target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Encruzilhada - Kasie West

>>  segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

WEST, Kasie. Encruzilhada. São Paulo: Editora Seguinte, 2015. 298p. (Encruzilhada, v.1). Título original: Pivot point.

“Ninguém pode mudar o futuro. Sabe quantas pessoas e coisas estão envolvidas em cada acontecimento? Claro, talvez seja possível mudar alguns dos aspectos secundários do dia, mas, em última instância, coisas que vão acontecer, se você seguir certo caminho, acontecem.
Trevor para de desenhar e me encara.
- Prever o futuro só é um poder legal se pudermos mudar os acontecimentos.
- Eu sei. Por isso que é um poder meio ridículo.” p.231

Não conhecia a autora e nem o enredo, mas vi que o livro estava muito bem avaliado nas redes sociais e fiquei curiosa para conhecer. A história tem um pé no fantástico, outro no suspense, e uma ideia central bem diferente, a capacidade de prever o futuro e escolher um caminho. Conheçam Encruzilhada da Kasie West.

Addison Coleman é uma adolescente diferente, vive dentro de um Complexo Paranormal para pessoas com habilidades especiais. Lá eles vivem, trabalham ou estudam. Os humanos desconhecem a existência deles, que são uma ‘espécie mais avançada”. Addie é uma investigadora de destinos, se alguém lhe fizer uma pergunta que exija uma escolha, ela consegue vivenciar as duas alternativas para seu futuro. Isso só funciona com a sua vida e não altera o futuro, só permita que ela escolha que caminho seguir, um poder bem sem graça. Sua melhor amiga Laila apaga lembranças, sua mãe é uma persuasiva e seu pai um detector de mentiras humano.

Durante sua vida só precisou fazer perguntas simples, como deccidir se aceitava ou não o convite de certo garoto para o baile da escola. Investigando, descobriu que era melhor ficar longe dele para sempre. O ruim é que as investigações só ocorrem em sua mente, mas sente como se tudo tivesse realmente acontecido. Muitas vezes isso a torna um pouco estranha, quando tem pavor de um garoto que nunca lhe fez nada, por exemplo.

Quando seus pais anunciam que irão se divorciar, Addie precisa fazer uma escolha importante, decidir com qual dos dois irá morar. Continuar com a mãe vivendo no complexo, ou mudar com o pai para uma cidade humana. Antes de decidir ela decide investigar sua vida depois de cada escolha, por seis semanas.

No complexo Addie se aproxima de Duke, o cara mais lindo e popular da escola que está muito interessado nela. No mundo normal ela conhece Trevor, um humano que logo desperta seu interesse. No complexo tem sua melhor amiga e mãe, fora dele o pai e novos amigos. Nos dois mundos, coisas estranhas começam a acontecer.

Ao final da investigação, Addie se vê diante de uma escolha impossível. Qualquer caminho que seguir, pode mudar para sempre sua vida.

~~~~~~~~

Adorei o enredo diferente e o suspense todo de cada escolha. A ideia é original e a autora soube desenvolver bem. Já aviso que o final foi um balde de água fria, quando você pensa que tem algo a mais, termina. E não tem uma continuação clara a ser seguia no segundo volume, achei bem frustrante o final. Mas eu gostei mesmo assim rs, gostei tanto tirando o final, que espero que tudo vá se resolver na sequencia.

São quase duas histórias diferentes, achei isso uma ótima sacada. De um lado ela com a mãe um pouco controladora, vivendo no complexo protegido, ao lado da melhor amiga e com Duke interessado nela. Do outro, com o pai, que deixa a filha fazer suas escolhas e novos amigos, que parece gostar mais do mundo humano do que todos aqueles poderes e facilidades. Escola nova, novos amigos, e claro, um novo garoto. Um garoto humano que não pode saber de seus poderes. No mundo novo deixou para trás Laila e tudo o que conhecia, no complexo tem outros problemas com que lidar. Os dois caminhos se aproximam em alguns momentos, um suspense paira sobre suas escolhas.

Eu gostei muito mais de Trevor desde o início, um fofo. Duke é o babaca popular, não fui muito com a cara dele no início, depois melhorou e tal, mas eu escolhi claramente um lado rs. Quem leu me conte o que achou e por qual escolha torceu durante a leitura.

A autora escreve bem e aborda temas interessantes no processo, não só sobre a mente humana, mas principalmente sobre escolhas. Quem leu me conte o que achou, eu indico e estou curiosa pela continuação.

Adicione ao seu Skoob!

Série Encruzilhada da Kasie West
  1. Encruzilhada (Pivot Point)
  2. Fração de segundo (Split Second)
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO