target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Uma noiva para Winterborne - Lisa Kleypas

>>  terça-feira, 14 de agosto de 2018


KLEYPAS, Lisa. Uma noiva para Winterborne. São Paulo: Editora Arqueiro, 2018. 336p. (Os Ravenels, v.2). Título original: Marrying Winterborne.

“Helen,
Você perguntou se lamento nosso noivado.
Não. Eu lamento cada minuto que você está fora do alcance dos meus olhos. Lamento cada passo que dou e não me leva para mais perto de você.
Meu último pensamento a cada noite é que você deveria estar em meus braços. Não há paz nem prazer em minha cama vazia, onde durmo com você só em sonhos e acordo amaldiçoando a aurora.
Se eu tivesse esse direito, eu a proibiria de ir a qualquer lugar sem mim. Não  por egoísmo, mas porque estar longe de você é como tentar viver sem respirar.
Pense nisso. Você roubou o ar que eu respiro, cariad. E agora estou fadado a contar os dias até poder pegá-lo de volta com você, um pouco a cada beijo.
Winlterborne” p.132

A série de romance de época, Os Ravenels, começa com Um sedutor sem coração. Eu não ameiii ele de paixão, mas eu adoro a escrita da Lisa Kleypas. Portanto, estava curiosa para ler o segundo volume, até porque a história se iniciou no livro anterior. Confiram o que achei de Uma noiva para Winterborne.

Londres, 1876
Lady Helen Ravenel cresceu cuidando das irmãs gêmeas e as orquídeas que eram tão amadas por sua mãe. Depois que os pais morreram, elas se tornaram inseparáveis. Helen ama suas orquídeas, ama sua família, mas precisa deixar a extrema timidez de lado e conquistar sua independência. Ela achou que iria conseguir, até que um mal entendido faz com que seu noivado terminasse, mas dessa vez, ela pretende agir.

Rhys Winterborne é um filho de comerciante que se tornou um dos homens mais ricos da Inglaterra. Ele é dono da Winterborne, uma loja de departamentos enorme e possui muitos outros negócios. Apesar de toda a sua riqueza, Rhys não é um nobre, e sabe que está abaixo da aristocracia Londrina. Ele conheceu Helen em um momento de vulnerabilidade, depois de um acidente que o deixou entre a vida e a morte. Só depois descobriu que o anjo loiro que cuidara dele, não fora uma alucinação. Eles ficam noivos, até que por sua falta de jeito, tudo acaba.

Helen quer Rhys de volta, e deixa isso muito claro para ele. Ele quer se casar com ela o mais rápido possível. Se precisar macular a honra da moça, para garantir isso, melhor ainda. Os dois começam um jogo de sedução, e ficam a cada dia mais apaixonados.

Porém, Rhys tem muitos inimigos perigosos. E Helen, descobre um segredo que pode mudar tudo.

~~~~~~~~

Delicinha de livro, adorei! Achei bem melhor que o primeiro volume da série, talvez porque tenha gostado muito desse casal. Além disso, temos o bom humor de sempre da autora e um drama bem interessante.

Helen e Winterborne se conheceram e já ficaram noivos em Um sedutor sem coração. Porém, algo da errado e o noivado é desfeito. Então a gente já conhecia o casal, só que no livro anterior Winterborne se mostra um homem grosseiro e impaciente, e Helen uma moça tola e sem sal. Aqui, tudo muda. Logo nas primeiras páginas conhecemos uma Helen decidida, disposta a deixar seus medos de lados e reatar o compromisso. Vemos um Rhys apaixonado, inseguro, mas decidido a se casar com ela.

Essa premissa bem diferente do romance de época padrão, já torna tudo mais interessante! Viram as diferenças? O casal já se conhecia, eles já estão noivos, o casamento já está próximo. Eles já gostam um do outro e dizem isso claramente, não tem aquele mimimi todo de sempre. E daí em diante, muitas coisas acontecem nas tramas paralelas.

Primeiro temos a família Ravenel, que já tinha me conquistando no primeiro volume. Eles são unidos, barulhentos, divertidos e não ligam muito para as regras aristocráticas. As gêmeas, Pandora e Cassandra, são muito divertidas. West é um fofo. Temos Devon  e Kathleen o casal do livro anterior. Os empregados de Winterborne são uma comédia a parte. Adorei a secretária dele, o mordomo, o médico e a nova médica contratada. Os personagens secundários da série são incríveis!

Além disso, Winterborne é um homem a frente do seu tempo. Ele veio de baixo, cresceu por mérito, e valoriza isso. Cuida da saúde e do bem estar dos funcionários, é a favor da greve e de condições melhores para a população. Atua em várias causas sociais. Contrata uma médica mulher! Algo que todos se assombram quando veem e insistem que uma mulher não tem a mesma cabeça que um homem para isso (entendam, romances de época não são machistas, machista era a sociedade daquela época; e os romances, se passam dentro desse contexto).  Helen é uma boa pessoa. Ela se preocupa, quer ajudar quem precisa. O livro mostra também o lado realmente pobre da cidade, algo que normalmente não vemos nesses livros (onde a maioria das cenas se passam nas mansões da família e nos salões de baile).

E vamos ao drama. A parte dramática se dá com um grande inimigo de Rhys, não posso contar mais. Eu gostei principalmente do desdobramento disso. Não teve aquelas brigas bobas e mal entendidos de sempre. Eu li agoniada já esperando o drama, e Rhys me surpreendeu mais uma vez.

O final foi fofo, tem um epílogo bem bonitinho. Nada a reclamar nesse quesito. Só achei o livro lento em alguns momentos, e como sempre, não gostei do tanto de cenas sexuais, isso sempre me incomoda um pouco nesse gênero.

Preciso reclamar das capas! A capa é bonita, como todas da Arqueiro são, porém, mais uma vez não tem nada haver com o conteúdo do livro!! Essa mulher de branco voltada para uma casa (??) parece mais uma assombração do que qualquer outra coisa rs.

Eu estou fã dessa série, e para os fãs da autora tem um detalhe IMPERDÍVEL no próximo volume. O par romântico de uma das gêmeas é ninguém menos do que o filho de Evie e Sebastian, protagonistas de Pecados no inverno! Estou já louca pelo lançamento! Leiam!!

Adicione ao seu Skoob!

Série Os Ravenels da Lisa Kleypas
  1. Um sedutor sem coração (Cold-hearted rake)
  2. Uma noiva para Winterborne (Marrying Winterborne)
  3. Um acordo pecaminoso (Devil in spring) (os demais ainda não lançados no Brasil)
  4. Um estranho irresistível (Hello stranger)
  5. Devil’s daughter (previsto para 2019 nos EUA).

Avaliação (1 a 5): 4.5

Comente, preencha o formulário, e concorra ao Top comentarista de agosto no blog!

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO