target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Viaje com as séries #40: American Horror History

>>  segunda-feira, 7 de janeiro de 2013


O terror já foi um dos meus gêneros preferidos. Acho que muita gente passou por essa fase, eu adorava!! Mas agora sou bem medrosa, de verdade. Principalmente se for para assistir qualquer coisa aterrorizante sozinha. Em uma de minhas férias assisti Atividade Paranormal e enquanto assistia, de dia, armou um temporal, faltou energia e etc, fiquei umas noites tendo dificuldade para dormir devido ao alto nível de medo! Sou doida mesmo.


Enfim, quando American Horror Story estreou e eu recebi várias indicações, não perdi tempo e baixei, mas a produção é de arrepiar os cabelinhos do corpo mesmo e acabei não continuando. Vocês devem estar se perguntando o motivo de eu estar escrevendo sobre ela, vou explicar.

Ainda quero colocar os episódios em dia, principalmente porque na segunda temporada há a participação do Adam Levine e eu amo aquele lindo. E acredito que muitos de vocês possam ser mais corajosos que eu para acompanhar a série, que só ganha mais e mais elogios, então ela realmente é boa. Só é preciso coragem.

American Horror Story foi criada e é produzida por Ryan Murphy e Brad Falchuck. Uma das diferenças dela para outras séries é o fato de cada temporada ser concebida como uma minissérie independente, seguindo um conjunto de personagens e ambientações distintas e um enredo com o seu próprio começo, meio e fim.


A primeira temporada, aquela que não vi inteira, ocorre nos dias atuais e é centrada na família Harmon, que se muda para uma mansão restaurada, sem saber que a casa é assombrada pelos seus antigos habitantes. Que medo!!! A segunda temporada, intitulada “Asylum”, ocorre no ano de 1964 e segue as histórias dos pacientes, médicos e freiras que ocupam uma instituição para criminosos insanos. Uma temporada que caiu nas graças do público.


Quem transmite a série no Brasil é a Fox, os episódios são veiculados nas terças-feiras, após os episódios de The Walking Dead, lá pelas 23h15. Lá fora a série é transmitida na televisão pelo FX. No dia 15 de novembro de 2012, o FX anunciou a ordem de uma terceira temporada para a série, programada para estrear no outono de 2013. A produção é um grande sucesso, o elenco é bastante elogiado, especialmente Jessica Lange, que está nas duas temporadas. A série teve sua primeira temporada como a maior nova série da TV a cabo de 2011. Nesses dois anos em que  esteve no ar, foi indicada a 12 prêmios e venceu cinco deles. É mole ou quer mais?
Espero que em 2013 eu deixe de ser “cagona” e termine a primeira temporada.

Curiosidade: Os criadores Ryan Murphy e Brad Falchuck começaram a trabalhar em "American Horror Story" antes de Glee. Murphy queria fazer o oposto do que ele havia feito anteriormente e assim começou o seu trabalho na série. Falchuk ficou intrigado com a ideia de colocar um ângulo diferente no gênero horror, afirmando que seu objetivo principal ao criar a série foi para assustar os espectadores. O tom dark da série é inspirado na produção da ABC "Dark Shadows", que a avó de Murphy obrigou-o a assistir quando era mais jovem para fortalece-lo. Além disso, a série se inspira filmes de terror clássicos, como O Bebê de Rosemary e O Iluminado.



Informações Gerais
  • Gênero: Suspense, drama, terror;
  • Criadores: Ryan Murphy e Brad Falchuck;
  • Elenco: Dylan McDermott, Evan Peters, Lily Rabe, Jessica Lange, Denis O’Hare;
  • Episódios exibidos até agora: 21;
  • Duração: Aproximadamente 45 minutos;



Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO