target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

Ligeiramente seduzidos - Mary Balogh

>>  quinta-feira, 2 de junho de 2016

BALOGH, Mary. Ligeiramente seduzidos. São Paulo: Editora Arqueiro, 2016. 288p. (Os Bedwyn, v.4). Título original: Slightly tempted.

“- Ah, chérie, fica magnífica quando está furiosa. Vou cortejá-la até que mude de ideia sobre me abandonar – disse ele, cruzando as mãos nas costas e se inclinando um pouco mais para perto.
- Errado mais uma vez. Eu vou cortejá-lo, lorde Rosthorn. Farei com que se apaixone por mim, então partirei seu coração.
- Já estou apaixonado, ma petite, e com certeza partirá meu coração se não mostrar misericórdia por mim.
- Ou talvez eu o faça me odiar e me caso com o senhor, no fim das contas – falou Morgan. Nunca conhecerá meus sentimentos, ou minhas intenções. Mas dançará conforme a música que eu tocar durante o tempo que eu quiser. E se recusar, se o senhor romper nosso noivado, tomarei todas as providências para que seja banido deste país novamente, e desta vez pelo resto da vida.” p. 211-212

A série de romance de época, Os Bedwyns chega ao quarto volume. Esse livro contará a história da irmã caçula, Morgan. Para quem curte romances leves e felizes, a série é muito gostosinha. Os livros são independentes, cada um vai contar a história de um dos irmãos. Conheçam Ligeiramente seduzidos da Mary Balogh.

Os livros são independentes, a resenha não contém spoilers dos volumes anteriores.

Gervase Ashford, o conde de Rosthorn, é um homem amargurado e atormentado pelo passado. Foi condenado injustamente aos olhos de todos, expulso pelo pai do país onde nasceu. Sozinho, se tornou um homem do mundo, viajado, solteiro, conquistador. Após o falecimento do pai, ele precisa voltar à Inglaterra para assumir seu título, algo que ele ainda reluta em fazer.

Quando conhece a jovem Morgan Bedwyn em um baile, não consegue negar sua beleza estonteante nem suas boas origens. Com apenas 18 anos e em sua primeira temporada, a jovem tem muitos pretendentes. Ele não olharia duas vezes para uma moça tão jovem, com dez anos a menos que ele, mas ela é irmã de Wulfric Bedwyn, um dos culpados pelo que lhe aconteceu no passado. E agora, o instrumento perfeito para sua vingança. Seduzir e comprometer a irmãzinha de seu maior inimigo, uma tentação irresistível.

Mas, apesar da tenra idade, Morgan não é uma moça inocente. Ela é inteligente e atrevida, sabe o que quer e não teme muitas coisas. Assim que percebe as intenções do Conde, está pronta para virar o jogo e mostrar que não irá se deixar manipular. Porém, a guerra muda o jogo e eles acabam, inevitavelmente, se aproximando.

~~~~~~

A trama mais intricada até agora, a melhor ambientação, mas não o melhor casal. Curti muito a leitura, gostei da forma como a autora caminha por lugares diferentes, tirando a série da mesmice. Adorei tudo isso, mas Morgan e Gervase não me conquistaram tanto como casal. Gostei muito do livro como um todo, mas o anterior continua como meu preferido da série.

O cenário tomado pela guerra, Morgan sozinha com amigos e longe da casa da família, Bruxelas prestes a ser invadida pelas tropas de Napoleão e seu irmão Alleyne desaparecido. Ela sem saber se volta à Inglaterra ou se continua esperando por ele, tudo muito angustiante. E Gervase, que no início só queria se aproveitar da moça, deseja realmente ajuda-la a encontrar o irmão e voltar para casa. O cenário por vezes triste e desolador, a trama angustiante. Uma história cheia de reviravoltas que prende o leitor até o final. Vingança, escândalos, traição e um romance em meio a tudo isso.

Gostei muito de Morgan, seu jeito forte e decidido, suas atitudes inteligentes e sua busca por independência. A forma como tenta mostrar aos irmãos que não é mais uma menina, que agora é uma jovem mulher que sabe o que quer. Gervase é um sedutor, mesmo com toda a canalhice não deixa de ser protetor e tem um jeito muito divertido. Porém, o excesso de gírias francesas me cansou, e apesar de gostar dele como personagem, não gostei dele como protagonista do romance. Ou seja, adorei tudo, mas não torci tanto pelo casal.

O final é bem fofo, gostei de como as coisas se resolveram. É o primeiro que termina com uma pitada de mistério, vamos ter que esperar o próximo, Ligeiramente pecaminosos, para ver o que acontece. Apesar que já imagino o que seja rs. 

Para fãs de romances de época a autora escreve bem. Suas tramas diversificadas me fazem gostar ainda mais da série, o ambiente onde cada história se passa muda sempre. Leiam!

Adicione ao seu Skoob!

Série Os Bedwyn da Mary Balogh
  1. Ligeiramente casados (Slightly married) – Aidan e Eve.
  2. Ligeiramente maliciosos (Slightly wicked) – Rannulf
  3. Ligeiramente escandalosos (Slightly scandalous) – Freyja
  4. Ligeiramente seduzidos (Slightly tempted) – Morgan
  5. Ligeiramente pecaminosos (Slightly sinful) - Alleyne
  6. Ligeiramente perigosos (Slightly dangerous) (ainda não lançado no Brasil)
Prequel           
One night for love e A Summer to remember.

Avaliação (1 a 5): 3.5

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO