target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Uma noite como esta - Julia Quinn

>>  sexta-feira, 7 de abril de 2017

QUINN, Julia. Uma noite como esta. São Paulo: Editora Arqueiro, 2017. 272p. (Quarteto Smythe-Smith, v.2). Título original: A night like this.

“Era o tipo de explicação que implorava por uma explicação, mas ele não pedira. Sabia que não deveria.
Mas Anne gostaria que ele tivesse perguntado. Porque, se houvesse sido esse o caso, ela não gostaria tanto dele.
E Anne tinha a sensação de que gostar de Daniel Smythe-Smith, o famoso e infame conde de Winstead, só poderia leva-la à ruína.” p. 61

O segundo volume do quarteto Smythe-Smith continua a saga divertida da família mais famosa de Londres, famosa pelos seus péssimos consertos musicais que são tradição há gerações. Depois de Simplesmente o paraíso, vamos conhecer Daniel em Uma noite como esta da Julia Quinn.

Daniel Smythe-Smith acaba de retornar a Londres, depois de um longo período se escondendo no exterior. Foram três longos anos, vivendo com medo, fugindo, tentando permanecer vivo. Tudo porque em uma noite de muita bebedeira e péssima escolhas, ele acabou se metendo em um duelo com um amigo, e quase o fez perder a perna. Hugh Prentice talvez o tenha perdoado, mas o pai, Lorde Ramsgate, jurou que ele pagaria com a vida pelo que fez. Até que um dia, Hugh o encontra no exterior, e jura que ele pode voltar para casa.

Claro que ele chega bem no meio da apresentação do Quarteto, mas encontra no piano uma moça que não era uma de suas inúmeras primas, já que Sarah fingiu uma doença para evitar a vergonha de tocar. A moça é Anne Wynter, governanta das três irmãs mais novas de Sarah. Ele fica encantado com a sua beleza, e depois, acaba encontrando a moça na casa e a beijando.

Anne é Annalise Shawcross, uma moça que teve que abandonar a família, deixar tudo para trás e viver sob um nome falso. Ela tem muitos segredos, arrependimentos, mas sabe o seu lugar. Sabe que não deve se aproximar de um conde, muito menos, um tão bonito e irresistível.

Daniel não costuma desistir de nada. Irremediavelmente atraído por Anne, ele faz de tudo para se aproximar. Até mesmo fazendo muitas visitas as primas mais novas. Os dois começam a se aproximar, mas perigos maiores do que um escândalo nos salões aristocráticos, pode arruinar para sempre a vida dos dois.

~~~~~~~~

Divertido como o primeiro; história leve, descontraída, cheia de maluquices e reviravoltas. Porém, gostei mais do primeiro. Não pelos personagens, Daniel e Anne são fofos e formam um ótimo casal, mas o desenvolvimento deixou a desejar. Ela por exemplo deixou de explorar a mudança de Anne, da "gata borralheira", para dama da sociedade, pecou ao não investir nesse lado da história.

A autora carrega muito no drama, isso por si só não seria problema, mas o livro tem o mesmo número de páginas do anterior (que tem uma história bem mais leve), e por isso ficou muito corrido. Anne tem um passado complicado, vários segredos que vão sendo revelados aos poucos, e senti falta de se desenvolver esse lado. Ficou tudo exageradamente novelesco, algumas cenas chegaram a parecer forçadas. Daniel é um bobo alegre! Por um lado, me diverti muito com ele, por outro, achei ele meio stalker da Anne. Ele simplesmente está em todos os lugares, obriga a mocinha a aceitar sua presença o tempo todo. Claro que ela como governanta, achava tudo uma loucura, mas ele enche o saco de tão grudento rs.

Depois o romance deles fica fofo, e esqueci tudo isso, torcendo para tudo dá certo. E aí o final, fofo, bonitinho... mas corrido novamente. Anne merecia uma virada, ela merecia voltar para casa como esposa de um conde e esfregar a cara do pai no muro de chapisco! Não me conformo dela não ter sua entrada na sociedade, não reencontrar a família e tudo o mais, ou melhor, não me conformo de não ter esses detalhes no livro rs.

Eu adoro esses romances, e a série como um todo é ótima. Julia Quinn sempre me conquista com seus personagens, quem leu me conte o que achou. Ahhh, senti falta de algum Bridgerton nesse livro!

Adicione ao seu Skoob!

Quarteto Smythe-Smith da Julia Quinn
  1. Simplesmente o paraíso (Just like heaven) – Honoria e Marcus
  2. Uma noite como esta (A night like this) - Daniel
  3. A soma de todos os beijos (The sum of all kisses)
  4. Os mistérios de Sir Richard (The secrets of Sir Richard Kenworthy).

Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO