target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Blue Bloods: Revelações - Melissa de La Cruz

>>  sexta-feira, 26 de julho de 2013

DE LA CRUZ, Melissa. Blue Bloods: Revelações. São Paulo: Editora iD, 2012. 288p. (Blue Bloods, v.3). Título original: Revelations.

“Ele não tinha opção senão amá-la. Mesmo que a abandonasse agora, ele nunca mais conseguiria amar outra pessoa; ficaria sozinho para sempre.
Ele estava condenado, e ela amaldiçoou os dois com sua fraqueza.
- Me perdoe – os olhos de Schuyler se encheram de lágrimas. Não tinha como consertar seu erro.
- Se você quer o meu perdão, então largue ele. Jack nunca será seu, Schuyler. Não do modo como eu sou seu.” p.207

Sei que ultimamente tenho dito que estou enjoada de vampiros e de novas tramas sobrenaturais, na verdade estou tentando não começar séries novas do estilo, mas quero concluir as que já acompanho. Blue Bloods é um destes casos, a série é diferente e o universo me atrai. Eles são uma espécie de vampiros da alta sociedade, uma Gossip Girl sobrenatural. São festas, roupas lindas, muita riqueza. E no meio disso tudo uma trama sobrenatural com vampiros no mínimo diferentes. Hoje vou comentar sobre o terceiro volume da série com Revelações da Melissa de La Cruz.

A série começa com Vampiros de Manhattan onde conhecemos a protagonista Schuyler Van Alen. Ela e seu melhor amigo Oliver estavam sempre juntos na rica escola Duchesne. E é lá que acreditam estar lidando apenas com um bando de riquinhos metidos a besta, quando a verdade é muito pior. Os vampiros aqui são uma espécie da anjos caídos, eles lutaram do lado de Lúcifer, se arrependeram no final e foram condenados a viver na terra para sempre. As almas dos Blue Bloods nascem a cada geração no corpo de um humano, cresce, desenvolve seus poderes, recupera aos poucos as lembranças de todas as vidas anteriores e vive este ciclo até o fim; quando este corpo humano morre e a alma aguarda outro corpo para começar um novo ciclo. Em O baile de máscaras Schuyler já sabe qual é seu papel no mundo dos Blue Bloods, mas ela ainda tem muitos desafios pela frente. O maior deles talvez seja esquecer sua paixonite por Jack Force, o gêmeo de Mimi. O fato de Blue Bloods continuarem sendo assassinados também mobiliza Schuyler e seus amigos.

A partir daqui contém spoilers se você não leu os dois volumes anteriores.

Schuyler Van Alen tem nas veias sangue Blue Blood e humano, ela é a primeira mestiça da espécie. Esta descoberta e o fato de sua mãe – que está em coma há muitos anos – ser irmã de Charles Force acabou fazendo com que ele conseguisse na justiça humana, a guarda da garota. Indignada, ela precisa dividir o teto com os gêmeos Jack e Mimi Force. Tudo que ela quer é ir morar com o avô. Lawrence Van Alen era o atual Regis, cargo mais alto dos Blue Bloods, mas não tinha muito poder com a justiça dos mortais.

Sua paixão por Jack não ajuda em nada, ainda mais agora que ela sabe que Jack e Mimi estão prometidos em casamento, que através da historia sempre ficaram juntos, são uma espécie de “almas gêmeas”. Ela não se conforma ou não acredita, seus encontros secretos com o rapaz provam isso. Já Oliver está cada vez mais envolvido com Schuyler, ainda mais depois dela se alimentar dele, e criar mais um vinculo transformando-o em seu familiar.

Bliss continua confusa e sofrendo com estranhos pesadelos, ela pelo menos parou de ter os apagões, mas não sabe se é a transformação em Blue Blood que a deixa tão confusa. Dylan está vivo, e Bliss fará de tudo para ajudá-lo. Ela acredita que ele ainda não foi corrompido e não virará um silver blood.

Os dramas do coração perdem lugar para a realidade, quando um antigo local de poder corre perigo no Rio de Janeiro. Schuyler está pronta para ajudar seu avô, mal sabe ela que uma batalha sangrenta a espera.

~~~~~~~

A trama deste volume é interessante, e eu gostei dos livros anteriores, não é minha série favorita, mas é bem legal e garante uma boa diversão. Eu gosto muito da descrição das roupas, do estilo de vida da classe alta de NY. E adorei o segundo volume da série, estava curiosa pela continuação. Porém, para mim a autora errou a mão. Ela pega um enredo legal, e transforma em uma historia corrida, confusa e bem chatinha.

Eu gosto da protagonista, mas neste volume Schuyler não enxerga um palmo a frente de seu nariz e não desconfia de nada. Está mais preocupada com seu romance secreto com Jack. E nunca vi um casal tão sem graça, as cenas de romance são insossas e nada acontece. Eles não conversam, eles não esclarecem nada, só se agarram escondido esporadicamente, um porre. Oliver, um dos melhores personagens da série, é um mero coadjuvante, ele mal aparece.

Eu não sei como ninguém desconfia de nada, eu já tinha sacado quem estava por trás da matança toda desde o volume anterior. Este negocio de achar que os leitores são bobos me irrita extremamente.

O livro tem também uma passagem pelo Brasil, são várias cenas passadas no Rio de Janeiro. A autora descreve o Brasil como um lugar onde beleza e feiura convivem lado a lado, o que pode parecer meio preconceituoso, mas não deixa de ser verdade. Na historia tentam assaltar a protagonista no momento que ela para perto de uma praia, ficou meio forçado a maneira como ela optou retratar o Brasil, como um pais perigoso e violento... mas cheio de gente bonita e com pouca roupa rs.

O que mais me incomodou foi a falta de comunicação, se alguns personagens conversassem muita coisa seria esclarecida. A única coisa boa do livro é Mimi, mais uma vez ela se destaca na trama.

Bom, eu gosto da série no geral, mas este volume em especifico eu não indico, achei um porre. Vou continuar lendo a série para ver se melhora, conto no próximo volume. Quem já leu, não deixe de nos contar o que achou. :)

Série Blue Bloods de Melissa De La Cruz
  1. Blue bloods: Vampiros de Manhathan (Título original: Blue Bloods)
  2. O baile de máscaras ( Masquerade)
  3. Revelações (Revelations)
  4. O legado dos Van Alen (The Van Alen legacy)
  5. Misguided Angel ( os demais ainda não lançados no Brasil)
  6.  Lost in time
  7. Gates of paradise.
Avaliação (1 a 5):

Postar um comentário

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO