target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Fazendo meu filme 2: Fani na terra da rainha - Paula Pimenta

>>  terça-feira, 8 de maio de 2012


PIMENTA, Paula. Fazendo meu filme 2: Fani na terra da rainha. Belo Horizonte: Editora Gutenberg,2011. 5ed. 328p. (Fazendo meu filme, v.2).

“Filha, Vinícius de Morais já dizia: Porque a vida só se dá pra quem se deu, pra quem chorou, pra quem amou, pra quem sofreu... Você, neste ano, está lidando constantemente com as suas emoções. A cada vez que conversamos você está de um jeito. Ora muito feliz, ora muito triste... “morno” é uma palavra que não podemos aplicar a esse seu ano no exterior. Todos os seus momentos transbordam intensidade.” p. 256

Fui completamente conquistada pela autora ao ler Fazendo meu filme: a estreia de Fani e não via a hora de ler a continuação da historia. A série é um carrossel de emoções, você chora, sorri e se emociona com as cenas lindas e construídas belamente. A série conquista o publico infanto-juvenil, mas arrebata completamente os adultos, impossível não sentir saudade deste período de nossas vidas com as aventuras da Fani. E hoje confiram o segundo livro da série, com Fazendo meu filme 2: Fani na terra da rainha da brasileira Paula Pimenta.

No primeiro livro ficamos conhecendo Fani, seus melhores amigos – Leo, Gabi, Natália e Priscila –  sua vida na Escola, com sua família e sua paixão pelo cinema.  Acompanhamos Fani enquanto ela se apaixona e começa a viver seu primeiro amor. Fani se inscreve para um programa de intercâmbio para o próximo ano, e é ai que começa a perder seu melhor amigo e a descobrir novos sentimentos.

A partir daqui contém spoilers se você não leu Fazendo meu filme 1.

Estefânia Castelino Belluz, mais conhecida como Fani, está prestes a completar 17 anos e está na Inglaterra. Isto mesmo, Fani embarcou para a terra da rainha para ficar um ano com sua família inglesa de intercâmbio, na cidade de Brighton. E seu coração está partido, porque quando finalmente conseguiu um grande beijo de seu amor, o avião partiu e tudo ficou para trás.

E agora por mais que seus pais ingleses e seus três irmãos estejam fazendo tudo para que ela se acostume a esta nova vida, ela só consegue pensar no Leo, nos seus amigos, na sua família e chorar sem parar. Tracy, Tom e Teddy – seus novos irmãos – fazem de tudo para que ela se sinta em casa, assim como seus “pais” ingleses – Julie e Kyle. Ela logo entra em contato com suas amigas e com sua família, mas falar com o Leo, ouvir o cd lindo que ele gravou para ela ou ler seus –emails dói muito, então ela decide tentar aproveitar a nova fase de sua vida.

Claro que o Leo não fica nem um pouco satisfeito de ser ignorado pela menina de seus sonhos e resolve tomar uma atitude bem radical. Desesperada Fani pensa em desistir de seu intercâmbio e voltar para o Brasil, mas seus pais assim como suas amigas não deixarão que ela tome esta atitude facilmente.

Os e-mails e as cartas do Brasil mantém Fani por dentro de tudo que acontece por lá, embora quase sempre isto só a faça se sentir pior. E é na Inglaterra que ela faz novos amigos, como a fofa da Ana Elisa e sua irmã maluquete Tracy. É lá também que ela conhece Christian, um rapaz com cara de ator de Hollywood que está doido para ser mais do que amigo de Fani. Seu coração está no Brasil, mas sua nova vida está na Inglaterra. E agora ela terá que tomar decisões que a farão triste, alegre, mais madura e balançarão o coração do leitor.

“Nos filmes existem as mulheres protagonistas e suas melhores amigas. Você, lhe asseguro, é uma mulher protagonista, mas não sei por qual motivo, está agindo como a melhor amiga.” (O amor não tira férias) p. 114

~~~~~

Paula Pimenta sabe apertar o coração do leitor; me fez viajar junto com Fani, sofrer com ela pelo Leo, tive uma quedinha pelo Christian e quis matar o Leo... quis conhecer cada uma daquelas pessoas de outro país, junto com Fani morri de saudade do Brasil. O livro transmite muita emoção e muitas lições para a vida futura no caso dos jovens leitores.

Fani agora aos 17 anos, está descobrindo uma vida totalmente nova em outro país, ao mesmo tempo tem que lidar com as emoções do que deixou para trás. Assuntos como sua carreira futura, vestibular, formação acadêmica e outros são abordados com muito bom humor no decorrer da trama.

E os amores/dramas juvenis? Temos a Fani com seus ternos encontros e desencontros, Tracy com suas loucuras inconsequentes, a sonhadora Ana Elisa e as meninas do Brasil. Natália continua sem um pingo de juízo, Gabi continua cheia de sabedoria. Eu adoro todos os personagens, e morro de rir com o desespero da mãe de Fani nos e-mails. Eu não vejo a hora de conferir mais desta historia.

O quarto e último livro da série – como todos os fãs já sabem – foi lançado agora em maio, e eu estou economizando o livro 3 para não sofrer junto com todos pela expectativa rs. Esperando chegar a bienal para adquirir o meu, já que não rolou de ir na festa de lançamento. 

Esta é sem dúvida uma das melhores séries teens que acompanho, sou apaixonada pela historia e adoro ver o cenário que se passa muitas vezes aqui em BH. Neste livro me irritou um pouco a lerdeza da Fani (como assim ela não sabia quem  mandou flores?aff) e o Christian meio bobão, tenho preguiça dele. Por outro lado acho lindo a família unida da Fani e adorei as referências ao aprendizado do inglês, estou fazendo curso e isto sempre anima. =]

Sem dúvidas eu indico, se você ainda não começou a série não sabe o que está perdendo. Leiam!!

Série Fazendo meu filme de Paula Pimenta
  1. Fazendo meu filme 1: a estreia de Fani
  2. Fazendo meu filme 2: Fani na terra da Rainha
  3. Fazendo meu filme 3: O roteiro inesperado de Fani
  4. Fazendo meu filme 4: Fani em busca do final feliz.
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO