target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

O desafio - Rachel Van Dyken

>>  sexta-feira, 29 de maio de 2015

DYKEN, Rachel Van. O desafio. Rio de Janeiro: Editora Objetiva, 2015. 359p. (The Bet, v.2). Título original: The wager.

“- O que você disse? Aileen colocou as mãos na cintura e balançou a cabeça para vovó de um jeito estranho, quase caindo dos saltos. Ah, aquilo não era bom! Não era nada bom.
Vovó deu um tapinha simpático no braço da jovem.
- Queridinha, sou eu que preciso de aparelho auditivo, não você. Acabei de chama-la de vagabunda. Quer que eu soletre? – A velha senhora cutucou Jake. – De onde saiu essa? Da feira de empregos para nível médio? – Então, vovó começou a soletrar a plenos pulmões: - V-A-G-A-B-U-N-D-A.” p. 13

A aposta, primeiro volume da trilogia, é praticamente um chick-lit, disfarçado de new adult. Se você ler nessa vibe, tenho certeza que vai gostar e se divertir muito. Mas se não for o seu estilo, melhor passar longe. E agora depois de ler a continuação, vi que é bem isso mesmo, praticamente uma comédia romântica. Situações bizarras, personagens bestalhões e muita coisa hilária. Confiram o que eu achei de O desafio, segundo volume da trilogia The bet, da Rachel Van Dyken.

Contém spoilers se você não leu A aposta.

Jake Titus sempre teve tudo o que quis de mão beijada. É milionário, lindo, arrogante e mulherengo. Solteiro, rodeado de mulheres, ele não leva nada a sério. O problema é que Kacey, sua melhor amiga de infância, com quem teve algo mais na faculdade, irá se casar com seu irmão. Uma situação estranha, mas suportável, e ele não entende porque está tão deprimido.

A Vovó Nadine depois de concluir seus planos com Kacey e Travis, está determinada a dar um jeito no neto mais novo. E é assim que ele acaba sendo demitido do cargo de vice-presidente da empresa, a avó toma as rédeas e deixa o moço desempregado. Se não bastasse, resolve viajar com ele e se hospedar em seu apartamento, até irem viajar para os preparativos do casamento.

Char é a melhor amiga da noiva e a dama de honra. Ela também teve uma paixonite por Jake no colégio, mas o moço partiu seu coração naquela época e no presente. Eles passaram uma noite juntos, e Jake saiu, deixando apenas um bilhete de “agradecimento” no travesseiro. Entre a vontade de matá-lo e a atração enorme que sente por ele, sabe que precisa se manter bem longe do perigo.

Mas esses não são os planos da Vovó. Ela enche os dois de tarefas para o casamento, todas urgentes e que precisam executar juntos. Os dois se veem cada vez mais envolvidos, mas Char sabe que Jake é um galinha e não é confiável. Ele começa a querer ser algo mais, mas será que vai ser merecedor de uma mulher como Char?

~~~~~~

Vovó Nadine é a personagem mais doida e divertida do mundo, e o pilar da trilogia. Os livros todos giram em torno dela, os casais são meros participantes dos seus planos como um cupido muito divertido. Eu fico dividida com os livros, um lado meu adora a parte engraçada e as confusões, o outro percebe o quanto tudo é sem noção e surreal.

Jake é um babaca no primeiro livro, não sei como Kacey o suportava. Aqui ele melhora, obviamente, lá para a metade, mas não foi um mocinho que eu tenha gostado, como o Travis. Apesar da beleza, riqueza e charme, ele é tão idiota que eu não entendo como a Char poderia gostar dele a tanto tempo rs. Principalmente porque a moça é linda e inteligente. Também não entendo essa fixação que as autoras têm com virgindade nas mocinhas, Jake é praticamente o deflorador oficial das protagonistas rsrs.

Nem tem muito o que contar, é um romance leve, com foco na parte divertida, repleto de muita confusão, coisas malucas e surreais. A vovó é rica, doida de pedra, inteligente,  capaz de qualquer coisa para atingir seu objetivo. Daí todos caírem como patinhos nas maluqueces que ela arma é meio nonsense, mas tudo bem rs.

Um ponto positivo da autora é que os protagonistas anteriores não ficam de fora da história. Na maioria das séries nesse estilo, onde cada casal protagoniza um livro, no próximo eles quase nem aparecem. Aqui Kacey até narra alguns capítulos, gostei deles não ficarem à margem da história.

Faz o estilo romance de banca, mas não espere muito da trama ou dos personagens, protagonistas saídos direto das comédias americanas. Para quem quer um romance leve, água com açúcar e muito engraçado, é uma boa pedida.

Adicione ao seu Skoob!
Compre na Amazon ou no Submarino R$ 18,81

Trilogia The bet da Rachel Van Dyken
  1. A aposta (The bet)
  2. O desafio (The Wager)
  3. O risco (The dare)
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO