target="_blank">Some alt text
Promoções
target="_blank">Some alt text
Viaje com as séries
target="_blank">some alt text
Viaje comigo
target="_blank">some alt text
Ofertas Submarino
target="_blank">Some alt text
Os melhores do ano
target="_blank">Some alt text
Viajando no mundo das cores

O chá de bebê de Becky Bloom - Sophie Kinsella

>>  quarta-feira, 30 de abril de 2014

KINSELLA, Sophie. O chá de bebê de Becky Bloom. 2ª ed. Rio de Janeiro: Record, 2008. 510p. (Becky Bloom, v.5). Título original: Shopaholic and Baby.

“- Muito legal – diz Luke, examinando. Em seguida, vê a etiqueta de preço de fica branco. – Meu Deus. Você pagou isso por um lençol de bebê?
- São os melhores - explico. – O tecido é de quatrocentos fios!
- O neném precisa de quatrocentos fios? Você percebe que ele vai vomitar nesse lençol?
- O neném nunca vomitaria num lençol da Hollis Franklin! – respondo, indignada. – Ele sabe que é melhor não fazer isso. – Dou um tapinha na barriga. – Não é, querido?” p.133

Becky está de volta para minha completa alegria! A personagem melhora meu humor durante a semana e dou muita risada com tantas confusões que ela apronta.  Eu demoro horrores para ler os livros, mas é até bom porque fico com muita saudade dos personagens. Este foi o livro escolhido para mim no Clube das chocólatras de abril. Confiram a resenha de O chá de bebê de Becky Bloom da Sophie Kinsella.

Os títulos da série já são meio que spoilers, então a resenha não tem spoilers rs. Mas, se não leu os livros anteriores, confira as resenhas AQUI.

Nossa amada Becky Bloom não poderia estar mais feliz! Seu casamento com Luke vai muito bem, ela está trabalhando em uma loja a beira da falência como compradora pessoal e, o melhor de tudo, BECKY ESTÁ GRAVIDA!! E, claro, com a chegada do neném eles precisam de uma casa maior com um closet para sapatos, para ter mais espaço para o bebê brincar... e os dois saem a procura da casa perfeita.

Além disso, Luke não quis saber o sexo do bebê antes do nascimento, então eles estão calmamente aguardando a surpresa... Becky já fez todos os testes e simpatias possíveis para descobrir o sexo do bebê, mas não teve sucesso. O resultado, compras em dobro. Um carrinho rosa, um azul, um para caminhadas, um para escaladas – é você leu certo, escaladas! Claro que Becky surta total com o enxoval, e este com certeza, vai ser o bebê mais chique da literatura.

Becky está se esbaldando, ainda mais quando descobriu que fazer compras pela manhã é ótimo para curar os enjoos matinais. ^^ Ela também conseguiu a obstetra mais famosa da cidade, que distribui sacolinhas de BRINDES e atende todas as celebridades de Londres. 

Só tem um pequeno problema, Becky descobre que Venetia, a doutora famosa, é também uma ex-namorada de Luke da época da faculdade. Se já não bastasse, ela começa a perceber que a doutora está mais interessada em seu marido do que em sua paciente. E de repente, o parto holístico na água, com flor de lótus e massagem tailandesa, não parece mais nem um pouco interessante, tudo o que ela quer é aquela vaca ruiva bem longe de seu marido.

“- Mas há métodos naturais, instintivos, que você podem usar – intervém Noura rapidamente. – Tenho certeza que vocês descobriram que se balançar e mudar de posição ajudava nas contrações, não é?
Mamãe e Janice trocam olhares de dúvida.
- Eu não diria isso – responde mamãe, com gentileza.
- Ou um banho quente? – sugere Noura, com o sorriso ficando tenso.
- Um banho? – Mamãe ri, alegre. – Querida, quando você está sendo rasgada pela agonia e querendo morrer, um banho não ajuda nada!
Pelo modo como Noura respira mais profundamente e fecha os punhos, dá para ver que está ficando meio frustrada.
- Mas valeu a pena, no fim das contas? A dor pareceu um preço pequeno a pagar, comparado com o júbilo de afirmação da vida?
- Bem... – Mamãe me dá um olhar de dúvida. – Claro, eu adorei ter minha pequena Becky. Mas decidi ficar com apenas uma filha. Nós duas decidimos, não foi, Janice?
- Nunca mais. – Janice estremece. – Nem que me pagassem um milhão de libras.” p.195

~~~~~~~~

Eu dei muita risada, mas o livro também quase me  matou de tanta angústia! A Becky tentando descobrir se Luke estava ou não tendo um caso com a médica acabou com as minhas forças, eu sofri tanto por ela e torci tanto rs. Não sei se quem já leu teve a mesma sensação, mas eu fiquei o livro todo com o coração na mão com medo de ser verdade. E a Becky toda tranquila fazendo compras e dizendo que o marido trabalhava demais! Ela indo sozinha há alguns compromissos pelo bebê e eu desconsolada querendo esganar o Luke.

Fiquei tão fissurada para saber o que iria acontecer que li até tarde da noite, só parei quando terminei. E tem um trecho tão legal no final que reli duas vezes o capítulo no dia seguinte, a agora antes de escrever a resenha li de novo hehe.

Eu tinha achado o volume anterior meio chatinho e mais do mesmo no começo, mas este eu amei! Becky está com a corda toda, e apesar de sempre surtar nas compras pelo menos agora ela tem um bom motivo rs. A médica é realmente uma vaca ruiva e eu tive vontade de esganar a mulher. E Luke junto, na maior parte do tempo. Adoro o casal e mal podia acreditar no que podia estar acontecendo. Enfim, vocês vão ter que ler para saber se ele pula a cerca ou não. :P

Eu adoro a série, e é até bom eu demorar tanto para ler, pelo menos não fico órfã da Becky e já tem mais um na estante esperando. Quem gosta de uma comédia bem vergonha alheia e adora compras e moda não pode perder! Leiam!! ^^

Série Becky Bloom de Sophie Kinsella
  1. Os delírios de consumo de Becky Bloom
  2. Becky Bloom: Delírios de consumo na 5ª avenida
  3. As listas de casamento de Becky Bloom
  4. A irmã de Becky Bloom
  5. O chá de bebê de Becky Bloom
  6. Mini Becky Bloom: Tal mãe Tal filha

Avaliação (1 a 5):

Comente e participe do Top comentarista de Abril, não se esqueça de preencher diariamente o formulário.

Postar um comentário

Posts Recentes

  © Viagem Literária - Blogger Template by EMPORIUM DIGITAL

TOPO