target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Entre o agora e o sempre - J. A. Redmerski

>>  sexta-feira, 9 de maio de 2014

REDMERSKI, J. A. Entre o agora e o nunca. Rio de Janeiro: Editora Objetiva, 2014. 303p. (Entre o agora e o nunca, v.2). Título original: The edge of always.

“- Você é a melhor coisa que já me aconteceu – ela continua – e agora posso te olhar nos olhos e dizer que, por mais que isto doa, consigo aceitar a morte de Ian... Consigo aceitar a morte de qualquer um, mesmo que essa morte seja insuportavelmente dolorosa. Mas a sua... – Ela se interrompe e nem pisca ao olhar no  fundo dos meus olhos. – A sua eu jamais poderia aceitar. Jamais.
O silêncio entre nós só amplifica o som do oceano. Quero pegá-la nos braços, apertar meus lábios contra os dela, mas fico sentado ali, olhando para ela, porque as palavras que ela me disse são as mais poderosas que já ouvi, senti ou entendi.” p. 129-130

A continuação de Entre o agora e o nunca foi aguardada ansiosamente pelos fãs do primeiro livro, eu adoro New adult e fico louca para ler novos livros no estilo. Hoje conto para vocês o que achei sobre Entre o agora e o sempre da J. A. Redmerski.

Em Entre o agora e o nunca conhecemos Camryn Bennett e Andrew Parrish, os dois se conhecem por acaso em uma viagem de ônibus e resolvem seguir juntos em uma Road Trip. Cada um tinha seus problemas para resolver e estavam determinados a não se apaixonar.

A partir daqui contém spoilers se você não leu o primeiro livro.

Camryn Bennett se sente feliz e realizada. Prestes a completar 21 anos, ao lado do seu grande amor, noiva e prestes a ter um bebê. Andrew Parrish ainda não acredita em sua sorte, ele sobreviveu a um tumor complicado, e ele que nem acreditava que completaria seus 26 anos, agora será pai e está ao lado de seu grande amor. Ele faria de tudo por ela, está disposto a morar onde ela quiser, cantar nos bares, ou arrumar um emprego mais estável, tudo o que a faça feliz.

Até que uma tragédia balança o relacionamento dos dois. Ele não sabe como lidar com tanta tristeza, mas tenta seguir em frente por ela. O que ele não sabia é que Camryn estava lidando com os problemas de forma destrutiva. Agora precisa fazer algo para salvar a mulher que ama. Determinado a recuperar sua alma para que possa seguir em frente, decide levá-la para uma nova viagem, repleta de aventuras e paixão.

“Prometo que quando você morrer, vou mandar que toquem Dust in the Wind no funeral, e você não será enterrado num lugar frio. Prometo sempre te contar tudo, por mais que eu me sinta envergonhada ou culpada, e confiar em você quando me pedir pra fazer alguma coisa, porque sei que tudo o que você faz tem um propósito. Prometo ficar sempre ao seu lado e nunca deixar que você enfrente nada sozinho. Prometo amar você para sempre nesta vida e aonde quer que formos depois da morte, porque eu sei que não consigo viver em nenhuma vida, a menos que você também esteja nela.” p. 239

~~~~~~

Adorei em alguns momentos e achei outros extremamente repetitivos. A história é  linda, o casal é ótimo e adoro ver os dois felizes e fazendo planos para o futuro. A trama toda se foca novamente na vida dos dois, achei que os coadjuvantes continuam tendo bem pouco destaque. Em parte isso se justifica com a viagem que toma novamente boa parte do livro.

Na verdade foi a parte da viagem que me fez desgostar um pouco, era muito mais do mesmo. A viagem teve basicamente um replay dos acontecimentos anteriores. Cidades diferentes, hotéis diferentes, os dois cantando em bares, as mesmas transas, etc e tal. 

Tirando a parte toda da viagem, eu adorei a leitura. Tem uma parte bem triste no início e Camryn não reage bem a tudo aquilo, o que é compreensível. Na esperança de fazer ela se sentir melhor, Andrew a leva novamente para a estrada. Depois disso a história entra nos eixos e o final é fofo.

Na verdade nunca vi um epílogo tão abrangente. A autora conta anos e anos depois, pensei que ela ia narrar a vida inteira do casal até o último suspiro hehe. Isso é diferente do que estamos acostumados a encontrar em finais; por um lado foi muito interessante, por outro, deixa pouco à imaginação. E fica tão claro o quanto a vida passa rápido que é até um pouquinho assustador.

Enfim, para mim a historia seria melhor se fosse contada em apenas um livro. Mas vale a pena a leitura se você gostou do primeiro volume. Eu gosto da escrita da autora e dos protagonistas, o casal é ótimo e ele é totalmente piriguetagem literária.  Leiam!!

Série Entre o agora e nunca da J. A. Rednerski
  1. Entre o agora e o nunca (The edge of never)
  2. Entre o agora e o sempre (The edge of always).
Avaliação (1 a 5):
Comente, preencha o formulário e concorra ao Kit Top Comentarista do mês de maio!

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO