target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Movido pela Maré - Nora Roberts

>>  sexta-feira, 23 de abril de 2010

ROBERTS, Nora. Movido pela maré. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2006. 364p. (Trilogia da Gratidão, V.2).

Este é o segundo volume da belíssima trilogia de Nora Roberts que fala de dor, de amor e de superação. Para quem não leu a resenha anterior, clique AQUI. Se você se apaixonou por Cameron em Arrebatado pelo Mar, prepare-se para suspirar por Ethan em Movido pela Maré.

Cameron, Ethan e Philip são irmãos de criação, garotos problemáticos que foram salvos de um destino cruel e adotados por Raymond e Stella Quinn. Hoje homens feitos, cada um seguiu o seu destino e construiu a sua vida, e agora estão juntos novamente para cuidar de Seth, o último dos meninos perdidos adotado por Raymond e que agora é responsabilidade dos irmãos. Está é a história de Ethan.

Ethan Quinn carrega um passado trágico e uma infância cheia de traumas e abusos. Marcado pela dor e sofrimento a que foi submetido quando criança não consegue pensar em construir uma família feliz, casar e ter filhos. Ethan vive como um lobo solitário, e está feliz assim, só precisa ficar longe de Grace Monroe. 

Dos três filhos Ethan sempre foi o mais parecido com o pai em seu amor pelo litoral de Maryland. Depois de adulto foi o único dos irmãos que continuou na cidade, comprou a sua casinha e vivia como pescador. Agora com o novo negócio da família na construção de barcos ele está determinado a ter sucesso e conquistar o orgulho do pai. Ele que se acostumou a viver sozinho, teria que se acostumar a viver novamente com seus dois irmãos, sua nova cunhada e o garoto Seth, que Ethan prometeu cuidar, mas nunca pensou que iria amar. 

Grace cria sozinha sua amada filha Audrey, com todo seu amor e carinho. Para proporcionar a filhinha tudo que ela merece, trabalha sem parar, limpando casas, fazendo bicos e como garçonete no bar local. Não se considera uma mulher de muitos atrativos, magra, mãos calejadas, sem tempo para se produzir e sempre com olheiras pelo trabalho constante. Sempre guardou para si sua paixão pelo inalcançável Ethan, mas agora, está disposta a lutar por este amor.

Por trás da aparência calma de Ethan, esconde-se um homem com emoções conflitantes e que esconde uma grande paixão. Agora a mulher que ele sempre amou em silêncio está mais perto que nunca, e ele se divide entre o desejo de possuí-la e a necessidade de deixá-la. 

Estou amando esta trilogia, na verdade estou me transformando em uma leitora de romances, tudo influência do Romances in Pink e do Libros di Amore - não que eu esteja reclamando. O ruim é que a gente fica suspirando por estes mocinhos altos, fortes, másculos e protetores e só encontra "sapo" pela frente, mas isso amigas é outra história rsrsrs

Mas voltando aos príncipes, Ethan é homem calmo, misterioso e que pensa muito antes de agir. Pensa tanto que amou a mesma mulher por dez anos, sem ter coragem de se aproximar dela, e a mocinha em questão, cansou de esperar e vai tentar conquistá-lo. O romance entre os dois fica uma boa parte do livro só na ameaça, gostei da expectativa e da tensão, mas o primeiro volume da trilogia é mais hot e tem mais ação.

A situação do garoto Seth começa também a se complicar e todos deverão se unir para enfrentar a mãe abusiva do garoto e conquistar sua guarda permanente. Estou ansiosa pelo terceiro volume da trilogia, para saber o que vai acontecer com o garoto. Aqui deu para matar um pouquinho da saudade de Cameron (aiai) e conhecer melhor Seth, Ana e Philip, o próximo protagonista.


Trilogia da Gratidão 
História interligada

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO