target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Sereia - Tricia Rayburn

>>  quarta-feira, 20 de abril de 2011

RAYBURN, Tricia. Sereia. São Paulo: Editora Verus, 2011. 308p.Título original: Siren.

“Minha boca ainda não havia tocado a dele quando ele me pegou pela cintura e me puxou para si. Ele me beijou como se seu coração fosse parar se ele não fizesse isso...”

Eu não sou muito de cair de amores assim fácil, mas eu confesso, me apaixonei por este livro à primeira vista. Desde que vi a capa e o anúncio do lançamento eu já fiquei curiosa para ler, e quando o livro chegou aqui em casa meu olhou brilhou com a capa maravilhosa. O assunto me fascina, e adorei um sobrenatural com um tema diferente do comum. Então hoje convido vocês a também caírem de amores por Sereia da americana Tricia Rayburn.

Nas praias e nos penhascos de Winter Harbor no Maine e na casa do lago era onde a família Sands passava todos os verões desde que as irmãs eram crianças. E nestas férias, como em todas as outras, Vanessa e Justine se divertiam com Simon e Caleb, os dois irmãos que andavam sempre com elas.

As duas irmãs eram muito diferentes, era a Justine que todos os olhares se dirigiam. Vanessa aos 17 anos vivia sempre com medo, nem ela mesma sabia exatamente de que... do escuro, da água, de altura, dos fantasmas que podiam aparecer a noite. Justine era a irmã corajosa, a aventureira, a que aceitava qualquer desafio. Vanessa amava e invejava a coragem da irmã mais velha, mas não podia evitar o medo, a solidão, a sensação de vazio.

E foi em mais uma aventura que tudo começou, no alto de um penhasco enquanto uma forte tempestade se formava e Justine insistia em mergulhar. Caleb estava sempre por perto para acompanhá-la em todos os momentos, enquanto ela afirmava que ele era apenas um namoro de verão os olhos de Caleb brilhavam e admiravam Justine. E foi também no alto do penhasco que tudo terminou.

Vanessa teve que enfrentar o pior de todos os seus pesadelos, sua solidão agora era dolorosamente real quando a praia devolve o corpo de sua amada irmã. Justine estava morta e a tragédia abalou a família e a cidade. Enquanto todos diziam que era um terrível acidente, ela acreditava que algo não estava certo e começa a descobrir estranhos segredos sobre a irmã.  E quando seus pais retornam a Boston para tentar superar a tragédia, ela decide ficar na casa do lago e descobrir o que estava acontecendo.

Ela acredita que apenas Caleb pode responder as suas perguntas, mas ao que  tudo indica o garoto desapareceu e Vanessa precisa da ajuda de Simon para tentar encontrá-lo. Simon o irmão mais velho de Caleb, seu grande amigo, que neste verão parece tão mais alto, forte e atraente.  Ela fica muito nervosa quando está perto dele, de repente a amizade poderia virar algo mais se não fosse tudo o que estava acontecendo.

Porém, os temores de Vanessa não eram infundados, algo de muito estranho começa a acontecer na cidade e Justine era só a primeira de muitas vítimas. Acidentes, afogamentos, surfistas desaparecidos e todos com os corpos encontrados na praia; a única coisa em comum era que eles traziam um enorme sorriso no rosto. Tempestades furiosas avançam sobre a cidade, frio, vento e chuva concentrados em um só lugar.

Vanessa está muito perto de descobrir um grande segredo, se sente apavorada e sozinha e é atormentada por terríveis dores de cabeça, isso sem falar nas vozes. Ela as vezes tem a impressão de ouvir a irmã falar com ela. E para fugir da casa vazia e das noites de insônia ela começa a frequentar o restaurante mais tradicional da cidade e lá faz amizade com uma das garçonetes. Paige é um doce, mas sua irmã Zara é insuportável e é melhor que ninguém saiba o que aconteceu. 


Simon está sempre por perto, mas quando a noite chega e os pesadelos vêem, nem ele pode protegê-la. O perigo está próximo, as águas escolhem sua próxima vítima. O que será que assombra Winter Harbor e por que isso tudo está acontecendo? Por que agora?

Sereia é um livro emocionante da primeira a última página, a história é cheia de suspense e muitas surpresas. Você nunca sabe o que vai acontecer, muita coisa muda o tempo todo e os personagens são muito misteriosos. Eu amei e devorei o livro, louca para chegar ao final e ao mesmo tempo voltei e li alguns trechos novamente porque era tão legal que eu não queria terminar.

Acho que a tarefa de crítica literária é bem difícil algumas vezes, eu sempre me pego já naturalmente lendo e procurando defeito nas histórias. Humm... o que vou falar para o pessoal que não gostei? É legal, mais quais os pontos negativos? Sereia não é perfeito, se eu parar para pensar, posso dizer que algumas coisas ficaram um pouco incoerentes:

- Como o fato dos pais de Vanessa acabarem de perder uma filha e deixarem a outra de 17 anos morando sozinha na casa de praia;
- Como tudo começa a acontecer e nada da policia dar as caras na trama;
- O fato dos pais de Caleb nem serem citados direito e ficarem viajando com o filho desaparecido logo depois da namorada dele morrer;
- De alguns personagens secundários terem um papel específico no livro e a história pessoal deles não ser contada.

Mas querem saber? Eu gostei tanto do livro que não me foquei nestes detalhes, a história me envolveu e tudo isso me parece muito sem importância. O enredo é muito bom e a narração é deliciosa, a evolução do livro é ótima e ele prende a atenção até o final. Eu adorei os personagens e estou louca pela continuação. Sim, o livro é o primeiro de uma trilogia, mas o segundo ainda não foi lançado nos EUA. Mas não se preocupem que a trama termina muito bem amarrada.

Vanessa é uma protagonista muito interessante, frágil e assustada no início do livro, ela tem que aprender a se virar, mas ela encontra em Simon a força que precisava. O romance que surge entre os dois é muito interessante, ele não é o personagem TDB, irresistível e lindo de morrer. É um cara legal, inteligente e estudioso, sério e dedicado. Ele é o porto seguro que ela precisava e as coisas evoluem em um ritmo natural.  

Escrevi horrores de novo não foi? Quando eu faço isso vocês sabem que eu amei o livro e não só recomendo, como assino embaixo. Leitura obrigatória para 2011, se não surgir muita coisa fenomenal ao longo do ano, está aí o meu primeiro sobrenatural do TOP 10 deste ano, se você gosta de sobrenatural, é imperdível! Se você não gosta, leia também, quem sabe Sereia não te surpreende?

Trilogia Sereia de Tricia Rayburn
  1. Sereia (Siren)
  2. Encanto (Undercurrent).
  3. Profundezas (Dark Water)
Avaliação (1 a 5): 

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO