target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

TAG #5 - Palavras Cruzadas

>>  quinta-feira, 3 de abril de 2014


Bom dia,

Hoje vou responder a mais uma TAG literária. Essa TAG foi criada pela Inês, e eu fiquei sabendo da TAG pelo vídeo da Tatiana Feltrin. São quinze perguntas, um livro pra cada uma. As perguntas – no original – estão no português de Portugal, então vou fazer uma leve alteração nas palavras só para não soar estranho. Então, here we go! 


1. Vox Populi (um livro que recomendaria para todo mundo).
É bem difícil achar um livro que você possa recomendar aos diferentes públicos, mas eu acho que indicaria A Guardiã da Minha Irmã (resenha; filme vs livro), pois creio que é um livro que agradaria tanto os iniciantes quanto aqueles que já estão a mais tempo na vida literária.

2. Maldito plágio (um livro que gostaria de ter escrito).
Ok, eu pensei eu muitos livros que eu gostaria de ter escrito. Desde os romances espetaculares da Jane Austen até os livros mais cultos e inteligentes. Porém, convenhamos, olhem pra Harry Potter. Vejam o universo criado, os cenários, os personagens, tudo. É muita criatividade! Sem dúvidas, eu queria ser criativo e inteligente suficiente pra criar tudo aquilo. 

3. Não vale a pena derrubar árvores por causa disto.
Não me batam, mas sim, Nicholas Sparks. Qualquer livro dele. E olha que são muitos livros, então são muitas árvores haha. Desculpem, mas não, não vale à pena derrubar árvores. P.S da Nanda: Sou mesmo obrigada a postar isso?! :P

4. Não é você, sou eu (um livro bom lido na hora errada).
O Diário de Anne Frank. Eu li a primeira vez quando eu era bem, bem novo, então eu não entendi nada do que ela escrevia. Eu não tinha conhecimento daquela época e dos acontecimentos, então simplesmente desisti. Depois, quando descobri quem foi Anne Frank, peguei o livro sem pensar duas vezes e li. E respirei.


5. Eu tentei... (um livro que tentou ler mas não conseguiu).
É bem difícil eu começar algo e não consegui terminar de ler, porque eu normalmente pesquiso bem as opiniões sobre livros antes de comprar ou pegar pra ler, então vou sempre naqueles que tem as críticas mais positivas. Mas tem um que eu comecei e parei. E faz muito tempo que parei e ainda não voltei. É Julieta Imortal. Eu tenho planos de retomar a leitura, mas vou enrolar muito.

6. Hã? (um livro que leu e não entendeu nada OU um livro que teve um final surpreendente).
Não vai nenhum dos dois. Vou escolher um livro que muita gente falava bem, e que começou bem, mas chegou no final e cagou tudo! O livro é Eu Sou o Mensageiro. Quando eu terminei de ler o livro eu queria jogá-lo na parede e xingar, porque o final foi uma merda. Sim gente, eu entendi o final, e não, não gostei.

7. É tão bom, não foi? (um livro que devorou).
Foi o primeiro livro que comprei com meu dinheiro, isso em 2009, logo que comecei a fazer minha coleção. Foi O Ladrão de Raios, que li em um dia.

8. Entre livros e tachos (uma personagem que gostaria que cozinhasse para você).
Não faço nem ideia, sério. Não me lembro de nenhum personagem que era bom na cozinha.

9. Fast Forward (um livro que podia ter menos páginas que não se perdia nada).
Confesso, A Fúria dos Reis. Acho que o autor podia fazer ele mais enxuto. É muito bom, claro, mas achei meio arrastado.


10. Às cegas (um livro que escolheria só por causa do título).
Um livro que eu realmente escolhi somente pelo título. Na verdade tinha uns marcadores dele na recepção da escola (isso em 2008), e eu li aquele título e fiquei louco pra ler o livro. É A Menina que Brincava com Fogo, do Stieg Larsson. Cheguei a casa, fui procurar e descobri que ele era o segundo de uma trilogia. Então peguei o primeiro capítulo do primeiro livro, Os Homens que não Amavam as Mulheres, e fui ler. Gostei muito, daí comprei o primeiro e depois comprei a trilogia. Muita gente acha o começo do primeiro bem monótono e digno de desistência, mas eu não.

11. O que conta é o interior (um livro bom com uma capa feia).
Acho que sempre que falar de capas feias eu vou lembrar da série Georgina Kincaid. A Canção do Súcubo é um livro muito bom, mas a capa espanta leitores.

12. Rir é o melhor remédio (um livro que tenha feito você rir).
Nenhum. Li alguns livros com personagens engraçados uma hora ou outra, mas nada que me fizesse rir. Na maioria das TAGs, quando falam de livros engraçados, muita gente cita Cotoco. Mas eu não li porque nunca acho pra comprar e quando acho o preço é alto. Aceito presentes desde já.

13. Tragam-me os Kleenex, por favor (um livro que nos tenha feito chorar).
Foi no epílogo do livro A Death on the Wolf. Não tem tradução porque esse livro ainda não foi lançado aqui no Brasil. Eu chorei, chorei, chorei. Não pelo fato de ser absurdamente triste, mas só pela narração e tal. Mexeu comigo, digamos assim.

14. Este livro tem um V de Volta (um livro que não emprestaria a ninguém).
Minha coleção de capa dura de Harry Potter. Não empresto, não mesmo haha E olha que foi presente, e eu falei que não iria emprestar nem pras pessoas que me presentearam com ele haha.

15. Espera aí que eu já te atendo (um livro ou autor que está constantemente a adiar).
É a minha trilogia de Fifty Shades of Grey. Eu sempre enrolo pra ler. Tenho ela faz muito tempo, já até comecei o primeiro livro mas parei. Sempre fico passando livros na frente. Vou ler quando o filme entrar em cartaz, aí leio e depois assisto ao filme. Falando nisso, vocês viram falando que o filme está mais voltado pro romance do que pro lado erótico? Decepcionante.   

◘ ◘ ◘ ◘ ◘      

E vocês, já leram algum dos livros citados? E quais livros vocês têm como meta para esse ano? 

Bem, é isso, espero que tenham gostado. Caso tenham sugestões de TAG, podem deixar também. Abraços, e até semana que vem (:

Comente e participe do Top comentarista de Abril, não se esqueça de preencher diariamente o formulário.






Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO