target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Baratas - Jo Nesbø

>>  sexta-feira, 31 de agosto de 2018


NESBØ, Jo. Baratas. Rio de Janeiro: Editora Record, 2016. 352p. (Harry Hole, v.2). Título original: Cockroaches.

“-Então, escolheram o cara que pensaram ter menos chance de descobrir alguma coisa. Dagfinn Torhus fez sua pesquisa e encontrou o candidato perfeito, alguém que definitivamente não ia causar problemas. Porque o tal cara provavelmente passaria todas as noites com um engradado de cerveja e todos os dias dormindo de ressaca. Harry Hole era perfeito porque praticamente nem conseguia mais trabalhar. Eles poderiam justificar a escolha, se isso viesse à tona, dizendo que o funcionário em questão havia recebido muitíssimas recomendações após uma investigação semelhante na Austrália.” p.241

A maioria dos leitores conhecem essa série pelos livros mais recentes, principalmente o Boneco de neve que foi adaptado para o cinema. Mas quem me acompanha por aqui, sabe que eu odeio ler qualquer série fora da ordem. Então, depois de O morcego, conto para vocês o que achei de Baratas do Jo Nesbo.

Depois de sofrer com tudo o que aconteceu na Austrália, Harry Hole segue arrasado, afogando suas mágoas na cerveja. Até que um novo caso faz com que o chefe de polícia o envie para Bangcoc. Ele precisa investigar um assassinato sem chamar muito atenção da mídia, afinal, o morto era o embaixador norueguês. Um homem casado, encontrado esfaqueado em um hotel barato. Obviamente, Harry não está nem aí para a discrição nem para a política, sua missão é encontrar o culpado.

Deixando a bebida de lado, ele se dedica a investigação. Ao seu lado está a inspetora Liz, uma americana que vive há anos na cidade.  Com a ajuda da policia local, Harry investiga a vida do embaixador, os empregados da embaixada, casas de ópio, a viúva e sua filha adolescente. Ninguém sabe de nada, as pistas são confusas. Mas ele sabe que algo muito grave está sendo abafado por pessoas importantes.

Seguindo pistas ele começa a desvendar um importante caso de pedofilia. Quando outra vítima relacionada ao caso é assassinada, e o governo da Noruega pressiona pelo fim da investigação, tudo fica mais complicado. Cabe a Harry desvendar esse mistério e descobrir o culpado, doa a quem doer.

~~~~~~~~~

Todos dizem que os volumes posteriores da série são bem melhores, mas mesmo assim eu ainda quero ler na ordem rs, já digo que esse volume, foi bem melhor do que o primeiro. Eu gosto de ler na ordem certa, até mesmo as séries policias onde os desfechos são quase sempre independentes, porque sempre percebo uma evolução na vida do protagonista. Para o bem ou para o mal, suas atitudes tem uma explicação, você sabe o porquê de Harry agir de determinada maneira. Enquanto em O morcego ele lutava para esquecer a morte do seu parceiro, em Baratas ele luta para esquecer outra morte, acontecida na Austrália, e para ajudar sua irmã que tem problemas mentais e foi abusada, sendo que o agressor nunca foi encontrado. Nesse volume ele também deixa a bebida de lado, e sóbrio, faz de tudo para desvendar o crime.

A leitura me deixou muito ansiosa para ler o próximo volume, Garganta vermelha. Infelizmente ele foi lançado pela Coleção negra e virou raridade nas livrarias. A Editora Record não informou se os demais volumes serão relançados nessa nova edição, então, estou tentando conseguir a edição antiga mesmo.

Falando agora desse volume, o caso todo foi bem interessante. Tanto a ambientação, sempre em um país diferente, quanto o caso em si. Todo mundo era suspeito e a vida do embaixador, cheia de mistérios. Eu não suspeitei do culpado e acabei sendo enganada quase até o final.

Algumas partes da narrativa ficaram um pouco confusas e o final foi bem corrido. Tiveram frases truncadas, teve hora que precisei voltar um pouco para entender a que o autor se referia. Apesar disso e do final um pouco corrido, eu gostei muito da leitura.

Para os fãs de ficção policial, essa série é imperdível na estante. Espero conseguir ler os outros logo, para chegar nos famosos volumes mais atuais. Leiam!

Adicione ao seu Skoob!

Série Harry Hole do Jo Nesbø:
  1. O Morcego (The bat)
  2. Baratas (Cockroaches)
  3. Garganta vermelha pela Coleção negra (The redbreast)
  4. A casa da dor pela Coleção negra (Nemesis)
  5. A estrela do diabo (The devil’s star)
  6. O redentor (Frelseren)
  7. Boneco de neve (The snowman)
  8. O leopardo (The leopard)
  9. Fantasma (Plantom)
  10. Policia (Police)
  11. A sede (The thirst).
Avaliação (1 a 5): 3.5

Comente, preencha o formulário, e concorra ao Top comentarista de agosto no blog!

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO