target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Viaje com as séries #132 - State of Affairs

>>  segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Katherine Heigl é muito conhecida por seu papel na famosa Grey’s Anatomy, assim como seu pedido para sair da série, que alavancou sua carreira. Depois disso, seus trabalhos não surtiram o efeito esperado, não fizeram sucesso e a fama dela de ser uma pessoa difícil de trabalhar só aumentou. Várias comédias românticas depois, a atriz volta para as telinhas com a novata State of Affairs, que estreia na NBC nesta segunda-feira.


“Se você ama The Blacklist, vai adorar State of Affairs” é a frase que ganha destaque na página da atração no site da emissora norte-americana. A série policial que estreou na temporada passada e ganhou muitos admiradores, além de sucesso garantido, é usada para chamar a atenção para a nova trama.


Nela, a analista da CIA Charleston Tucker – papel de Heigl – faz um briefing diário para a presidente do país, com as dezenas de decisões de vida ou morte, priorizando as maiores crises internacionais que o país enfrenta. Esta lista dos problemas de segurança mais importantes que a nação enfrenta traz consigo julgamentos morais e políticos para Charleston e seu grupo de confiança de analistas brilhantes na agência. Além dos campos minados políticos que ela tem de enfrentar, Charlie tem uma estreita relação pessoal com a presidente Constance Payton (Alfre Woodard, "Desperate Housewives"), porque ela já foi noiva de seu filho antes que um ataque terrorista trágico o tirasse a vida.
Charlie sobreviveu o ataque e agora está determinada a levar os criminosos à justiça. Passando por uma vida pessoal complexa e uma profissão semelhante a uma panela de pressão, Charlie, por vezes, se envolve ao limite para evitar enfrentar a sua dor. Mas quando o relógio marca o horário, ela é toda focada em seu trabalho - proteger sua nação, servindo seu presidente e ainda tentando chegar a fundo no assassinato de seu noivo, que irá se revelar como um mistério chocante, segundo a sinopse da emissora. Parece bem interessante e devo conferir.


As críticas para o piloto não são unânimes, até porque é uma questão de gosto. Há quem tenha gostado e quem tenha dado duas estrelas ao piloto. A notícia boa é que tudo pode ser melhorado e o enredo parece muito interessante. Apesar de não ser original. Li também que existem as tradicionais cenas “ah tá”, que existem muito em filmes de ação. Pretendo assistir assim que sair por aqui.

O elenco também inclui Adam Kaufman, Sheila Vand, Cliff Chamberlain, Tommy Savas e David Harbour.



Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO