target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Hex Hall: Sortilégio - Rachel Hawkins

>>  sexta-feira, 18 de março de 2011

HAWKINS, Rachel. Hex Hall. Rio de Janeiro: Editora Galera,2011. 304p. (Hex Hall, v.1). Título original: Hex Hall.

“- Foi ela! Sophie Mercer! – Felícia apontava para mim, seu corpo todo termia. Mesmo com todo o barulho, as palavras de Felícia ecoaram no salão cavernoso. – Ela... ela é uma bruxa!
Suspirei.
- De novo não.”

Hoje vou falar de mais um livro do Verão Sobrenatural da Editora Record e só não vou falar que é o melhor deles porque ainda não li o da Meg e posso voltar atrás depois rs. A deliciosa mistura de seres sobrenaturais, uma escola especializada em magia e muito suspense garantem uma deliciosa surpresa. Eu amei a trama e narrativa de Hex Hall de Rachel Hawkins.

Sophie descobriu a alguns anos que ela não é uma menina igual a todas as outras, sem querer fez seu cabelo ficar magicamente roxo e acabou descobrindo que era uma bruxa. Sua mãe fez de tudo para ajudar nesta transição e esconder do mundo seus poderes. Aprendeu sobre o assunto, viviam mudando de cidade para não chamar atenção, até que sem querer Sophie lança um feitiço de amor muito poderoso.

O tal feitiço de amor que fez o cara mais popular do colégio se apaixonar pela nerd em pleno baile de formatura resultou em muita confusão e desta vez seu pai não pode ignorar suas atitudes. Um pai que ela nunca conheceu, um feiticeiro e ela não sabia nada sobre ele.

Sophie é enviada para um reformatório especializado em seres sobrenaturais, os prodígios; bruxas, fadas, metamorfos, lobisomens e até vampiros viviam em Hecate Hall e ela fica conhecendo um mundo novo e muito perigoso.

Revoltada com sua condição de bruxa, desconhecendo tudo sobre o mundo que agora fazia parte ela só queria ser uma garota normal, mas logo na primeira semana já se mete em muita confusão. Acaba sendo odiada e perseguida pelas garotas mais populares da escola, se apaixona pelo cara mais gato que por sinal é namorado de Elodie a rainha das garotas populares e sua colega de quarto é uma vampira; a pessoa mais odiada do campus.

Se não bastasse tudo isso estudantes começam a ser misteriosamente atacados e o L'Occhio di Dio -uma antiga sociedade secreta responsável pelo extermínio das bruxas -  pode estar muito perto da escola e a vida de todos os prodígios corre perigo. Sophie precisa aprender a lidar com seus poderes e descobrir quem ela é de verdade.

Eu amei este livro e mesmo com tanto sobrenatural aparecendo no mercado Hex Hall consegue se sobressair. O livro tem toda aquela cara de um Harry Potter feito especialmente para meninas, mas a escola não tem nada de Hogwarts. Primeiro porque é um reformatório, vai para lá quem fez uma grande besteira no mundo lá fora e tem vários tipos de seres sobrenaturais. Depois porque os personagens são muito mais adultos e maldosos.

O livro começa de forma divertida com as confusões da vida de Sophia e os poderes dos prodígios bem diferentes como os metamorfos e as fadas. Ai temos o mocinho, queria saber mais do bruxo Archer Cross que logo estará na lista dos mocinhos apaixonantes. Depois toda a trama divertida ganha um ar assustador. Suspense, mistério e uma reviravolta de cair o queixo.

Sophie é uma protagonista muito legal! Diferente das mocinhas choronas ela é inteligente, forte, decidida e não tem medo de encarar os problemas. Ela tem suas dúvidas, seus medos e também não sai se jogando na frente do perigo nem se acha a sabe-tudo da história.   

Neste primeiro livro o romance não é tão explorado, para mim o livro poderia ter mais umas cem páginas, quando você assusta o livro já acabou e tudo que eu quero é a continuação em mãos. A autora podia ter explorado mais os outros seres sobrenaturais e os personagens secundários, queria saber mais sobre eles.

Imperdível para os fãs de sobrenatural, a história juvenil tem magia, romance e aventura, mas surpreende principalmente pelo suspense. Rachel Hawkins não tem apego a seus personagens, só lendo para ver. ^^ Eu estou achando que este vai ser o ano das bruxas, vamos aguardar. Leiam!!

Trilogia Hex Hall de Rachel Hawkins
  1. Hex Hall - Sortilégio (Titulo original: Hex Hall)
  2. Hex Hall - A maldição (Titulo original: Demonglass)
  3. Hex Hall - O sacrifício (Titulo original: Spell Bounds).
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO