moça solteira ficou grávida e para piorar o pai é um trovador sem nenhum dinheiro.

Desesperada, sem saber o que fazer e certa que seu irmão irá matá-la se descobrir, pede ajuda a sua irmã mais nova. Tudo que Finnula precisa fazer é usar seus dons de caçadora e capturar um nobre de muitas posses para pedir o resgate. A bondosa Finn cai nas lagrimas e na chantagem da irmã e promete conseguir o dinheiro para que ela possa se casar. Agora ela só precisa encontrar um nobre para seqüestrar.

Hugo Fitzstephen está voltando para casa com seu escudeiro Peter depois de dez anos lutando na Guerra Santa. O jovem soldado está desmazelado e barbudo depois de tanto tempo de viagem e só deseja chegar em casa e assumir suas propriedades. Mas, sua fortuna fica clara através de um ato descuidado e ele logo vira alvo da nossa bela sequestradora.

Ela sabe que ele tem dinheiro, mas imagina que ele é mais velho e menos perigoso. Ele não resiste a beleza da jovem e se mostra um prisioneiro mais do que satisfeito. Ela não imaginava que ele pudesse ser tão atraente. Ele não esperava que a jovem impetuosa mexesse tanto com ele. E o final deste sequestro só lendo para descobrir. =]

Vocês sabem que sou fã da Meg, mas este livro me surpreendeu muito! Amei a história, os personagens e a narrativa. O livro é repleto de cenas apaixonantes, inusitadas e outras que te matam de rir.

Um fato interessante é que este livro foi “escrito” por Mia Thermopolis – princesa de Genovia – com a ajuda de Meg Cabot; quem leu a série O diário da princesa sabe de quem eu estou falando. Eu ainda estou no quinto livro da série então não ouvi falar sobre o livro, mas nos livros 9 e 10 a princesa começa a escrever este livro e fala sobre ele.

Voltando a história, Hugo é um daqueles mocinhos apaixonantes que da vontade de levar para casa e outras coisitas rs. Ele é lindo e sabe que é lindo, é rico, poderoso e sedutor. Acha que vai conquistar a mocinha em dois tempos, mas ele não conhecia ninguém como Finn. E fora que o livro tem muitas cenas hots, achei o livro bem adulto para ser considerado juvenil por sinal.

Finnula – apesar do nome horroroso – é uma ruiva linda, decidida e cheia de vida. Ela não da muita bola para os homens, odeia que a coloquem no papel de mulherzinha e não consegue nem se imaginar sendo uma dona de casa e cuidando de crianças.  Hugo a deixa extremamente irritada, a ponto dela nem ligar mais para o dinheiro e só querer se livrar do prisioneiro insuportável... e lindo.

“Hugo estava na chuva, olhando para as duas mulheres que o olhavam pesarosamente da entrada da casa protegida da chuva...
- Bem, se a senhora limpá-lo um pouco, talvez não fique tão ruim assim. – Finnula pareceu em dúvida. – Quero dizer, ele é terrivelmente grande, mas, com um corte de cabelo e sem essas roupas horríveis, talvez possa parecer apresentável.
Finnula franziu o nariz.
- Você é uma mulher generosa, Mavis.”

Além de toda a confusão e do romance fofo, o livro tem um pouco de suspense, muitas armações e situações de tirar o fôlego. Me recuso a contar mais do que isto para não estragar a surpresa de vocês, então leiam, mais um livro imperdível na lista! =]

Site oficial da autora: http://www.megcabot.com

Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO