target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

International guy - Audrey Carlan

>>  quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

CARLAN, Audrey. International Guy: Paris, Nova York, Copenhague. São Paulo: Editora Verus, 2018. 378p. (International gay, v.1). Título original: International Guy: Paris, New York, Copenhaguen.


Dentre os estilos literários que têm bombado nos últimos tempos estão os de romance hot. Ganhando grande espaço após o boom da trilogia Cinquenta tons de cinza, vimos cada vez mais e mais livros com muita paixão e sexo, muiitooooo sexo. Na maior parte do tempo, eu vejo uma capa com um corpo másculo e saio correndo imediatamente em sentido contrário. Mas, desta vez, talvez por fazer algum tempo que não leio nada do gênero, resolvi dar uma chance para International Guy.

A International Guy é uma espécie de agência fundada para resolver tudo aquilo que as doces (ou não tão doces assim) donzelas precisarem para se sentir melhores, seja em relação ao bolso, ao amor ou à autoestima (o que envolveria um banho de loja para melhorar o estilo e uma visitinha ao cabeleireiro, e, porque não, uma visita à cama da cliente para uma boa aula de autoestima na cama!?). Foi fundada por três sócios e amigos: Bogart Montgomery, Royce Sterling e o “líder”, Parker Ellis, que acredita ser um excelente entendedor de mulheres.

Na história eles são contratados para prestar serviço para três clientes. Uma em Paris, uma em Nova York e uma em Copenhague, daí o subtítulo do livro. Como serão as clientes que os contrataram, e se será possível atender ao pedido de cada uma delas, eles (e vocês) descobrirão ao chegar ao destino. 

____________

O livro é narrado em primeira pessoa por Parker. Ele é o protagonista das três histórias, lançadas inicialmente como livros separados, contudo, resumidas para juntas formarem esta edição. Daí o subtítulo do livro.

Royce e Bo são secundários, muito engraçados e espirituosos.

Parker, por sua vez, é o garanhão a quem nenhuma mulher resiste. Não se engane ao imaginar que a International Guy é uma empresa de acompanhante de luxo.  De jeito nenhum. Cada um deles tem, realmente, um trabalho específico. Tanto é que cada um deles tem um “apelido” profissional: mago do amor (Bo), mago do dinheiro (Royce) e mago dos sonhos (Parker).

Contudo, Parker, apesar de, por um segundo, pensar que não pode se envolver com sua cliente, pois seria contra as regras do trabalho, no segundo seguinte está excitado, ou ainda mais à frente que isso.

Por esse motivo, logo fiquei cansada das histórias. De repente me peguei ansiando pelo fim de cada uma delas, apesar de que historia mesmo tinha pouca, e quando tinha, eu até gostei.

Imagine você um cara lindo, fortão, que entende as mulheres de uma ponta à outra, sabe tudo do que elas precisam para serem 200% felizes. Uau! Mas só em histórias assim. Porque, na vida real, não existe (e, de certa forma, ainda bem, rs).

Pode ser que eu esteja apenas enjoada desse tipo de narrativa. Talvez o livro não seja realmente bom, o que é uma pena, pois, se o foco tivesse sido a história, eu teria gostado bem mais.

Então, se você é adepto(a) de livros hot, vai gostar da história com certeza, mas não é um livro que estará na minha lista de indicações. Sorry.


Adicione ao Skoob!

Série International Guy da Audrey Carlan:

  1. International Guy: Paris, Nova York, Copenhague 1 a 3 (International Guy: Paris, Nova York e Copenhague)
  2. International Guy: Nova York
  3. International Guy: Copenhague
  4. International Guy: Milan
  5. International Guy: San Francisco
  6. International Guy: Montreal
  7. International Guy: London
  8. International Guy: Berlin
  9. International Guy: Washington DC
  10. International Guy: Madrid
  11. International Guy: Rio de Janeiro
  12. International Guy: Los Angeles
Avaliação (1 a 5):



Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO