target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Um beijo do destino - Mary Jo Putney

>>  terça-feira, 28 de agosto de 2012


PUTNEY, Mary Jo. Um beijo do destino. Rio de Janeiro: Editora Bertrand, 2010. 406p. (Os guardiões, v.1). Título original: A kiss of fate.

“Uma nuvem escureceu o céu, enquanto ele endireitava o corpo permitindo a Gwynne ver-llhe o rosto claramente. O olhar cinzento como uma tempestade atingiu-a como um raio. Destino... a palavra ecoou em sua mente, junto com a sensação vertiginosa de que o mundo acabara de mudar para sempre.” p.24

Uma mistura deliciosa de romance com uma pitada de fantasia, recheada com algumas cenas hots em um belo cenário histórico. Eu não leio muito romances históricos, mas adorei o enredo e a narrativa da autora; conheça Um beijo do destino, primeiro volume da série Os guardiões da Mary Jo Putney.

Gwyneth Oweans era filha de um Guardião, embora nunca tenha desenvolvido nenhum poder. Seu pai era o Guardião responsável pela biblioteca do Lorde Brecon e ela adorava estudar sobre os Guardiões e tudo sobre suas vidas e seus poderes. Ao perder o pai precocemente, Gwynne acaba se casando com o velho conde, uma relação que ela abraçou com amor e carinho.

Oito anos depois Gwynne é uma linda e jovem viúva que vive com a cunhada na Inglaterra. É na casa da cunhada, em uma de suas festas, que ela conhece Duncan Macrae, um escocês poderoso, conhecido como Senhor do Trovão. Ele tem o poder de controlar as forças da natureza, dentre outras coisas. Gwynne o acha intimidante e assustador, apesar de sua atração imediata.

Mas Duncan se encanta instantaneamente com a linda Gwyneth, e a quer para si. Apaixonado faz de tudo para conquistar a bela inglesa, mas ela não parece atraída para um segundo casamento e uma vida nas Escócia. Ao mesmo tempo conflitos começam a acontecer nas Highlands escocesas e Duncan precisa cuidar dos seus deveres de Guardião, sem deixar-se render aos apelos de seu sangue escocês.

O primeiro beijo intenso entre eles, causa uma súbita visão de morte e destruição em Gwynne. Ela só quer fugir, mas aparentemente o conselho dos Guardiões acredita que ela deve se casar com Duncan para tentar controlar sua lealdade. Agora ela precisa impedir um grande desastre, mas para isso terá que traí-lo.
~~~~~

Ambientando na Inglaterra e na Escócia do século XVIII o primeiro livro da série Os guardiões mescla belamente romance, história e fantasia. Com um enredo forte e uma narrativa que flui muito bem, a autora leve os leitores para um período complicado da historia escocesa, nos eventos que narram os Levantes Jacobitas.

Neste período conturbado, Duncan precisa escolher entre seu juramento como Guardião, manter a paz e poupar vidas e sua fidelidade ao povo escocês. Sua alma clama por apoiar o levante, mas os Guardiões o proíbem de interceder a favor deles com seus poderes. Cabe a Gwynne tentar influenciá-lo ou impedi-lo se for necessário.

Enquanto Duncan está encantando e apaixonado por ela, ela precisa esconder dele o pedido dos Guardiões e decidir o que fazer para não perder seu grande amor. Os personagens são cativantes, a narrativa é deliciosa e o romance tem algumas cenas quentes, porém descritas de forma muito carinhosas. Eu gostei da fórmula da autora e quero ler o segundo volume da série.

Apesar deste tipo de romance ter um final bem clichê, as duvidas de Gwynne e a incerteza de Duncan acabam por criar dúvidas no leitor, tornando o romance mais gostoso e menos manjado. Eu devorei o livro e torci muito para o casal. A autora apresenta também outros personagens fortes, Lorde Falconer é amigo de Duncan e um dos guardiões mais poderosos, ele será o protagonista do segundo livro da série. Jean, a irmã de Duncan, teme seus poderes e prefere administrar a propriedade da família. A moça também volta como protagonista no terceiro livro. E como cada livro terá um casal protagonista, os livros são mais independentes, não fica sem final e o leitor não fica preso as continuações.

Não sou expert em romances históricos, é um gênero que ainda não conheço bem, mas, como leiga rs, eu adorei o livro. Indico para quem adora um belo romance e ama magia e fantasia. Leiam!

Séries Os guardiões de Mary Jo Putney
  1. Um beijo do destino (A Kiss of fate)
  2. Magia roubada (Stolen magic)
  3. A distant magic (Ainda não lançado no Brasil)
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO