target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Anjos rebeldes - Libba Bray

>>  sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013


BRAY, Libba. Anjos rebeldes. Rio de Janeiro: Editora Rocco, 2010. 471p. (Gemma Doyle, v.2). Título original: Rebel Angels.

“Nos reinos, soube do meu destino: sou aquela que deve formar novamente a Ordem e continuar com seu trabalho. Esta é minha obrigação. Mas tenho outra missão, secreta: enfrentarei a antiga amiga da minha mãe – minha inimiga. Enfrentarei finalmente Sarah Rees-Toome, a Circe, e não vacilarei.” p. 37

Em Belezas perigosas conhecemos Gemma Doyle, uma adolescente de 16 anos no cenário de 1895. Trágicos acontecimentos levam Gemma para uma escola de boas maneiras na Inglaterra, onde sua vida muda radicalmente quando descobre ter visões do futuro e pertencer ao que chamam de A Ordem. Ela descobre ter o poder de entrar nos Reinos. Magia. Faz amigos, mas também tem desafios e inimigos poderosos pela frente. Hoje vou falar de Anjos rebeldes segundo volume da trilogia de Libba Bray.

Contém spoilers para quem não leu Belezas perigosas.

Gemma Doyle aprendeu muito desde que chegou à Inglaterra, ainda sofrendo terrivelmente a perda repentina da mãe, na Índia. Mas na Academia Spencer, apesar de todas as regras e todas as terríveis disputas por status entre as meninas, ela fez amigas improváveis. Ann Bradshaw, sua colega de quarto desprezada pelas meninas ricas por ser bolsista, Felicity Worthington e Pippa Cross, estas por outro lado, a elite da escola. Mas esta amizade e a descoberta delas do incrível mundo paralelo conhecido como Os reinos acabou com a perda trágica de Pippa.

Depois de mais uma morte, Gemma quer ficar bem longe dos Reinos e tudo que eles representam; precisa ignorar a magia e viver como uma moça normal. Mas o misterioso Kartik está de volta, e insiste que ela precisa entrar, descobrir a localização do Templo e fechar para sempre a magia do reino. A magia solta é perigosa, seres do mal podem adquirir muito poder e acabar conseguindo vir para o mundo real.

E agora com as férias de fim de ano, ela tem mais com o que se preocupar. A saúde do pai e seu vício no láudano, sua avó rigorosa e seu irmão mais velho, sempre irritante. Mas em Londres ela também conhece Simon Middleton um jovem bonito e rico, que deixará Gemma desesperada por, enfim, aprender as boas maneiras que ela tanto criticava na Spencer.

Ann e Felicity também estão em Londres, juntas elas começam a investigar mais sobre os Reinos e aproveitam todas as chances para ir para lá. Gemma é a ligação entre os mundos, e só ela é capaz de abrir o portal e levar as outras junto; o que causa sempre ressentimento por parte de suas amigas.

Para Gemma não é assim tão divertido, seus sonhos são assombrados pelos fantasmas de três moças, elas tem um terrível segredo e tentam alertar Gemma do perigo. Ela precisa descobrir mais sobre Circe, a antiga amiga de sua mãe que se tornou uma poderosa inimiga.

Nos reinos os espíritos do mal estão mais fortes, elas não podem confiar em ninguém, mas não têm quem possa orientá-las em como agir para achar o templo. Kartik, membro do Rakshana, tenta fazer com que ela tranque à magia para sempre. Circe quer entrar para recuperar seus poderes. Gemma corre grande perigo e não sabe em quem confiar.

~~~~~

Libba Bray criou uma trama muito interessante, o cenário do século XIX na alta sociedade Londrina, as etiquetas da época e o comportamento das moças na sociedade é muito bem retratado. No meio de vestidos impecáveis, espartilhos, carruagens e bailes de dança temos magia, bruxaria e um Reino desconhecido e misterioso.

As personagens são muito bem construídas, com personalidades adultas e inteligentes, nada de adolescentes bobocas. Todos com suas falhas e personalidades ambíguas. As três meninas são tão diferentes que é até difícil de acreditar que são amigas - e na verdade as vezes são muito "amigas da onça". Gemma - a detentora de poder, que tem tanta sede por correr atrás da verdade, é forte, mas acaba cedendo facilmente a qualquer apelo das amigas; Ann a mais frágil do grupo, a menina pobre que nunca soube se impor e se sente inferiorizada na escola de meninas ricas, e que fere seu próprio corpo com pequenos cortes como se esta dor a fizesse esquecer dos problemas; Felicity bela, rica e orgulhosa, que sempre teve na mão tudo o que quis e aqui mostra uma nova face, de uma menina que foi abusada em casa e jamais tocaria no assunto.

O romance aborda temas polêmicos como dependência química, pedofilia e incesto, auto mutilação, preconceito, e principalmente, como as aparências enganam, já que tanta coisa permanece bem escondida naquele rico cenário.

Eu achei o começo do livro bem parado e demorei um pouco para mergulhar na historia. Mas depois o livro fica emocionante e impossível de largar, a mudança de cenário da Academia para Londres foi muito interessante. A escrita da autora é bem linear e tudo vai sendo muito bem explicado no decorrer da historia. A identidade da vilã é enfim revelada, mas eu fui inocente já que a Hérida me falou que já sabia de tudo hehe. A protagonista tem alguns momentos de flerte com os dois rapazes da historia, mas até então o foco do livro nunca foi o romance. E eu digo isso porque é uma das coisas que eu mais gosto, nada daquilo de amor eterno e etc.

Pelo que vocês viram no texto a autora se difere muito das séries YA que estamos acostumadas, outra coisa fantástica é que seus livros sempre tem um final e tudo é resolvido, você fica satisfeito e curioso, já que não sabe o que esperar do próximo livro da trilogia.

Sem dúvida indico para quem gosta de bruxas e de um YA mais adulto, bem escrito e inteligente.  Acho uma pena esta série não ser mais conhecida no Brasil. Olhem só como é bem avaliada lá fora, leiam!!

Média da nota e números de lelitores no Skoob X Good Reads
Trilogia Gemma Doyle de Libba Bray
  1. Belezas Perigosas (Título original: A great and terrible beauty)
  2. Anjos rebeldes (Título original: Rebel Angels)
  3. Doce e distante (Título original: The sweet far thing)
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO