target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Viaje com as séries #21 – Gossip Girl

>>  segunda-feira, 20 de agosto de 2012


Quem aí curte uma fofoquinha? O pessoal dessa série é louco por elas e também sofre por muitas vezes ser o centro dos cochichos. Hoje vamos nos deleitar com Gossip Girl, uma série que já foi muito boa, decaiu e tem sua última temporada marcada para a próxima fall season.


“Gossip Girl here, your one and only source into the scandalous lives of Manhattan's elite”, essa é a frase de abertura dos capítulos da série, que é baseada nos livros de Cecily Von Ziegesar. A produção introduz o espectador no mundo de jovens estudantes das escolas de elite no Upper East Side de Manhattan, em Nova York. A primeira temporada teve um foco maior na volta de Serena van der Woodsen à cidade, após ter ficado um ano fora em um internato e longe do alcance de amigos e conhecidos. Porém, todos os jovens são alvo da misteriosa, temida, admirada, invejada e odiada Gossip Girl. Já que todas as confusões, tramas, dramas e planos maquiavélicos da história são acompanhados de perto pela fofoqueira anônima, que entrega todos os podres da galera através de seu blog. A personagem não aparece nos episódios, apenas sua voz. Na série, a voz da Gossip Girl é de Kristen Bell, conhecida por seu papel em Veronica Mars.

A relação de Gossip Girl com os alunos da Constance Billard e St. Jude’s (o primeiro exclusivo das meninas e o segundo, dos meninos) vem desde a nona série, quando Serena se envolveu no primeiro dos muitos escândalos que estavam por vir. Ela ficou com seu vestido branco todo molhado dentro de um avião na viagem de excursão da escola. Desde então, Serena virou a vítima preferida de Gossip Girl.

Na temporada de estreia, após a volta de Serena, que foi muito comentada pelos leitores do blog, Blair Waldorf – melhor amiga de Serena e agora magoada pela ausência de notícias suas – recepciona a garota a excluindo socialmente e mantendo distância. Isso porque ela não sabe outras coisas que a amiga andou aprontando. A amizade das duas é antiga e sempre foi turbulenta. Serena tem uma luz, um holofote que ofusca a amiga, que sempre sonhou ser a mais popular, mais temida, mais tudo. Com a volta de Serena, ela fica em segundo plano de novo e elas sempre se bicam, mas sempre fazem as pazes de novo também. Serena não liga para a questão de brilhar, ser invejada e tudo o mais, mas é uma coisa natural nela, tudo que ela toca reluz e chama atenção. Isso enfurece Blair, que também é linda, tem suas seguidoras, tira notas altas e é um ícone fashion. No entanto, como eu disse antes, ela sempre quer mais.


Serena já aprontou muito em seus anos de vida. Seus dias e noites eram regados a drogas, sexo e muita loucura. Ela se manteve longe por um tempo e voltou ao Upper East Side depois de descobrir que seu irmão, Eric, havia tentado suicídio. Claro que como toda trama que envolve a alta sociedade, esse ‘incidente’ foi abafado. Antes de sair da cidade Serena fez algo ‘repugnante’, que a fez pensar melhor sobre o modo como levava a vida. Ela transou com o namorado da sua melhor amiga, Blair. E essa relação foi abalada pela falta de contato e pela traição descoberta mais tarde. Blair é venenosa, a Queen B. está sempre competindo com Serena. Não mede esforços para conseguir o que quer e sabe jogar muito sujo. No início da trama namorava o traidor Nate Archibald, mas depois se apaixona pelo cafajeste Chuck Bass.

Chuck é hilário, com seu jeito canalha canta todas as mulheres e, na grande maioria das vezes, as conquista. Chuck usa e abusa de sua influência e grana para conseguir as coisas e também se apaixona por Blair, mas o fato de não ter recebido carinho em toda sua vida, torna esse sentimento muito difícil de demonstrar e até de se aceitar. Ele é um dos meus personagens favoritos.


Nate é um riquinho mandado pelos pais, não gosta realmente de Blair, mas a namorou por muito tempo por pressão dos pais. Atleta, popular, Nate não sabe o que quer para si e sofre um drama familiar. Seu pai usa drogas para esquecer dos problemas financeiros, posteriormente é preso, sua família perde tudo e ele se vê dependente de seu avô materno. 

A parte ‘pobrinha’ da série fica por conta de Dan, Jenny e Rufus Humpfrey, além da ex-namorada de Dan, Vanessa Abrams. Dan não é popular na escola já é de se imaginar a razão, é pobre. Muito inteligente, sonha em cursar Yale. Desde o início da adolescência é apaixonado por Serena. Após conquistar a jovem rica, fica mais visado nas fofocas da escola. Jenny sonha em ganhar popularidade, se espelha em Queen B. e Serena e até chega a destronar a mestre em popularidade. Mas quando vê a realidade, deseja mudar tudo na hierarquia social da escola. A mãe de Serena e o pai de Dan e Jenny foram namorados no passado e ainda nutrem a paixão um pelo outro.


Nessas cinco temporadas exibidas muitos personagens vieram e sumiram. Acho que posso dizer que até a terceira temporada, GG foi boa, soube se manter com uma certa qualidade. Mas depois disso, ela desandou muito. A última temporada mesmo me deixou doida, indignada e eu confesso que se a sexta temporada não fosse a última, eu largava. Não sei o que os roteiristas pensaram em fazer, só sei que a coisa toda não deu certo. Fico triste que a série termine assim, preferia que tivesse terminado antes, mas no auge. No dia 11 de maio deste ano, foi anunciado que Gossip Girl iria retornar para uma sexta e última temporada, que começa no dia 8 de outubro. A temporada irá contar com 11 episódios, o que mostra quão ruim está sua situação, visto que uma temporada completa tem cerca de 24 episódios.

Há muito o que se falar da série, muitas histórias e mistérios ocorrem com os personagens, mas se eu falasse de tudo poderia perder a graça e o post ficaria ainda mais imenso, por isso só dei uma pincelada geral e comentei mais sobre a primeira temporada.



Curiosidades
  • Desde a quinta temporada Jenny Humphrey e Vanessa Abrams não fazem mais parte do seriado, voltam apenas para algumas participações especiais;
  • Neste ano Gossip Girl comemorou seu centésimo episódio com um grande episódio que contou com o casamento de Blair Waldorf e do príncipe de Mônaco, Louis Grimaldi e a suposta revelação de quem é a Gossip Girl. Além disso, Gossip Girl entrou oficialmente para o calendário da Big Apple. O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, proclamou o dia 26 de janeiro como dia de Gossip Girl.
  • Bloomberg visitou o set de filmagem e explicou que a série, e as outras 23 produções de televisão que utilizam a cidade como cenário, têm contribuído com emprego de mais de 100 mil pessoas e também com o turismo.
  • Após a exibição da 1ª Temporada em 25 de janeiro de 2010 em horário nobre, a série foi cancelada no SBT  que alegou baixos índices de audiência. Mesmo com o cancelamento das apresentação diárias, foi prometido uma nova exibição futura. No dia 19 de novembro de 2011 o SBT, canal que possui os direitos de exibição de Gossip Girl, informou que a série voltaria à sua grade de programação, porém dentro do quadro Tele Seriados, que ocorre nas madrugadas da vida.
  • A série já ganhou vários prêmios, entre eles o de melhor série por quatro anos e também de melhor atriz, ator e vilão.
  • A estreia da série foi assistida por 3,50 milhões de telespectadores. No entanto, ela tinha a expectativa de ter uma audiência maior que America's Next Top Model. O último episódio da primeira temporada foi assistido por 3.00 milhões de telespectadores. A segunda temporada estreou com 3.43 milhões de telespectadores e a quarta temporada estreou com 1.83 milhões de telespectadores. Uma queda e tanto.
  • Gossip Girl tem dois spin-offs: Valley Girls e Chasing Dorota. O primeiro é sobre a juventude de Lily e o segundo sobre a vida de Dorota, a secretária do lar mais amada do Upper East Side e do mundo das séries.



Informações Gerais
  • Gênero: Drama;
  • Duração: Aproximadamente 42 minutos;
  • Criadores e diretores: Josh Schwartz e Stephanie Savage;
  • Produtores: Josh Schwartz, Stephanie Savage, Bob Levy, Leslie Morgenstein e John Stephens;
  • Narradora: Kristen Bell;
  • Elenco: Blake Lively, Leighton Meester, Penn Badgley, Chace Crawford, Ed Westwick, Kelly Rutherford, entre outros;
  • Tema de abertura: Transcenders.
Xoxo,

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO