target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

À flor da pele - Helena Hunting

>>  quinta-feira, 8 de outubro de 2015

HUNTING, Helena. Á flor da pele. Rio de Janeiro: Editora Suma das Letras, 2015. 334p. (Clipped Wings, v. 1). Título original: Clipped wings.

“Quando consegui me mexer, levantei usando meus braços enfraquecidos e me olhei no espelho. A feiura tinha forçado seu caminho de dentro para fora. Minhas unhas pressionaram as palmas das minhas mãos com força, mas eu mal sentia dor. O desespero tornava a dor interna insuportável. Dei um soco no vidro, estilhaçando minha imagem. Agora combinava mais com o resto de mim.” p.29

Li o conto que antecede a série, Doce tatuagem, então já sabia um pouco do que esperar, do enredo e da narrativa. Confiram o que achei de À flor da pele da Helena Hunting.

Hayden Stryker, 25, chama atenção imediatamente, com seu corpo alto e forte todo tatuado, com seu cabelo incomum e seus vários piercings. Ele transpira perigo, sedução. Um homem que sofreu um grande trauma no passado e depois de fazer muita coisa errada, conseguiu colocar a vida nos trilhos. Hoje ele é dono do Inked Armor, um estúdio de tatuagem, junto com seus sócios e amigos, Lisa, Jamie e Chris. Ele abandonou a vida de bad boy pegador, e se tornou um solitário. Nunca teve um relacionamento de verdade, mulheres eram apenas uma transa de uma noite, ninguém nunca entrou em seu quarto.

Seu jeito durão amolece quando conhece Tenley Page, 21, com seu jeito tímido e inocente, seus longos cabelos e seu corpo magro. A química entre os dois é instantânea, mas Tenley foge dele sempre que possível. Ela sabe que seu desejo por ele é perigoso, e prefere se afastar. Para se distrair quando não está na faculdade, trabalha com Cassie – tia de Hayden – na cafeteria Serendipity, que é em frente ao estúdio de tatuagens, ou seja, eles se encontram o tempo todo. Até que os traumas do passado a pressionam de tal maneira, que vê em Hayden uma saída.

Os dois mergulham em uma relação excitante e tumultuada. Pesadelos e segredos podem afastá-los. As cicatrizes que Tenley carrega no corpo, não se comparam com as que carrega na alma. E nem mesmo a paixão pode fazer com o que o passado fique escondido.

~~~~~

Antes de falar do livro, tenho que comentar, gente, que preguiça desses títulos toscos que os tradutores escolhem para os livros nacionais. Parecem títulos de novela mexicana, peloamor. O conto Cupcakes and ink virou Doce tatuagem urg, e aqui Clipped wings vira Á flor da pele. Quando é que isso é melhor do que Asas Quebradas??! Fora que o título original faz muito mais sentido para os dois que esse título mela cueca aff. Em compensação, as capas nacionais são bem mais bonitas.

Enfim, não tem mais jeito, voltamos ao livro. É legal, mas não se destacou em meio a tantos NA que já li, bem clichê. Porém a narrativa é gostosa, flui bem e é uma leitura rápida. O bad boy traumatizado, a menina traumatizada e inocente. Uma piriguete para atrapalhar, o passado para atormentar e etc. Como diferencial temos tudo ligado ao estúdio de tatuagens, quem curte o tema como eu vai adorar as descrições detalhadas de desenhos e do processo todo, tem piercieng em cada lugar... hehe. A protagonista também consegue se destacar, apesar de ser traumatizada e problemática ela não é uma sonsa como outras por aí. Reconstruiu sua vida, está cursando mestrado, sabe se impor para Hayden e quem mais apareça. Agora quando é algo ligado ao acidente, ela foge e guarda tudo para ela. São segredos dos dois lados, segredos que obviamente vão sendo descobertos e a casa caí. :P

O núcleo secundário é ótimo, personagens bem construídos e com personalidades fortes. Cassie, Lisa, Jamie, Chris, Sarah, todos conseguem se destacar; até a gatinha que Tenley adota tem seus momentos fofos.

Tem algum suspense em torno do passado de Tenley, os segredos vão sendo revelados aos poucos. Sabemos que ela sofreu um acidente grave, é cheia de cicatrizes nas costas, ombros e quadril, mas ela prefere não explicar. Achei interessante a forma como a personagem não liga nem um pouco para as cicatrizes externas, tudo o que perdeu e o que acontece por dentro é o importante. É uma visão diferente, em livros assim normalmente vemos as moças se escondendo com roupas largas e morrendo de vergonha do corpo.

Hayden foi bem ogro em alguns momentos, mas ele sempre dá um jeito de se redimir. Tem toda aquela possessividade de macho alfa que sempre me irrita. A parte sexual é bem forte, tem várias cenas entre o casal, mas são interessantes, não achei cansativas ou exageradas, como normalmente acontece.

É um bom livro, mas que não se destacou a ponto de se tornar um dos meus queridinhos do gênero. Quem leu me conte o que achou. ^^

Adicione ao seu SKOOB!

Série Clipped Wings da Helena Hunting
  1. À flor da pele (Clipped Wings)
  2. Marcados para sempre (Inked Armour)
  3. Fractures in ink (ainda não lançado no Brasil).
Contos Interligados:
0.5 Doce tatuagem (Cupcakes and Ink)
1.5 Between the Cracks
2.5 Cracks in the Armor

Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO