target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Doce e Distante - Libba Bray

>>  sexta-feira, 19 de abril de 2013



BRAY, Libba. Doce e distante. Rio de Janeiro: Editora Rocco, 2012. 688p. (Gemma Doyle, v.3). Título original: The sweet far thing.


“O poder absoluto corrompe de forma absoluta.” – Lorde Action

Ambientada na Inglaterra de 1895, a trilogia sobrenatural Gemma Doyle encanta por sua bela narrativa e é imperdível para quem gosta de livros sobre bruxas. E hoje termino a trilogia com Doce e distante da Libba Bray.

Em Belezas perigosas e Anjos rebeldes conhecemos Gemma Doyle, uma adolescente de 16 anos que estuda na Academia Spencer para moças. Sua vida na escola de boas maneiras - que preparava as moças para debutar na sociedade londrina e arrumar um bom marido-, muda completamente quando ela descobre ter visões do futuro, possuir o poder de entrar nos Reinos e pertencer ao grupo que chamam de A Ordem. Ela descobre a magia dos reinos. Faz amigos e inimig  os.

A partir daqui contém spoilers se você não leu os livros anteriores.


Gemma Doyle conseguiu derrotar sua grande inimiga, Circe, e prendeu a magia dentro de si, colocando fim ao caos que se iniciara nos reinos. Mas ela pagou caro por suas ações, Kartik está desaparecido, e ela não sabe nem se sua paixonite está viva, ela também abriu mão de seu pretendente, Simon Middleton, e ainda tem dúvidas se agiu corretamente. Enquanto isso suas melhores amigas, Ann Bradshaw Felicity Worthington só querem voltar aos reinos, rever Pippa e ser feliz naquele mundo tão mágico.

" - Não vou fugir de novo. Este é o meu destino.
Kartik desliza a mão sob meu queixo e o levanta, e eu o beijo primeiro.
- Achei que você tinha deixado de acreditar em destino - lembro-lhe.
- Não deixei de acreditar em você." p. 548

Gemma tem dificuldades para entrar nos Reinos, e não consegue visualizar o portal. Enquanto isso sua vida continua complicada, seu pai está internado em uma clínica para dependentes de ópio, seu irmão continua tomando atitudes imprudentes e sua avó quer controlar seu futuro. Ann não está melhor, sem um futuro pela frente, ela está prestes a ser enviada para a casa dos primos, para assumir seu cargo de governanta. Já Felicity precisa fazer seu début, só assim ela receberá a herança da avó e ficará livre do domínio de seu pai.

As meninas precisam dividir seu tempo entre as aventuras e mistérios dos Reinos e os preparativos para a temporada de eventos sociais em Londres. Gemma precisa administrar seus novos poderes, as vezes a magia é tanto que ela precisa liberá-la. Ela começa a ter muitos pesadelos, visões que parecem tão reais que podem levá-la a loucura. Surgem muitos conflitos entre ela e suas amigas, que querem coisas diferentes. Pippa quer a magia, ela acredita que se tiver poder suficiente poderá voltar para o mundo dos vivos. Felicity só pensa em ajudar sua grande amiga, e Gemma precisa pensar nas consequências.

Na Spencer eles começam a restaurar a Ala Leste, que foi destruída no incêndio causado há vinte anos atrás. Mas parece que nem todos querem que a obra seja concluída, os ciganos estão perturbados com as obras, os trabalhadores vivem assustados e coisas estranhas começam a acontecer. Mas a Ala Leste também é a entrada para os Reino que Gemma tanto procurava, mas ao voltar aos Reinos, ela descobre que algo muito estranho está acontecendo.

Gemma havia feito uma promessa, dividir a magia entre todas as tribos do Reino. Mas, agora, quando este momento se aproxima, ela está temerosa. Ela teme dividir o poder com estas criaturas, mas por outro lado, não quer abrir mão da magia que tem toda para si. O mal está a espreita, Gemma precisa decidir em quem pode confiar, antes que seja tarde demais.

~~~~~

Libba Bray está, definitivamente, há anos luz das outras autoras de fantasia juvenil de mesmo estilo. Sua escrita é rica, bela e extremamente detalhista. Mas não digo detalhista como um problema, ela consegue enriquecer muito sua trama. A autora consegue também inserir em seus livros vários assuntos polêmicos, e é uma das coisas que mais gosto nesta trilogia. Neste livro vemos mais uma vez ela abordar a dependência química, pedofilia, preconceito e homossexualismo.

No último livro da trilogia Gemma enfrenta muitos problemas, e tudo está em suas mãos, sem saber em quem confiar. Temos então uma Gemma repleta de dúvidas, fazendo besteira o tempo todo e fazendo escolhas que eu nem acreditava. Isso me irritou em boa parte do livro, e como ele é enorme, este foi o que menos me empolgou da trilogia toda.

Achei também algumas partes muito lentas, era uma lenga lenga danada e não acontecia nada, fui ficando desanimada com a leitura; e apesar de elogiar muito a autora, confesso para vocês que uma parte do livro foi um parto para ler (não sei também se o fato de eu estar morrendo de dor e com dengue tenha me deixado mais irritada rs).

Bom, mas passando a parte chata toda, o final foi perfeito! De cair o queixo, muito bem elaborado e bem completo, nada de terminar no ar em duas páginas como tenho visto por aí. A autora deixa também uma grande lição sobre consequência de nossas escolhas, sobre pagarmos por nossas atitudes, isso fica claro no final.

Não se engane, este não é um sobrenatural de bruxas como os outros, os livros são mais adultos, muito bem escritos e imperdíveis. Se este é seu estilo de leitura, não pode ficar de fora de sua lista.

Trilogia Gemma Doyle de Libba Bray
  1. Belezas Perigosas (Título original: A great and terrible beauty)
  2. Anjos rebeldes (Título original: Rebel Angels)
  3. Doce e distante (Título original: The sweet far thing)
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO