target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Tamanho não importa - Meg Cabot

>>  quarta-feira, 27 de março de 2019

CABOT, Meg. Tamanho não importa. Rio de Janeiro: Galera Record, 2011. 334p. (Heather Wells, v.3). Título original: Big boned.

“- Heather Wells. – A voz profunda ribomba da porta aberta. Ergo os olhos e vejo um dos integrantes da força policial de Nova York ali parado. – O inspetor Canavan gostaria de dar uma palavrinha com você.
- Ah, graças a Deus” – exclamo, levanto da mesa em um pulo e me apresso na direção da porta. Dá para ver se as coisas estão mal no trabalho quando você realmente se sente aliviada por ser levada para ser interrogada por um investigador de homicídios.
Mas quando você trabalha no Alojamento da Morte, esse tipo de coisa acontece com frequência preocupante.” p.49

Eu adoro essa série, fazia tempo que não lia um bom chick-lit e finalmente consegui tirar mais um da fila. Meg Cabot anda meio sumida, não? Não tenho visto novos livros dela. Enfim, confiram o que achei do terceiro volume da série Heather Wells com Tamanho não importa.

Contém spoilers se você não leu os dois volumes anteriores da série!

Heather Wells está em uma ótima fase! Está namorando um professor assistente de matemática, Tad Tocco, que é vegano, odeia televisão e está incentivando Heather a ter uma vida mais saudável e praticar exercícios. Obviamente, ela enrola, come normalmente e vê todos os seus programas favoritos. Enquanto isso, ela continua dividindo apartamento com o ex-cunhado,Cooper, mas pelo menos seu pai, finalmente, irá se mudar de lá.

Já seu trabalho como inspetora de alojamento da Universidade de Nova York, continua uma confusão. Seu local de trabalho já é conhecido como “Alojamento da morte”, então, quando mais uma pessoa aparece morta, não é surpresa para ninguém. O chefe de Heather, o Dr. Owen Broucho, foi encontrado em sua sala pela manhã, morto, com uma bala na cabeça.

Dessa vez, Heather jura não se meter, não investigar, deixar que a polícia faça o seu trabalho. Mas quando Sebastian Blumenthal, líder estudantil e paixão secreta de Sarah, é considerado suspeito do assassinato, ela precisa ajudar a provar sua inocência.

~~~~~~~~~

Essa série é uma comédia! Morro de rir das confusões da protagonista, sua falta de noção e seu jeito irreverente que conquista todo mundo. Ela tem uma paixão platônica por Cooper, mas está namorando Tad e tenta se concentrar nisso. O problema é que ele quer que ela tome uns shakes estranhos e entre em forma. Foi uma comédia ver Heather tentando fazer uma corrida matinal e fingir gostar das comidas naturais de Tad. Ele é todo bicho grilo, ela quer deitar de frente a TV e tomar sorvete.

Sua relação com os alunos é pra lá de complicada. Não sei como ela tem paciência para lidar com todas as confusões e maluquices. Ela acaba se metendo em tudo para tentar ajuda-los. Desde dar conselhos românticos, até tirar um rapaz da prisão em outra cidade.

Ela e Cooper são fofos juntos. E eu passei o livro torcendo para esse romance realmente acontecer, será? Enquanto isso temos Magda e Pete, Sarah e Sebastian e outros casais que podem ou não acontecer.

O suspense não foi tão intrigante quanto do livro anterior, mas foi crível e não ficou manjado. Eu demorei a matar a charada, mas depois pensei que tava bem na minha cara, eu que bobeei rs. Eu me diverti com os desdobramentos e adorei a forma como foi desvendado tudo no final.

Estava com saudade de comédias românticas e essa história é uma delícia de se ler. Leve, divertida e muito alto astral. Heather é uma ótima pessoa, ela perdoa, ajuda, segue em frente. Ela não guarda rancor, não sofre pelo passado, tira o melhor do que pode fazer no momento.

Para quem curte chick-lit é uma ótima pedida, ainda tem um pé no suspense para deixar tudo muito mais intrigante. Leiam!

Adicione ao seu Skoob!

Série Heather Wells da Meg Cabot
  1. Tamanho 42 não é gorda (Size 12 is not fat)
  2. Tamanho 44 também não é gorda (Size 14 is not fat either)
  3. Tamanho não importa (Big Boned)
  4. Tamanho 42 e pronta para arrasar (Size 12 and Ready to Rock)
  5. A noiva é tamanho 42 (The Bride wore size 12)


Avaliação (1 a 5):

Comente, preencha o formulário, e concorra ao Kit Top comentarista!

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO