target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Halo - Alexandra Adornetto

>>  sexta-feira, 15 de junho de 2012

ADORNETTO, Alexandra. Halo. Rio de Janeiro: Editora Agir, 2010. (Halo, v.1). Título original:Halo.



“Não foi por isso que eu fora enviada à Terra. Prometi a mim mesma que, daquele dia em diante, não pensaria mais em Xavier. Se eu o visse por acaso, o ignoraria. Se ele tentasse falar comigo, daria respostas superficiais e me afastaria. Resumindo: eu não permitira que ele tivesse qualquer efeito sobre mim.
Nem preciso dizer que o plano foi um completo fracasso.” p.51

Três anjos são enviados do céu para proteger os moradores de uma pequena cidade onde forças das trevas começam a surgir. Em um romance sobrenatural voltado ao público infanto-juvenil, hoje vou falar de Halo da Alexandra Adornetto.

Na pacata cidade de Venus Cove os cidadãos vivem tranquilamente, até que uma série de acidentes estranhos começam a acontecer. Forças obscuras aparentemente estão presentes na cidade, e três anjos são enviados do céu para ajudar.

Gabriel era um arcanjo e membro dos Sete Sagrados, já Ivy era um serafim – a ordem dos anjos mais próxima ao Senhor. Bethany a mais nova, era um anjo de transição, ela interagia com as almas que entravam no reino e por isso era a mais humana dos três. Eles chegam à cidade como irmãos, disfarçados tentarão levar uma vida comum.

Gabriel será o novo professor de música da escola, na mesma escola onde Bethany irá estudar. Bethany  é o que poderiam chamar de anjo criança, é a sua primeira vez na Terra e para ela tudo é novidade. Ela testa gostos e sensações, quer fazer amigos e viver como uma adolescente normal.

Mas Beth, atrapalhada com tantos sentimentos e desejos, logo se vê apaixonada por Xavier Woods. Ele é bonito, comunicativo, desejado por todas as meninas. Sua nova amiga Molly logo alerta que ele é inacessível, teve uma grande perda e não da bola para nenhuma menina.

Mas logo surge uma grande química entre os dois, Bethany apaixonada sabe que pode colocar tudo a perder. Ela pode comprometer a missão e principalmente, sua existência como anjo. 

Eles precisam viver em segredo, três irmãos magnificamente belos e bondosos,  atraem instantaneamente a atenção dos moradores. As garotas suspiram pelo professor de música, os rapazes logo se inscrevem em todos os projetos sociais coordenados por Ivy, e Beth, só tem olhos para Xavier. Até que um rapaz estranho e com ares de bad boy chega a cidade.

~~~~~

Eu não tinha grande expectativa sobre este livro, primeiro porque já vi inúmeras criticas sobre a série, que é mais juvenil, muitos comparam com Beijada por um anjo.  E eu não sou fã de Beijada, então comecei a leitura já preparada para ler algo mais jovem e mais simples. 

No começo o livro me surpreendeu, gostei da narrativa leve e doce da autora, dos acontecimentos lineares e dos personagens. A autora fala de fé, da bondade e das boas ações para melhorar o mundo. Tanto que, no começo do livro, tudo que os anjos fazem é se integrar aos projetos sociais da cidade. Gostei também de acompanhar o deslumbramento de Beth com tudo o que é humano.

Xavier é um fofo, o casal para mim super combina, apesar daquela coisa que sempre me incomoda, de “Te vi e te amo para sempre”. A relação dos dois é de amor a primeira vista, sempre acho isto meio difícil de acreditar.

Do meio para frente a historia para mim piorou bastante, Beth é um anjo novato e mais humano, mas ela faz besteira demais. Mete os pés pelas mãos e nunca desconfia de nada. E fora que mesmo ela sendo um anjo inexperiente, ela se comporta como humana demais para o meu gosto, aqueles papos adolescentes bobos, era para a menina ser mais inteligente não? Tem também um certo conflito final, uma batalha, que é narrada muito superficialmente, o que me decepcionou.

Eu queria que o segundo livro fosse de Gabriel, acho que seria mais interessante do que acompanhar os draminhas de Beth. Vamos ver o que Hades irá trazer, o livro já está aqui na fila de espera e tomara que tenha mais ação e aventura do que o primeiro.

A minha série sobrenatural de anjos preferida continua sendo Hush, Hush, mas eu gostei mais desta do que Beijada, inicialmente. 

O livro é para um público mais jovem, acredito que as pré-adolescentes irão gostar bastante da historia, o casal protagonista é bem fofinho e a relação dos anjos como irmãos também é legal. Os outros personagens não tem grande destaque na historia, a narrativa em primeira pessoa sempre tem este fator prejudicial.

É uma série que indico para o publico bem jovem, a autora aborda a religiosidade de uma forma muito doce e interessante.

Trilogia Halo de Alexandra Adornetto
  1. Halo
  2. Hades
  3. Heaven (ainda não lançado no Brasil).
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO