target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Viaje com as séries #22 – 2 Broke Girl$

>>  segunda-feira, 27 de agosto de 2012


Olá, pessoal! Última semana de agosto e mais uma semana que nos deixa mais próximos do fim do ano. Como a vida passa rápido – até pareço uma velha falando. Ok. Continuando, para o post de hoje eu escolhi uma comédia realmente engraçada, com pitadas extras de sarcasmo e algumas piadinhas sujas. Estou me referindo a 2 Broke Girl$.


A série é veiculada lá fora na CBS e aqui no Brasil rola na Warner, foi lá que conheci a dupla de protagonistas maluquetes. Bom, posso culpar o acaso por ter conhecido Max e Caroline, ou então, foi o destino que as colocou na minha TV. Já que dei a sorte de parar no canal e conferir o episódio bem quando estavam reprisando o piloto da série. Adorei o humor negro e a simpatia – só que não – de Max e também curti a garra de Caroline.

Max Black é uma garçonete pobretona, que também faz cupcakes e trabalha de babá para uma socialite. Com uma tolerância bem próxima do zero, ela não está nem aí para as regras de etiqueta e responde sempre cheia de sarcasmo aos clientes do restaurante e ao dono dele, Han. Ela é apaixonada e vive um romance de brincadeira com Earl, um senhor de idade, que é caixa do restaurante e uma fofura.  

Caroline Channing é bilionária, mas tem todo o seu dinheiro e bens congelados por conta de uma armação de seu pai, que está na cadeia. Sem ter um tostão para nada e muito menos onde morar, ela vai para o local mais afastado do centro, onde nenhum dos amigos de sua antiga vida possam encontrá-la e consegue um emprego de garçonete. Ela agora é colega de Max, que por sinal, não aceita muito bem a nova contratada. Mas não demora muito para que essa garra de Caroline também conquiste Max.

Afinal, Caroline é mesmo uma riquinha que nunca precisou trabalhar e sempre teve tudo que quis, já esteve em diversos países e tem roupas de grifes que Max nunca nem ousou conhecer. Elas são mega diferentes e, talvez, por isso possam se dar bem. Além de experiências de vida muito distintas, o pensamentos das duas também divergem. Max é toda pra baixo, pessimista assumida. Caroline, mesmo com toda a turbulência recente em sua vida, é uma pessoa positiva e organizada, traça planos e faz de tudo para chegar lá.


Max tem a obra-prima: os deliciosos cupcakes. Caroline tem a ideia e o planelamento: elas terão uma loja de cupcakes. A partir daí ambas começam a juntar grana para realizar o sonho e serem donas de seu próprio negócio. O problema é que a quantia que precisam não é nem um pouco baixa, são 250 mil dólares. Como sempre, Max é mais negativa, enquanto Caroline cria sites, cartões e estratégias para levar o nome dos Cupcakes Caseiros da Max o mais longe possível.

Elas se metem em cada situação para conseguir grana extra, que eu morria de rir. Um dos empregos foi de limpar um apartamento que era cheio de entulho, outro era cuidar de cachorrinhos e até faxina elas encaram. Em todo fim de episódio a quantia total que as meninas juntaram é mostrada ao público.

A série tem apenas 20 e poucos minutinhos e é tão divertida que passa muito rápido. Pode não agradar todo mundo, porque o humor da série é bem ácido e muitas vezes com conotação sexual, principalmente quando se trata de Oleg, o cozinheiro. No entanto, não é nada forte demais, é bem tranquilo. E é bastante divertido acompanhar Max e Caroline na dura tarefa de juntar dinheiro, pagar contas e divulgar os cupcakes. Sem falar nas cenas hilárias de Max mostrando à Caroline coisas do cotidiano de um bairro pobre, ela enlouquece quando descobre a genialidade dos cupons de desconto para compras no supermercado!!


Os personagens secundários também são excelentes. Há Oleg, que comentei acima, e Han, Earl e depois aparece também Sophie, a vizinha de cima das meninas. Tudo para fechar a receita de diversão garantida.

A primeira temporada teve 24 episódios e o episódio piloto foi veiculado nos Estados Unidos após o primeiro episódio de Two and a Half Men sem Charlie Sheen, obtendo uma média de 19.2 milhões de espectadores. Foi a maior audiência de estreia para uma série de comédia desde 2001. A série marcou um ranking de 7,1 entre adultos de 18-49 anos.  E está renovada para a segunda temporada.

2 Broke Girl$ também acumuma prêmios, em 2011 venceu duas categorias do The Comedy Awards, a Melhor Série de Comédia e o Casal Favorito – Kat Dennings e Beth Behrs -, as protagonistas.  E em 2012 foi a campeã do People’s Choice Awards na categoria A Nova Comédia de TV Favorita. Eu recomendo.

Sem legendas.

Uma cena inicial, para dar gostinho. 

Informações Gerais
  • Gênero: Sitcom (comédia);
  • Duração: Aproximadamente 22 minutos;
  • Criadores: Whitney Cummings e Michael Patrick King;
  • Elenco principal: Kat Dennings como Max, Beth Behrs como Caroline Channing, Garret Morris como Earl, Jonathan Kite como Oleg e Matthew Moy como Han Lee;
  • Elenco recorrente: Jennifer Coolidge como Sophie Kerchinsky, Brooke Lyons como Peach Landis e Nick Zano como Jhonny.

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO