target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

2ª Chance - James Patterson

>>  sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

PATTERSON, James. 2ª chance. Rio de Janeiro: Editora Rocco, 2009. 352p. (Clube das mulheres contra o crime, v.2) Título original: 2nd chance.

“Então Aaron Winslow viu o que deixara a menina histérica. Sentiu um aperto no coração. Nem na guerra, nem na infância nas ruas de Oakland jamais sentira algo tão horrível, tão triste e tão sem sentido.
- Meu Deus. Ah, não. Como pôde deixar isso acontecer?” p.10

Finalmente tirei da fila o segundo volume da série Clube das mulheres contra o crime! Tenho vários livros da série na estante, mas nunca consigo tempo para ler, outra que preciso colocar em dia (não custa sonhar). A série conta a história de quatro amigas – uma inspetora de policia, uma jornalista, uma legista, uma assistente de promotoria – que se juntam para pegar o último serial killer  do pedaço. Hoje vou falar de 2ª chance do James Patterson.

A resenha não contém spoilers sobre o livro anterior.

Lindsay Boxer foi promovida a tenente depois do sucesso no caso anterior (ver 1° a morrer), mas ainda está tentando seguir em frente, depois de tudo o que aconteceu. Quando um assassinato chocante acontece na cidade, volta ao trabalho com carga total. Um atirador descarrega sua arma em frente a uma igreja, o coral havia terminado os ensaios e muitas crianças e o pastor estavam deixando o local. Uma menina de 11 anos é assassinada, a comunidade fica chocada. Em outro bairro, uma senhora idosa é enforcada no prédio onde mora, a perícia prova que não foi suicídio. As duas vítimas tinham apenas uma coisa em comum, as duas eram negras. Será que era um crime de ódio?

Uma onda de assassinatos movida pelo racismo deixa em alerta toda a policia de São Francisco, mas Lindsay acredita que tem algo mais, que as vítimas possuem outra ligação. Ela precisa aguentar a pressão do FBI, do prefeito e de seu novo cargo. Para isso, conta com a ajuda das amigas.

Claire Washburn é chamada para rever a autopsia da senhora falecida, encontra algo novo. A repórter Cindy Thomas descobre uma outra ligação, uma tatuagem sinistra que pode levar a um dos grupos de ódio da cidade, ao mesmo tempo, parece muito interessada no pastor da igreja, Aaron Winslow. A assistente de promotoria, Jill Bernhardt, está atônita com uma novidade, está grávida! Uma benção e algo assustador para uma mulher com uma carreira exigente como a dela; seu marido um homem de negócios, está sempre ausente em viagens a trabalho. Mesmo assim, consegue tempo para pesquisar arquivos antigos e descobre algo estranho. Juntas pretendem solucionar mais um crime.  O que ainda não sabem, é que o assassino sabe muito bem quem são todas elas.

~~~~~~~

Essa série é uma delícia de se ler. Apesar de ser um policial sobre assassinatos triste e violentos, é também uma história de quatro amigas, que saem juntas e se divertem, enquanto solucionam crimes. Tem uma pegada mais light que muda tudo, o que garante sempre uma leitura empolgante e divertida. Por outro lado, se o leitor foi um apreciador exigente de ficção policial, pode  não achar muita graça. Gostar ou não, vai depender mais do estilo do leitor.

Eu fico em cima do muro, adoro as personagens, as aventuras e confusões. Amei a leitura, se fosse olhar só isso, seria um favorito. Por outro lado, eu leio muita ficção policial, estou escolada no gênero e percebo os problemas. Muita coisa fica óbvia e alguns furos me incomodam.

Gostei do enredo, um assassino misterioso e inteligente, um atirador exímio. Alguém que deixa claro que está querendo mais do que matar vítimas aleatórias. Lindsay logo percebe isso, mas demora a convencer os membros da força tarefa. Paralelamente, ela e as amigas começam a investigar. Adoro a amizade delas, os encontros, os dramas pessoais de cada uma. Claire é minha preferida, sua força inabalável é incrível.

Por outro lado, algumas coisas me incomodaram. Lindsay começa a ligar os crimes,  e olha um por um, menos o último atentado contra uma amiga, nem tenta fazer a ligação. A polícia tem um suspeito, mas não tem prova para prendê-lo e com isso, mais merda acontece. Porém, o cara estava desrespeitando a condicional, ou seja, poderia ter sido preso por isso, enquanto continuavam a investigar. Tem uma cena onde começam a atirar do nada e salvam a pele de Lindsay, a policia nem tenta investigar o que aconteceu, fica por isso. Em outra cena a mesma pessoa participa de outro tiroteio, no meio de vários policiais, sem que ninguém note que não era só a policia atirando... e por aí vai. Tem vários detalhes que me incomodam, que não são bem explicados. E resolvi rápido  a charada,  prefiro me surpreender.

Por isso fico em cima do muro, mas adorei a leitura. Pretendo continuar a série e espero que valha a pena, porque são tantos livros! Nem vi que já tinham tantos lançados, assustei quando vi a lista. Enfim, para quem procura um policial leve e com um toque descontraído, é uma ótima pedida. Leiam!

Adicione ao seu Skoob!

Clube das mulheres contra o crime do James Patterson
  1. 1° a morrer (1st to die)
  2. 2ª chance (2nd chance)
  3. 3° grau (3rd degree)
  4. 4 de julho (4th of July) / Do quarto em diante foram lançados pela Arqueiro
  5. 5° Cavaleiro (The 5th Horseman)
  6. 6° Alvo (The 6th Target)
  7. 7° Céu (7th Heaven)
  8. 8ª Confissão (The 8th Confession)
  9. 9° Julgamento (The 9th Judgment)
  10. 10th Anniversary (os demais ainda não lançados no Brasil)
  11. 11th Hour
  12. 12th of never
  13. Unlucky 13
  14. 14th deadly sin
  15. 15th affair.
Avaliação (1 a 5): 3,5

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO