target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

O destino das terras altas - Hannah Howell

>>  sexta-feira, 12 de abril de 2019

HOWELL, Hannah. O destino das terras altas. São Paulo: Editora Arqueiro, 2019. 272p. (Os Murrays, v.1). Título original: Highland destiny.

“A vida ficara complicada demais desde que cheguei a Donncoill, pensou. Ela tinha se afastado do túmulo da mãe com um único plano: ir a Dubhlinn matar William Beaton. Desde então, ela fora acusada de estar espionando para o mesmo homem que queria matar, havia um homem quase secretamente apaixonado por ela e o irmão dele se tornara seu amante. Além disso, o garoto que todos lutavam tanto para resgatar das garras de Beaton podia ser seu meio-irmão. Se ela contasse essa história, tinha certeza de que ninguém acreditaria.” p.133

A americana Hannah Howell tem mais de 40 romances históricos publicados, dela eu só li alguns romances de época há alguns anos atrás. Quando essa nova série chegou ao Brasil pela Editora Arqueiro, fui correndo conferir. Confiram o que achei do primeiro volume da série Os Murrays com O destino das terras altas.

Escócia, 1430
Maldie Kirkcaldy é uma moça misteriosa e interessante. Morena, com belos olhos verdes e uma ótima curandeira, com uma grande sensibilidade, ela aprendeu desde cedo a fazer o necessário para sobreviver. Filha bastarda de um homem cruel, foi criada apenas pela mãe, uma mulher fútil com um ego enorme e nenhum juízo. Depois de  ser abandonada grávida pelo amante casado, acabou arrumando outro homem, e outro, até começar a se prostituir para sobreviver. Da filha ela queria a promessa, de se vingar daquele que lhe fez tanto mal, William Beaton.

E é assim que Maldie parte após o falecimento da mãe, cheia de incertezas, com um passado secreto e uma missão. Na estrada, ela encontra os irmãos Murray.

Balfour Murray é o chefe do clã, um homem forte e que cuida bem de seu povo, mas inseguro quando se trata das mulheres. Ele se encanta pela bela Maldie, e insiste que ela vá para suas terras, para cuidar de seu irmão que está ferido. Nigel Murray é um homem belo e mulherengo, seu ar encantador e seu jeito sedutor, sempre provocou ciúme no irmão mais velho, afinal, todas as moças caem de amores por ele. Nigel logo se encanta por sua bela cuidadora, mas ela parece só ter olhos para Balfour.

Ela descobre que os Murrays estão em guerra com Beaton, que sequestrou o meio-irmão mais novo deles, Eric, que é filho da esposa falecida de Beaton, com o pai de Balfour. Desesperado para conseguir um herdeiro homem, ele quer reconhecer o rapaz, que abandonou para morrer ainda recém nascido, como seu filho. Os clãs estão em guerra, a próxima batalha precisa ser bem planejada.

Maldie quer se aliar ao clã para acabar com Beaton, mas precisa lidar com toda a desconfiança que causa com seus segredos e meias verdades. Balfour a deseja, mas acredita que não pode confiar nela.

~~~~~~

Eu gosto muito de romances históricos, adoro o cenário, a vida das pessoas na época e os costumes. E os clãs escoceses são sempre um encanto a parte. Eles se diferem do “romance de época” por darem mais destaque a ambientação, ao que acontecia no mundo naquela época e aos outros personagens, não tendo como foco só o casal protagonista. E foi ótimo, porque eu amei o enredo, adorei os personagens... e não gostei do mocinho rs.

Maldie é quase uma santa! Bonita, solteira, inteligente e uma excelente curandeira. Com seu passado sofrido, ela cresceu forte e cheia de propósitos. Ela é racional e aceita bem a falta de confiança de Balfour, afinal, ela não queria contar sobre o seu passado. Porém, Balfour faz a moça de gato e sapato o livro todo, se diz apaixonado por ela, mas a acusa de traição, deixa ela trancada em um cômodo e mesmo depois de tudo ser explicado, ainda age como um ogro. Eu sei de todo o machismo da época e entendo que ele tinha responsabilidades com o clã, mas suas atitudes com Maldie me irritaram o tempo todo. Que preguiça que tive dele! Estava quase torcendo para ela ficar com Nigel e mandar o mocinho passear.

Falando em Nigel, adorei o personagem, e fiquei com muita pena dele de coração partido por Maldie. O segundo volume contará a história dele, já estou ansiosa para ler. Adorei Eric também, fiquei com muita pena do rapaz. E a família de Maldie é ótima, espero que apareçam mais. O tio dela é um fofo.

Queria mais das batalhas (acho que estou com padrão Outlander de qualidade neste quesito rs), mas no geral, o enredo foi muito bom. Fico pensando o que vem pela frente, porque a série é gigante! Claro que é daquelas histórias onde cada livro conta sobre um personagem, então, é legal ler na ordem, mas você não fica dependente do próximo livro.

Amei a capa!! Ficou linda e curti o cenário ao fundo, já estou pensando na coleção toda na estante!!

Para quem curte o gênero, mais um que indico! Leiam!!

Adicione ao seu Skoob!

Série Os Murrays da Hannah Howell:
  1. O destino das terras altas (Highland destiny) – Maldie e Balfour
  2. Highland honor (os demais ainda não lançados no Brasil)
  3. Highland promise
  4. Highland vow
  5. Highland Knight
  6. Highland bride
  7. Highland angel
  8. Highland groom
  9. Highland warrior
  10. Highland conqueror
  11. Highland Champion
  12. Highland lover
  13. Highland barbarian
  14. Highland savage
  15. Highland Wolf
  16. Highland sinner
  17. Highland protector
  18. Highland avenger
  19. Highland máster
  20. Highland guard
  21. Highland chieftain
  22. Highland devil

Avaliação (1 a 5):

Comente, preencha o formulário, e concorra ao Kit Top comentarista de abril!

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO