target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Viaje com as séries #29 – Fringe

>>  terça-feira, 16 de outubro de 2012


Oi, pessoal! É difícil falar sobre Fringe, até achei que já tinha feito isso por aqui. A série é incrível, até demais para algumas pessoas. Psicocinese, teletransportação, nanotecnologia, inteligência artificial, precognição, cibernética e transmogrificação foram alguns dos temas abordados na temporada inicial. Cada um deles aparece na abertura da série, sabiam? Como vocês puderam perceber, Fringe é uma série de ficção científica e, sem dúvidas, é uma das melhores do gênero.


Com seus temas loucamente bizarros e uma genialidade incrível, a série conquistou fãs por todo o canto do mundo. Criada por J.J. Abrams, o mesmo cérebro por trás de Lost e Alias, a produção tem elementos que podem ser reconhecidos por espectadores de Arquivo X e The Twilight Zone.

No episódio piloto, que foi um dos mais caros da história da TV americana, custando US$ 12 milhões, somos apresentado ao universo de Fringe, uma série com o propósito de explorar a linha tênue entre a ficção científica e a realidade. A história do piloto envolve um acidente aéreo, que mata todos os passageiros e a tripulação de forma chocante. É aí que a Divisão Fringe entra. 

Olivia Dunham é uma agente especial do FBI e junto com seu parceiro John Scott – o ator que interpretava o papel foi casado com a atriz que dá vida a Olivia, Anna Torv – investigam o estranho acontecimento. Ele quase morre e para tentar salvá-lo ela recorre ao brilhante doutor Walter Bishop. Porém, o renomado doutor vive há 17 anos em uma clínica psiquiátrica e a única forma de chegar até ele é através de seu filho, há muito sumido, Peter. Com um pouco de confusão, mas com sucesso no fim, o trio se junta a Phillip Broyles, Astrid Farnsworth e Charles Francis na busca por uma explicação, que leva diretamente a Massive Dynamic, uma megacorporação que tem à frente a executiva e manipuladora Nina Sharp. Depois de muito investigar, o que eles descobrem não é nada estimulante: o que ocorreu no voo 627 é apenas um pedaço de uma verdade bem maior e muito mais chocante.


Aventura e ação não faltam na série, assim como cenas bizarras e não muito boas para se ver enquanto se come – eu geralmente assisto na hora do almoço, mas já me acostumei. Atualmente a série está na sua quinta e última temporada, que contará com 13 episódios. Assisti aos dois primeiros ontem e afirmo que está incrível. Só fiquei triste porque torturaram meu amadinho, Walter. Ele é o meu personagem preferido, uma criança vivendo no corpo de um homem velho. Sempre tenho vontade de apertá-lo, a atuação de John Noble é sensacional.


A série é cheia de easter eggs, símbolos e imagens escondidos e difíceis de encontrar na primeira olhada. Eles dão dicas sobre novos episódios e também podem colocar elementos de episódios passados, criando teorias sobre o caso da semana ou o que está por vir. Há também os glifos, códigos curiosos que não alteram a mitologia da série, mas que possuem um significado secreto. Cada episódio tem uma série de glifos que são mostrados durante os intervalos comerciais, quando decodificados eles formam uma palavra que tem a ver com o tema do episódio ou com o próximo.

Informações gerais
  • Gênero: Ficção científica, sobrenatural, terror, suspense e  drama;
  • Duração: Aproximadamente 45 minutos;
  • Criadores: J.J. Abrams, Alex Kurtzman e Roberto Orci;
  • Diretor: J.J. Abrams;
  • Produtores: Alex Kurtzman, Roberto Orci, J.J. Abrams, Jeff Pinkner e Bryan Burk;
  • Elenco: Anna Torv, Joshua Jackson, John Noble, Lance Reddick, Kirk Acevedo, Blair Brown, entre outros. 

Para quem gosta de  ficção científica é um prato cheio e para quem ainda não conhece, essa é a hora de se infiltrar nesse mundo. Eu adoro! Beijos e até a próxima.

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO