target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Viaje com as séries #4 - Drop Dead Diva

>>  segunda-feira, 23 de abril de 2012

Olá, pessoal. Parece que essas segundas-feiras chegam cada vez mais rápido, o que é ruim, mas também é bom, porque significa texto novinho por aqui. Hoje, vou acatar a sugestão da Nanda, que pediu uma série que eu já indico há muito tempo e, se não me engano, foi por minha indicação que ela começou a assistir: Drop Dead Diva. A série, que é classificada como dramédia e fantasia, estreou em 12 de julho de 2009 nos Estados Unidos pelo canal Lifetime, já no Brasil sua estreia ocorreu em 16 de novembro do mesmo ano, pelo canal Sony. Renovada para a 4ª temporada, Drop Dead Diva retorna com episódios inéditos no mês de junho e estou mega ansiosa por isso.


De um lado uma aspirante a modelo com corpo perfeito, cabelos louros e um “namorido” maravilhoso. De outro, uma solitária advogada, com manequim GG e uma vida dedicada ao trabalho. O que elas têm em comum? Sofreram um acidente teoricamente fatal no mesmo dia. Deb Dobkins, a modelo, morre após uma colisão com um caminhão - enquanto pintava uma unha. Já Jane Bingum teve a má sorte de ficar frente a frente com um homem armado e levar um tiro dentro do escritório.

Ao chegar ao céu, Deb é recebida por Fred, o anjo que decide se a jovem de 24 anos vai para o céu ou para o inferno, decisão baseada nos feitos de Deb enquanto vivia na Terra. Para a surpresa da modelo ela está zerada, sem pecados e sem boas ações. Ela fica inconformada e no meio de uma discussão sobre Deb ser fútil, ela aperta o botão no computador destinado a devolver as almas à Terra. O que ela não esperava era que as almas voltassem para o primeiro corpo vago que encontrassem e, infelizmente para ela - ou não -, sua alma foi para o corpo de Jane, a advogada vivida pela atriz Brooke Elliott - muito talentosa e carismática -, que estava em uma mesa de cirurgia.

Após o estresse inicial e a histeria de estar em um corpo bem diferente ao que estava acostumada, a nova Jane procura pela melhor amiga de Deb, Stacy Barnett – também magérrima e modelo. Jane/Deb consegue convencer a amiga da louca história que viveu e garante ali uma ajuda para seguir como Jane. O outro auxílio vem lá de cima, de Fred, que foi rebaixado e agora faz papel de Anjo da Guarda, devendo acompanhar todos os passos de sua protegida para que ela não faça ainda mais besteiras. É um personagem extremamente fofo.

O corpo de Jane agora tem as lembranças de Deb, mas continua com a inteligência de Jane, com um QI acima da média. Para dificultar um pouco a nova vida de Deb, seu namorado, o viúvo Grayson Kent começa a trabalhar no mesmo escritório que ela, como Jane, também trabalha. E esse contato diário não será nada fácil. Agora infeliz com o corpo, Deb não consegue arrumar coragem para revelar toda a verdade ao namorado. Este por sua vez, começa a receber flertes da nova colega de trabalho, Kim Kasswel, uma periguetona.


Por incrível que pareça, encontrei semelhança de Drop Dead Diva com House. O fabuloso médico resolve quebra-cabeças envolvendo a doença dos pacientes, muitas vezes “a luz” para desvendar o caso vem em conversas com os colegas, principalmente Wilson. E assim ocorre com Jane, mas nos tribunais. Nos mais diferentes casos, Jane precisa de bons argumentos para vencer suas causas e nos momentos difíceis, que parecem sem solução, “a luz” aparece em conversas também com seus colegas e sua amiga Stacy.


Um outro ponto forte na produção é o uso de uma protagonista fora dos padrões estéticos de beleza e que é linda! Depois que Deb se aceita como Jane, incrementa seu visual com roupas lindonas e maquiagens belíssimas. Até aqui, a série mostra que está no caminho certo, como comentei acima, a temporada 2012 já está garantida. Até agora foram 39 episódios exibidos, cada temporada conta com 13. Assisti a todos e posso afirmar que são divertidíssimos, ao mesmo tempo em que nos fazem pensar em certos paradigmas, como o de que para ter sucesso, as estrelas precisam vestir tamanho P. 

No ano passado – mais precisamente em fevereiro - a Globo passou a transmitir a série, pasmem, na madrugada e sem qualquer divulgação. A série foi exibida com o nome de “Sob Medida” e lá pelas 5h da manhã, para tapar buracos na programação da editora. Fico doida com atitudes assim. Uma excelente série, que poderia ter uma ótima audiência é desperdiçada assim.

Informações Gerais
  • Gênero: Comédia, Drama, Fantasia.
  • Classificação etária: 10 anos
  • Duração: aproximadamente 42 minutos.
  • Criada por: Josh Berman
  • Escrita por:  Josh Berman, Jeanette Collins, Mimi Friedman, Jeffrey Lippman, Thania St. John e Alex Taub.
  • Dirigida por: David Petrarca e Ron Underwood.
  • Elenco principal: Brooke Elliot (Jane), Margaret Cho (Terri Lee), Jackson Hurst (Grayson), Kate Levering (Kim), April Bowlby (Stacy), ben Feldman (Fred), Josh Stamberg (J. Parker) e Brooke D’Orsay (Deb).
  • Intérprete da música tema: Scott Starret

Beijos e uma excelente semana!

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO