Deixada para trás - Charles Donlea

>>  quarta-feira, 1 de setembro de 2021


DONLEA, Charlie. Deixada para trás. São Paulo: Faro Editorial, 2017. 368p. Título original: The girl who was taken.

"- Lívia?
Ela olhou para trás.
- Sei que você acha que todos se esqueceram de Nicole. Mas eu nunca esqueci." p.215

Já li alguns livros do Charlie Donlea, e minha relação com o autor é de altos e baixos... Os enredos são ótimos, mas costumo me decepcionar no final por um ou outro motivo. Mas os livros prendem tanto que acabo comprando mais um pra coleção rs. E foi assim com Deixada para trás, confiram o que achei! 

Nicole Cutty é uma das alunas do último ano na escola de Emerson Bay, uma pequena cidade na Carolina do Norte. Neste verão Nicole mudou, deixando suas duas melhores amigas preocupadas. Ela queria aventura! Bebia, nadava pelada para chamar atenção, dava em cima de vários rapazes. Ela se envolve com um rapaz mais velho e misterioso. Já Megan McDonald era o oposto, aluna modelo, aprovada em várias universidades, exemplo de boa moça. Nicole odiava Megan. Mal elas poderiam imaginar, que iriam desaparecer juntas em uma mesma noite, quando estavam em uma festa no lago. 

A polícia começa uma intensa busca, mas não encontra nenhuma pista. Até que 15 dias depois, Megan consegue escapar e aparece viva. Nicole continua desaparecida. Nenhuma informação é encontrada, Megan não se lembra de nada, tudo permanece um mistério. Um ano depois Megan lança um livro contando sobre o seu sequestro, o livro logo se torna um best-seller e ela, uma heroína local. Parece que ninguém se lembra mais que havia uma outra garota... 

Lívia Cutty, irmã mais velha de Nicole, é aluna de pós graduação em patologia forense, e dedica-se de corpo e alma à sua profissão. Ela espera que um dia o corpo de sua irmã mais nova seja encontrado, e que enfim, ela e os pais tenham algumas respostas. E ela espera que a irmã receba a atenção de um profissional sério e dedicado, o mesmo que ela faz com cada corpo que chega para autópsia em sua mesa.  

O que Lívia não esperava, é que uma pista do desaparecimento da irmã aparecesse por acaso em um dos seus casos. O corpo de um rapaz é encontrado, e ao investigar, ela descobre que ele estava envolvido com sua irmã. Lívia então procura Megan, e juntas, elas decidem descobrir mais sobre o que pode ter acontecido.  Aparentemente, outras garotas desaparecidas podem estar ligadas ao mesmo sequestrador. 

Cabe às duas desvendar esse segredo, mesmo que para isso, Megan precise enfrentar seus maiores medos.

~~~~~~

Esse entra para a lista dos livros do autor que adorei, na verdade acho que por enquanto, esse foi o meu favorito dele! Eu tenho um problema com o Charles Donlea, seus livros algumas vezes me decepcionam. Ele quer enfeitar muito, achar um final que ninguém desconfiaria, só que muitas vezes faz isso de forma rasa ou sem sentido. E isso me irrita bastante em suspense.  Esse já foi mais bem amarrado e muito crível. Eu me surpreendi com o final!

Nicole é insuportável no começo, tão chata e tão sem noção, que acho que ninguém se importa muito com o que aconteceu com ela. É aquele personagem que pra mim tanto faz se está vivo ou morto no final kk, apesar de que, obviamente,  ninguém mereça passar pelos horrores que essas meninas passaram em cativeiro. Achei triste também como todos se esqueceram do caso dela e só focam no fato de Megan ter escapado. Megan é uma incógnita, eu achava estranho seu jeito meio lerdo, o fato do seu livro não contar muita coisa e ela alegar não ter memórias do cativeiro, mas a personagem melhora muito no decorrer do livro.

Já Lívia conquista o leitor logo no início! Eu adorei a protagonista e torci muito por ela. Inclusive a Dra. Cutty faz uma ponta em outro livro do autor que eu acabei lendo antes, Não confie em ninguém, um dos que não gostei tanto... Nesse livro há uma menção a este caso, então eu já sabia um pouco sobre Nicole. Este outro livro foi um dos que tem um enredo ótimo e o autor faz caca no final kk. Ainda bem que aqui foi diferente!

Durante a leitura eu tive dois suspeitos e errei feio o final! Mas dessa vez, o autor me ganhou. O final foi condizente, fez sentido e acho que muita gente deve ter matado a charada. Dei bobeira em não desconfiar disso, depois fez total sentido. Até que enfim um livro que ele não faz algo mirabolante e estraga o final, aleluia! Eu queria saber mais do depois, muita coisa ficou sem resposta, mas achei condizente com o thriller e a proposta do autor. 

Eu adorei esse e indico para quem curte thrillers! Leiam!

Adicione ao seu Skoob!
Compre na Amazon: Deixada Para Trás

Avaliação (1 a 5):

Comente, preencha o formulário, e concorra ao Top comentarista de agosto!

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO