target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Feitiço da sombra - Nora Roberts

>>  quarta-feira, 19 de agosto de 2015

ROBERTS, Nora. Feitiço da sombra. São Paulo: Editora Arqueiro, 2015. 280p. (Primos O’Dwyer, v.2). Titulo original: Shadow spell.

“- Eu poderia matá-lo com um pensamento. – A voz de Cabhan se fez ouvir por cima do ribombar do trovão.
Acho que não, decidiu Connor, e apenas ergueu a cabeça e sorriu.
- Truques baratos e animais de estimação? Eu trago fogo, água, terra e ar. Teste meus poderes se tiver coragem. O falcão é meu para sempre. Ele e eu, como parte dos três, cumpriremos nosso destino. A luz é minha espada, a justiça é meu escudo e meu caminho foi revelado muito tempo atrás. Eu o aceito de bom grado.” p.93

No primeiro volume da trilogia Primos O’Dwyer, Bruxa da noite, conhecemos uma família Irlandesa que luta por gerações contra um poderoso bruxo do mal. Enquanto isso, eles buscam sua própria felicidade. O segundo volume consta a história de Connor com Feitiço da sombra da Nora Roberts.

A resenha NÃO contém spoilers do volume anterior.

Connor O’ Dwyer nasceu e cresceu no Condado de Mayo, ele ama as terras, seu trabalho como falcoeiro, sua família e seus amigos. Connor é um homem tranquilo e feliz, aberto para a vida. Mas ele também é corajoso, fará de tudo para proteger a irmã e todos aqueles que ama do mal.

O mal que persegue a família por gerações, o bruxo Cabhan se esconde nas sombras, mas nunca irá desistir de destruí-los. Eles irão enfrenta-los juntos, quantas vezes forem necessário. Quatro deles são bruxos, dois deles são humanos, fortes e dispostos a lutar.  

O círculo de proteção não deverá nunca ser rompido, mas um ataque e um beijo põe em risco a segurança de todos. Meara é a melhor amiga de Branna, e uma grande amiga para Connor, até que se torna algo mais. Sua origem cigana, seus traços fortes e seu espírito lutador faz com que Connor sinta algo novo e forte. Porém Meara não quer um relacionamento, ela não acredita no amor, acredita apenas no momento.

Enquanto isso, eles se preparam para enfrentar Cabhan novamente, esperando que essa seja a última vez.

“Ah, Meara. – Ele suspirou. – O amor não é um prêmio concedido por mérito ou algo a ser tomado de volta quando um erro é cometido. É um presente, tanto para quem dá quanto para quem recebe. No dia em que você o aceitar e segurar, perderá o medo.” p.236

~~~~~~

Apesar de gostar do estilo, principalmente por ter um pé no sobrenatural, eu esperava que a trilogia evoluísse um pouco após o primeiro livro, isso não aconteceu. Temos o romance, temos batalhas contra o mal, mas a premissa é a mesma, a Nora tem fórmulas que funcionam, mas ultimamente tenho achado tudo mais do mesmo.

A parte sobrenatural continua dominante. Temos mais cenas sobre ataques do bruxo contra eles e seus planos para se proteger, do que o romance em si. Como no livro anterior, a vítima da vez é Meara, é ela que o bruxo persegue e tenta destruir, para abalar os outros. A dinâmica é sempre muito parecida, falta algo que surpreenda. Apesar disso a narrativa da autora é sempre gostosa, é uma leitura prazerosa e divertida.

O casal é interessante, eu já gostava dos dois personagens. Connor com seu jeito bom moço, divertido e tão aberto ao amor. Meara com sua força, mas que nunca superou o que o pai fez com sua mãe, e não acredita que o amor possa ser para sempre. As cenas entre os dois são mais românticas, mas faltou uma pegada mais hot.

Uma coisa que não gostei é da forma como a autora usa a magia a torto e a direito, sem grandes explicações. Quem curte romance pode nem perceber, mas como gosto muito de sobrenatural me incomodou. Os poderes deles são ilimitados, eles manejam os elementos, mas eles também fazem coisas como fazer comida desaparecer em um lugar e aparecer em outro, alterar roupas e fazer uma produção completa apenas com pensamento, meio que voar, tudo isso sem demonstrar perda de energia ou explicar nada. 

Quem leu me conte o que achou, apesar de não ter amando esse, estou ansiosa pelo final da trilogia, acredito que o livro da Branna será o melhor dos três. Leiam!

Adicione ao seu Skoob!

Trilogia Primos O’Dwyer da Nora Roberts
  1. Bruxa da noite (Dark Witch)
  2. Feitiço da sombra (Shadow spell) 
  3. Magia do sangue (Blood Magick).
Avaliação (1 a 5): 3.5

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO