target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Romeu imortal - Stacey Jay

>>  sexta-feira, 25 de janeiro de 2013


JAY, Stacey. Romeu imortal. São Paulo: Editora Novo Conceito, 2012. 320p. Título original: Romeo redeemed.

“Amei-a desde o princípio. Só percebi quanto ao voltar ao local em que ela morreu e tocar sua mão sem vida, chorando sobre seus olhos distantes e cerrados. Julieta. Sua alma se foi para sempre agora. Posso sentir a diferença do universo, uma ausência que faz o mundo perder um foco de luz. Tentei salvá-la. Espero que, de alguma forma, finalmente tenha sido bem-sucedido. Espero que ela esteja em paz nas sombras... Ou em outro lugar para onde as pessoas boas vão.” p.16

Quem leu a resenha de Julieta imortal sabe que eu não adorei livro, tudo muito confuso e mal resolvido, tudo muito mal explicado e alguns personagens muito chatos. Este livro estava pra lá do fim da minha fila hehe, mas eis que fiz uma pergunta em uma promoção do blog (para os leitores escolherem qual livro da minha lista eles queriam resenha) e quem ganhou... exato rs. Então hoje vocês vão saber o que achei do segundo livro da série com Romeu imortal da Stacey Jay.

Que os shakespearianos não se assustem, mas no primeiro livro da série ficamos sabendo que a famosa historia de Romeu e Julieta não passou de uma fábula de amor, que na historia real Romeu aliciado pelo frei do mau apunhalou Julieta no coração, e ao verter o sangue de alguém que o amava, conquistou a imortalidade. Romeu Montecchio se tornou um mercenário, ser do mal que vive para sempre, mas não sente mais nada; não tem alma e sua missão é separar almas gêmeas, fazendo com que um dos dois mate o outro e aumentando o número de mercenários. Julieta Capuleto acaba se tornando uma embaixadora, cuja função é proteger almas gêmeas impedindo a ação dos mercenários, para isso ela toma emprestado o corpo de um humano, por um breve período.

A partir daqui contém spoilers se você não leu Julieta imortal.

E é assim que ficamos conhecendo Ariel, Dylan, Ben e Gemma – os humanos. No livro anterior as coisas não terminam nada bem para Romeu, que acaba matando Julieta – no corpo de Ariel e Ben. Depois disso ele foi jogado em um corpo deteriorado, em seu velho corpo decomposto e pútrido. Há séculos ele se arrepende de seu crime, sabe que foi ingênuo ao confiar no frei e matar Julieta, mas não pode voltar atrás. Agora ele ganha uma chance de redenção.

Ariel Gragland não sabe sua importância na luta do bem contra o mal, o destino do mundo está em suas mãos. Para garantir que a moça venha para o bem a embaixadora concede a Romeu uma grande oportunidade: habitar o corpo de Dylan e conquistar o coração de Ariel, tornando-se um embaixador se ela viesse a amá-lo em 3 DIAS!

Ariel é uma menina amargurada, teve o rosto e parte do corpo deformado em um acidente na infância e esconde suas cicatrizes. Seus colegas a chamam de louca na escola, sua única amiga era Gemma, que agora está desaparecida há algumas semanas. Ela ouve vozes, gritos e é atacada por seres em sua mente sempre que fica nervosa. Ariel não confia em ninguém, não acredita no amor.

E é então que se aproxima dela um novo Dylan, disposto a conquistá-la e mostrando-se arrependido pelo que fez no passado. Porém, o que era apenas uma tarefa para Romeu torna-se algo muito maior, pois ele também começa a gostar de verdade de Ariel. Resta saber o que acontecerá depois do prazo, se Ariel disser que o ama.

~~~~~~

Eu que achava que o primeiro livro tinha deixado muitas pontas soltas e que este poderia resolver tudo... ledo engano. O segundo livro é ainda mais confuso, e muito mais chato.

Mercenários são os seres do mal, Embaixadores são os mocinhos. Quem diria, já que os embaixadores fazem cada coisa maligna justificando um bem maior que parecem mais os vilões da historia. Enquanto isso, tudo pode ser mudado em uma outra “dimensão”, muda-se o passado, tecem um novo futuro. Nesta nova dimensão Romeu ainda não apunhalou Julieta e ela está presa dentro do caixão esperando o Frei e Romeu para salvá-la. Ele, claro, está no futuro, na pele de Dylan tentando conquistar Ariel. Ben  sumiu, ninguém sabe onde foi parar o moço.

Esta coisa de mudar o passado, alterar o futuro, ir para um universo paralelo, não convence. Parece que o autor não quer manter suas próprias decisões, então muda tudo mais uma vez. O leitor nem precisa se preocupar, se alguém morre... pode bem acordar vivo no próximo capítulo em outra "dimensão". Os personagens trocam de corpos mas reconhecem sua alma, ela meio que usou o conceito de reencarnação – só que os protagonistas meio que viajam e caem lá dentro de seu corpo anterior. 

Deixa pra lá, é tão confuso que não consigo explicar nem na resenha. E olha que eu gostei da primeira metade do livro, o romance a a tentativa de conquista do coração de Ariel foi interessante, a moça sempre foi largada as traças e é muito legal vê-la descobrindo a vida, o amor. Os trechos entre eles são fofos, ela finalmente acreditando que alguém pode gostar dela como ela é, que não é um monstro cheio de cicatrizes.

Porém, do meio para o final a autora faz uma salada mista sobrenatural e estraga a parte boa do livro, é muita luta de embaixador X mercenário, muita mentira contada para a pobre da Ariel... que em uma hora ama Romeu, e cinco minutos depois quer matá-lo.  Para mim já deu, não encaro outro romance sobrenatural da autora tão cedo, acho que só se ver muito elogio em outros blogs, e mesmo assim, com o pé atrás.

Salva-se os diálogos fofos e a capa. E o epílogo, que dá um final lindo para as duas histórias de amor... o difícil foi chegar até o epílogo. Eu não indico, leia por sua conta e risco. =]

Julieta imortal de Stacey Jay

  1. Julieta imortal (Juliet Immortal)
  2. Romeu imortal (Romeo Redeemed).
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO