target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Viajando em vídeo
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Lançamentos

Sentença de morte - Alexander Gordon Smith

>>  quarta-feira, 10 de julho de 2013

SMITH, Alexander Gordon. Sentença de morte. São Paulo: Editora Benvirá, 2013. 300p. (Fuga de Furnace, v.3). Título original: Death sentence.

Eu morri naquela sala.
Renasceria como outra coisa, uma criatura terrível.
Mas ainda seria Alex Sawyer.
E me vingaria” p.11

Fuga de Furnace se difere e muito de outros juvenis, uma distopia pesada, com uma pitada aterrorizante, com muitas batalhas e fugas alucinantes. Os livros só tem melhorado e eu fiquei pasma com o que acontece neste terceiro volume, minha única tristeza é que os livros não são tão conhecidos por aqui como deveriam. Mas estou me adiantando, hoje vou falar do terceiro livro da série Fuga de Furnace com Sentença de morte do Alexander Gordon Smith.

Alex Sawyer, 12 anos, acusado e condenado por matar seu melhor amigo, Toby; inocente e condenado a prisão perpétua na Penitenciária de Furnace, o inferno na terra. Alex roubou, traiu e enganou, sabe bem que merece castigo. Mas ninguém merece Furnace. Guardas sádicos, cães infernais, monstros que invadem as celas e levam crianças que nunca mais voltam. Os detentos se matam, brigam e acabam morrendo, são assassinados, é um caos total. A única escapatória é fugir.

A partir daqui contém spoilers dos livros anteriores, então se ainda não conhece a série confira as resenhas de Encarcerados e Solitária.

Alex tenta mais uma vez fugir de Furnace, depois da perda de alguns amigos, ele e acharam uma saída, uma ideia para escapar. Eles tentaram escalar em busca de luz, do céu, de liberdade. Eles continuaram escalando por suas vidas. Mesmo quando o diretor e os ternos pretos entraram na sala, mesmo quando eles colocaram fogo no incinerador. Mesmo quando sua pele queimou, até quando teve a sensação que morria. Então ele caiu.

Agora ele aguarda por uma punição muito pior. Capturados. Amarrados, acorrentados na enfermaria. Ele está cercado de Ofegantes, e sabe que será a cobaia para o próximo experimento. Eles vão transformá-lo em um monstro, ele reza para que morra. Mas Alex, está para se tornar um deles.

O diretor bombeia aquilo que chama de néctar em suas veias, ele resiste, mais aos poucos pode se transformar naquilo que mais odeia: um terno-preto. Para lutar contra o veneno que toma sua humanidade, ele não pode se esquecer de quem realmente é, nunca esquecer seu nome.

“Ele ergueu a mão como se fosse me bater, mas, antes que pudesse fazê-lo, ergui o braço e agarrei seu punho. Fitei seus olhos, e tudo o que vi foram duas pupilas leitosas que piscaram para mim em choque.” p. 134

~~~~~~~~~~

O melhor livro da série até agora, o começo é apavorante, nosso protagonista está passando pelo pior momento de sua vida e não vemos nenhuma saída para Alex. Minha esperança definhou junto com ele, eu sofri, me revoltei. Me espantei com a maneira que aquelas crianças lutavam para sobreviver, quando era muito mais fácil desistir.

Neste volume pela primeira vez situam a historia no tempo, descobrimos que o livro se inicia, mais ou menos, 100 anos após a Segunda Guerra Mundial. Eu sempre tive algumas dúvidas se poderia encaixar a série como uma distopia, é bem diferente, mas agora acho que se enquadra sim no estilo.

Alex é um personagem interessante e que conquista o leitor a cada página, ele era apenas um ladrãozinho de segunda, um menino egoísta que só se preocupava com ele mesmo. Até que é acusado de matar seu parceiro nos roubos, até que vai parar em Furnace. Vemos que ninguém merece passar por aquele lugar, nem o mais malvado dos garotos. E Alex é acima de tudo um sobrevivente, e é leal à seus amigos.

Neste livro também revelam finalmente o porquê de Furnace, o que é que transforma humanos naqueles monstros que governam a prisão. A origem do néctar não me convenceu, achei forçado demais, mas tirando isso eu devorei a leitura em um só fôlego.

A leitura é mais pesada, não é um livro que indico para qualquer leitor, mas se gosta do estilo a leitura é imperdível. Os livros dariam uma série de TV excelente, fico imaginando isso tudo na telinha, seria demais. Não posso contar mais nada, espero que não demorem a lançar o próximo, estou roendo as unhas pela continuação.Você só precisa de um estomago forte e um pouco de coragem... leia!

Série Fuga de Furnace do Alexander Gordon Smith
  1. Encarcerados (Lockdown)
  2. Solitária (Solitary)
  3. Sentença de morte (Death sentence)
  4. Fugitives (os demais ainda não lançados no Brasil)
  5. Execution.
Interligado: The night children: escape from Furnacy story.


Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO