target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Lua das fadas - Eddie Van Feu

>>  terça-feira, 4 de outubro de 2011

VAN FEU, Eddie. Lua das fadas. São Paulo: Editora Escala, 2011. 272p. (Lua das fadas, v.1)

“Você acredita nestas coisas? – perguntou ele. – Fadas, duendes, anjos?
- Coisas incríveis acontecem o tempo todo- respondeu ela, sem deixar de olhá-lo, desejando que ele a reconhecesse.” P.232

“- Por quê?
Uriel se virou para ele. Pareceu pensar por um momento e então respondeu com um sorriso.
- Porque boas ações merecem ser recompensadas.”p.263

Hoje vou falar de um livro que me surpreendeu muito, uma história mágica, divertida, cheia de aventuras e com todas as características necessárias para conquistar o público jovem (e não só ele, vocês lembram do vídeo da Vozinha? Ela esqueceu das fadas e outras coisas, mas amou o livro rs). Eddie Van Feu é a autora nacional do mês de outubro no Viagem Literária e hoje vocês vão conhecer a história de Lua das Fadas.

Bianca é uma adolescente muito curiosa que vive procurando novas aventuras, aprendeu com os pais o amor pela leitura e sonha em viver todas aqueles mistérios e fantasias. Para ela o mundo real é muito sem graça, faltam todas as emoções das histórias. Um dia acaba comprando um livro que todos diziam ser perigoso, um livro que responderia suas perguntas se tivesse realmente coragem para perguntar. Ela está prestes a descobrir os mistérios do famoso tabuleiro oui-ja.

Porém Bianca nunca está sozinha em suas aventuras, ao seu lado está sua melhor amiga Analice. Desde que Analice se mudara para a mesma cidade e ficara sozinha na escola sem se aproximar de ninguém, Bianca tentou até conseguir chamar sua atenção. E agora Analice estava sempre acompanhando-a nestas aventuras, o problema é que Bianca não tinha idéia de onde estava se metendo.

O tabuleiro tentou avisar: C-U-I-D-A-D-O disse.  - Com o quê? Ela perguntou. F-A-D-A-S foi a resposta. Depois disso a ventania invadiu a casa, derrubando livros e apavorando as meninas. Quando tudo parou Bianca pensou na bagunça, pensou que sua mãe iria matá-la e esqueceu de tudo quando viu que estava sozinha, sua amiga havia desaparecido. Agora nem os gritos e as lágrimas poderiam ajudá-la.

E é ai que a magia começa. Depois do estranho desaparecimento de Analice, Bianca recebe estranhos avisos, pistas inusitadas que a ensinam a entrar no Mundo das fadas para resgatar sua amiga. Bianca precisa de ajuda, pesquisando em todos os livros que conseguiu encontrar sobre fadas, ela pede a ajuda de um anjo elementar do Ar – Rafael. Como Rafael é um anjo muito ocupado, ela acaba sendo atendida – literalmente – por um anjo chamado Zacariel, que mesmo parecendo não gostar nem um pouco da missão tem o dever de guiá-la.

“Anjos dormem? – perguntou ela, finalmente.
- Às vezes, cochilamos um pouco! – respondeu ele, começando a caminhada.
Bianca o seguiu, parecendo ter confirmado algo de que já desconfiava.
- Isso explica muita coisa...” p.59

Juntos Bianca e Zac partem para outra dimensão e chegam ao Mundo das fadas, onde sua missão está apenas começando. Na busca por Analice eles precisam conseguir um elixir com a Rainha Paralda - sem ele Bianca não pode voltar para seu próprio mundo. Eles conhecem fadas, sereias, elfos, dragões e precisam de força para enfrentar a crueldade da Corte Unseelil – que aterroriza o reino das fadas. Mas o problema maior é fazer com que os dois parem de discutir o tempo todo, será que tanta briga esconde algum outro sentimento?

“- Essa tonta perdeu a amiga dela aqui no Reino. Precisamos do elixir de Tir Nan Og para que ela possa voltar para sua família de comercial de ração de cachorro e nos deixe em paz!
- Ah... Só isso? – perguntou a rainha, segurando o riso.
- E preciso achar minha amiga, porque esse anjo idiota não veio com GPS! – disse Bianca. – Se a senhora puder nos mostrar onde Analice foi parar, resolvemos isso o mais rápido possível e posso voltar para minha vida e o anjo aí pode voltar a tocar harpa numa nuvem.” P.140

Acompanhem esta história deliciosa, ao lado de dois protagonistas apaixonantes e cheios de atitude. Só não garanto que Bianca sairá viva dos Mundos das fadas depois de...

“ – O que você disse sobre os elfos?
-  Bianca... – disse Zac, totalmente consciente de que não estava em condições de entrar em outra briga tão cedo. – Vamos embora antes que nos matem...
- Falei que vocês são frutinhas!! - gritou Bianca, com as mãos nas cadeiras e balançando a cabeça provocativamente. – Por quê? Vai jogar purpurina em mim?”

Vocês já perceberam que eu amei este livro certo? Passagens como esta acima me fizeram rir alto durante a leitura, Lua das fadas é um daqueles livros deliciosos que você não consegue parar de ler, ao mesmo tempo que quer economizar porque é muito fininho.

Para mim o único ponto negativo são alguns erros na edição – sinceramente eu estava tão envolvida que nem devo ter percebido metade – mas vi uma frase duplicada, um nome trocado e alguns erros de digitação. Isso sempre incomoda, mas perdôo a Editora pelo esmero que teve com a parte gráfica, tem ilustrações coloridas lindíssimas, desenhos de Bianca no final do livro e até um conto muito legal.

Na construção da trama podemos perceber varias influências nas histórias e na criação dos seres. A autora baseou-se em algumas lendas celtas, irlandesas e escocesas e no final do livro cita várias delas e dá os devidos créditos. Sem entrar em detalhes, mas um acontecimento me fez lembrar muito do vira-tempo do Harry Potter.

Eddie desenvolveu uma trama fantástica, bem amarrada e com uma ótima evolução. O livro não tem momentos de tédio, a aventura já começa logo no início e os seres e lugares criados são impressionantes. Este é um daqueles livros imperdíveis, a narrativa tem a qualidade de qualquer estrangeiro e tenho certeza que estaria famoso se tivesse saído por uma grande Editora. Quem já leu Asas que está super falado por aí e ler o Lua das fadas vai entender do que eu estou falando, este é muito melhor.

Os personagens são encantadores e volto a sorrir só de relembrar os diálogos dos dois. Bianca é decidida, cheia de energia e não mede as palavras e as ações para conseguir o que deseja. Zac é tão teimoso quanto ela, orgulhoso e vive perdendo a paciência com a moça. Os dois vão se estranhar boa parte do livro e custam a perceber que um outro sentimento vai surgindo no meio de tantas brigas.  Personagens secundários não tem muito destaque na trama, uma pena, eu não me incomodaria de ler mais umas 200 páginas da história.

Sem dúvida eu recomendo, para todos que gostam de uma boa trama de literatura fantástica este livro é imperdível.  Eddie Van Feu é a autora do mês aqui no blog, então aguardem que em breve tem resenha de O portal, tem promoção e entrevista com a autora. Comprem Lua das fadas nas bancas ou no site da Editora. Leiam!!

Série Lua das fadas da Eddie Van Feu:
In: http://www.linhastortas.com
  1. Lua das fadas
  2. O trono sem rei
O portal (interligado)

Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO